História No começo tudo era flores, até elas murcharem - Capítulo 13


Escrita por:


Notas do Autor


HELLO AMORES, desculpa a demora, porém tive uns pequenos contratempos, por isso espero que gostem.

Capítulo 13 - Capítulo 11


Na manhã seguinte, todos acordaram cedo, a manhã estava divina e ninguém queria perder, ou seja dia na praia.

- Bom dia meus amores, pelo que parece estam todos muito felizes. Kushina diz.

- Olha o sol mãe, com a minha transferência da universidade de Toronto, para aqui, as coisas ficaram malucas, estou cheia de papelada para resolver, fora as provas onlines. Naruko diz cansada.

- A unica coisa que eu quero agora é relaxar e curtir um pouco essa semana. Ela diz se estirando na carteira.

- Ainda não sei essa sua vontade imensa de querer voltar, ter esse trabalho todo, era só ficar lá por mais 1 ano, não teria problema algum. Kushina diz, do nada seus filhos começaram todos a querer voltar, estranho?.

- Ahh mãe, você sabe que eu quero muito aprender a tomar conta das redes Uzumakis, e agora isso vai servir como um estagio, fora que aqui em Tokyo temos as melhores empresas no ramo da tecnologia, seria um ótimo aprendizado. Naruko lhe responde, voltando a comer.

- Enquanto a vocês meus amores, planos? Kushina pergunta.

- Nem me olhe mãe, não sei se vou ficar aqui, ou irei voltar, estou aqui só para estudar mesmo, sabe que meu maior robe é estuda especies marinhas. Fala Menma com um brilho nos olhos.

- Você e seu amor, por especies aquáticas, mesmo comendo Sushi.  Fala Minato sensei rindo.

- Pois eu sogrinha queria muito vir para cá, porém, a faculdade está me dando um estagio na Russia, não posso perder, porém irei vir aqui sempre que puder, para ver o meu benzinho. Fala beijando Naruko, o que faz o casal Naru hina perceber o quanto falso ele era com essa ultima palavra.

- Ownt amor, eu também quero aproveitar o máximo com você. Ela diz o beijando.

- E você Sakura, já tem algo em mente. Kushina fala para ela, com um lindo sorriso.

- Sim tia, tenho um estagio em um dos maiores hospitais do país, não vou poder voltar por agora. Sakura fala sorrindo.

- Mas assim como o Emo, irei voltar sempre que puder, para o meu amorzinho. Sakura fala para Menma.

- Que bom querida, fico feliz por você. Fala Kushina sincera.

- Fora mãe, que isso ira ajudar ela, se tudo der certo ela pode ir com o senhor Utakata, para Africa, tipo os médicos sem fronteiras. Fala Menma feliz pela namorada.

- Um belo sonho Sakura, um belo sonho. Fala Minato, para ela.

- Bom gente vamos, acabar com o papo e curtir, temos uma linda semana de ficar na praia aproveitando. Fala Naruko sorrindo.

- Vamos! fala Naruto animado também.

Assim, todos comeram rápido e foram se trocar, estavam muito animados para a semana em família.

- Amor, que tal. Pergunto vestida com um biquíni maravilhoso, azul escuro.

- Você esta uma delicia amor, vamos descer logo, ficamos um pouco, aí iremos aproveitar num lugar divino. Naruto fala malicioso.

- Não posso esperar. Eu fala lhe beijando.

Assim que Naruto colocou a sunga, e pegou as toalhas, os dois sairão do quarto, desceram as escadas brincando e encontraram todos esperando na frente da porta. Naruko e Kushina estavam com biquínis incríveis, Kushina um vermelho escuro e Naruko um azul claro.

- Vocês estam divinas, mamãe, papai ganhou na loteria. Naruto diz indo abraçar as duas.

- Pelo que parece seu pai não foi o único. Kushina diz olhando para hinata e para sasuke.

- Bom vamos? Pergunto para as duas.

- Claro, só falta o Menma e a Sakura, porém estam demorando muito. Fala Naruko impaciente.

- Então vamos eles nos encontram lá. Minato fala abraçando sua esposa, pelo cintura.

Assim que os casais sairão da casa, não demoraram muito, a casa dos Uzumakis eram em frente da praia, porém o melhor lugar para aproveitar, ficava 5 min dali. 

- Ahh o mar, o sol, duas coisas que eu amo muito. Fala Naruko rindo.

- Nem me diga, olhe para nos, somos Namikazes, o sol nos ama. Fala Minato rindo e lhes mostrando um lindo sorriso.

- Ohh deus, como se acha o meu amor. Kushina fala abraçando Minato.

- Estou mentindo amor, sei que não, por isso vamos  surfar. Minato fala indo até umas pranchas. 

- Vamos pai, Agora sim estou animado.  Naruto diz pegando a prancha mais rápido possível e entrando na água. 

- Essas crianças,  então meninas vamos sentar, Sasuke? Kushina fala olhando para nos, já logo desviando o olhar para o sasuke.

- Não, obrigado, fiquem ai falando coisas de meninas, vou beber uma água de coco e trago para vocês. Ele diz, olhando para o meu corpo sem se importa com a sua namorada.

- Viu amor já pode ir, aproveita e chama o casalzinho, lá dentro. Naruko fala sorrindo.

- Viu, Ele fala saindo mas não antes de passar a mão em meu pescoço. 

- Nojento. Falo baixinho, para ninguém escutar.

- Falou alguma coisa hina? Kushina pergunta.

- Não nada, só estou cansada, trabalho e mais trabalho, posso até tirar ferias, porém..

- O trabalho não sai da gente. Naruko completa.

- Sei como é isso, posso até tá aqui agora, porém o novo ano na faculdade continua. Ela diz.

- Nervosa, para o novo dia de aula, e nova faculdade.? Pergunto

- Um pouco, porém nada que não esteja a meu dispor. Ela diz

- humm, e o sasuke, se conheceram como?

- Numa festa de amigos em comum, no começo eu achei que ele era um louco maniaco, sabe, vivia me espionando, porém eu percebi que era amor. Ela diz rindo, porém não senti firmeza na parte do amor.

- Humm então você o ama? pergunto-lhe.

- Porque não amaria? ela retruca.

- Não senti tanta força no seu amor. Eu lhe respondo.

- Não posso dizer a você que o amo mais que tudo, porém estamos juntos e felizes, isso basta.

- Se você diz. Eu falo, não quero brigar com ela, acabamos de nos conhecer.

- Bom, cade o Menma e a Sakura, será que aconteceu alguma coisa?. Kushina pergunta, acho que foi para cortar a tensão.

- Pois não morre mais, olha ele aí. Fala Naruko apontando para o Menma que estava chegando.

- Olha elas, que gatas, Hinata você está uma delicinha, Naruko horrorosa como sempre, e me madre perfeita, como ela sempre foi. Menma fala se aproximando de nós enquanto bebe uma Água de coco.

- Obrigada pelo elogio filho. Kushina diz pegando sua água. 

- De nada mamãe, hina, não precisa ficar vermelha. Ele diz olhando para mim, fazendo eu ficar mais vermelha ainda.

- Não ajudou muito, não é, idiota. Naruko fala com desdem.

- Aff, você é ridícula, agora irei surfar, mostra para eles como é que se faz. Ele diz indo pegar a prancha.

- Antes de ir, Menma, você sabe do sasuke, porque ele ficou de trazer as águas de coco, e até agora, estou morrendo de cede.? Pergunto já sabendo a resposta.

- Ele estava todo embananado tadinho, Sakura ficou para ajuda-lo. Ele diz já correndo até o mar. 

- Ele pode até crescer, mudar, ficar ciumento e ranzinza, porém esse amor pelo mar é imortal. Kushina diz. 

- Nem me fale mamãe, o apelido dele era peixinho na época da escola.Ela diz rindo.

- Nem me fale, ele odiava. Kushina responde e as duas riem. 

- Gente, estou morrendo de cede, vou ajudar os meninos. Eu digo, levantando.

- Viu minha querida, volte logo. Kushina diz, voltando a relembra o passado com a filha.

- Assim que levantei e comecei a andar cheguei em frente a escada, para subir até a entrada, e olhei para trás, a família  Uzumaki estava toda se divertindo, é ótimo vê essa interação da família, queria que a minha fosse assim também. 

Entrei na casa sem fazer barulho, não queria que os dois soubessem que eu estava aqui. 

- Aí perfeita como sempre. Sasuke diz.

- Obrigada, mas agora é serio como está indo o plano.?

- Bem, porém ela ainda não cedeu. Sasuke diz estressado.

- Não vai me dizer que perdeu o jeito, senhor Uchiha. Sakura pergunta.

- Nem vem com essa, sabe muito bem que eu consigo, pois foi assim que eu consegui você. Ele diz com raiva e desdem.

- Humm, então acabe com isso logo, não aguento mais. Sakura diz.

- Estou tentando, e você o trabalho esta indo bem.? Sasuke pergunta com cinismo na voz.

- Ao contrario de você, eu já consegui, ele está aos meus pés. Ela diz rindo.

- Que bom, so espero que não amoleça. Sasuke diz indo sair da cozinha.

Sai do meu esconderijo e fui até a porta aonde fingi que tinha acabado de entrar.

- Sasuke, Sakura, estam aí? Pergunto me aproximando da cozinha.

- Oi hinata, já estávamos indo levar as águas agorinha. Sakura fala para mim.

- Serio, e cade elas.? Pergunto me fazendo de ingenua. 

- Elas estam aqui Hinata. Sasuke fala trazendo duas. 

- Que bom, estávamos preocupadas, vocês demoraram. Falo passando a mão nele.

- Que bom que estam bem, a proposito, vamos precisar de mais. Eu digo pegando da mão dele, com um olhar maravilhoso.

- Com certeza, Hinata. Ele diz me olhando do mesmo jeito.

Assim que passei na porta, não sai de lá, e escutei eles falando.

- Então vai me dizer, que está querendo pegar a Hinata. Sakura diz, com acidez.

- Quem sabe, ela é uma delicia, fora que é a namorada do Naruto, não tem um ditado que diz,"olho por olho dente por dente."

- Eu sei, porém não confio nela, você viu o modo como ela falou nestante, para mim ela esta desconfiada. Sakura diz.

- Não, ela é ingenua demais, fora que não tem provas, e você viu o olhar dela sobre mim, ela está interessada. 

- Se você diz, porém cuidado, as santas são as piores. Ela diz saindo, acho que foi até a cozinha.

Assim que eles pararam de falar, fui até a praia de novo, não queria deixar suspeitas, já ouvi o máximo que precisava, agora é só espera um passo em falso deles.

- Ei gente, os meninos não vão sair de lá tão cedo. Falo sorrindo.

- Nem me diga, eles são teimosos demais. Fala Kushina.

- Porém logo logo saem, o que eles mais amam que se divertir? Comerr!! Fala Naruko sorrindo.

- Olá, trouxemos as águas. Sasuke fala abraçando Naruko.

- Que bom, pensei que nunca chegariam, estava morrendo de cede. Naruko fala pegando a água e bebendo.

desculpa amor, sabe como eu sou desajeitado e amo uma conversa, principalmente se for com alguém que conheço. Sasuke fala para ela.

- Sim, o ultimo verão foi magico. Sakura fala, mas não sinto firmeza em suas palavras e pelo que parece eu não fui a unica, Kushina olhou desconfiada para os dois. 

- Que bom queridos, que já chegaram, agora iremos aproveitar. Kushina diz.

Assim que Kushina falou, aproveitamos mais a praia, tudo bem que eu nem tanto, Sasuke não parava de me olhar, além de não parar de tentar apertar minhas coxas, porém consegui senta mais longe possível dele para isso não acontecer, ou seja do lado de Sakura que não parava de me analisar, ela estava desconfiada de mim, o que me deixou tensa no começo, porém isso logo mudou, precisava engana-los e para isso tinha que ficar a mesma de sempre, então comecei a me fazer de inocente e sempre que ela me olhava com raiva ou curiosidade eu sorria de forma calorosa, até ela me deixar em paz, estou me sentindo a espiã numero 1 da CIA.

- Meninos, venham almoçar. Kushina os chama, porém eles não escutaram.

- EU DISSE, VENHAM ALMOÇAR. Ela grita fazendo com que Naruto e Minato caíssem da prancha e Menma só terminasse e saísse. ]

- Desculpa mamãe, já estou indo. Menma diz saindo da água.

- Tudo bem amor, diga a Naruto e se pai que eu os espero la dentro. Ela termina de dizer e nos segue.

Assim que entramos dentro da casa o almoço já estava servido, pelo que parece a empregada chegou, fez o almoço e saiu, porém algo estava estranho, Kushina me deu uma cesta e disse que Naruto estava me esperando lá fora.

- Então para que isso? Lhe pergunto.

- Surpresa, então me acompanha. Ele pergunta.

- Sempre. Lhe respondo, seguindo-o.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...