História No Manners (Imagine Lee Taemin - SHINee) - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Uma boa noite aí para vocês brô! 💞

Estou trazendo uma one curtinha com o Taemin Lee porque cansei de procurar histórias com ele e aparecer shipp de TaeHyung e JiMin - bts (forma Taemin)...
Aqui uma one dele por conta dessa minha indignação e dele sempre ser injustiçado. Tragam mais coisas desse homem por favor, alimentem as cadelas de Taemin (eu no caso)

Bom, como disse, é uma one shot que está bem curtinha mesmo, porém claro que com aquele hentai maroto que tem né... Espero que gostem dessa aqui tbm 🤗♥️
Passem pelas notas finais, certo? Tem um recado super importante para vocês lá 👍😘

Cadelinhas do Taemin, essa aqui eu dedico para vocês!¡ 🤪🍀🔥

Boa leitura =

Capítulo 1 - Sem Provocações.


Fanfic / Fanfiction No Manners (Imagine Lee Taemin - SHINee) - Capítulo 1 - Sem Provocações.

Estou com muita sede para apenas olhar para você

Sedento oh sim, tão sedento

Eu não posso segurar, nem um pouco

Você me deixa com sede

Thirsty – Lee Taemin


Seus olhos passaram em volta do meu corpo profundamente e claramente, eu conseguia sentir um tesão acumulado dentro de si, queria além de tudo que entrasse rapidamente e fizesse da forma como ela mais gostava quando nossas noites de sexo se estendiam. Essa menina não me enganava mais, sentia o quanto estava necessitada e acumulada de excitação.

– Taemin… – mordeu seus lábios enquanto fingia um gemido baixo. O vestido que usava era curto o bastante para notar algumas vezes sua calcinha de renda, além do decote exuberante que carregava na parte da frente. Suas lindas coxas passaram em volta das minhas pernas e profundamente sua intimidade se juntou contra a minha coberta pelo jeans.

– Taemin? – segurei seu pescoço com uma certa força e a mesma soltou um sorriso sapeca. Ela sabia como eu odiava mais que tudo essas suas artimanhas, principalmente quando se encontrava na minha presença.

– Daddy.. por favor! – fechou seus olhos e mordeu seus lábios em seguida. Suas pequenas mãos seguraram as minhas que até então, estava em seu pescoço, ela levantou um pouco mais e levou um dos meus dedos até sua boca, começou a chupar lentamente enquanto me olhava.

– Você está tão necessitada assim? Parece uma cadelinha no cio. – com a minha outra mão livre, eu empurrei seu corpo mais um pouco para baixo e fiz com que a mesma mexesse sem quadril em torno da minha intimidade. – Me excita e então você terá o que quer. – ela sabia que minhas palavras teriam consequências depois, essa garota era como fogo, sabia muito bem às maneiras corretas de usar seu charme, porém, também sabia como me provocar e subestimar ao mesmo tempo. Se não soubesse controlar essa menina, provavelmente ela estaria fazendo da minha vida como queira.

Novamente, de seus lábios saíram um sorriso sapeca e logo mais suas mãos foram até seu vestido, onde aquele tecido fora puxado para cima e tirado de seu corpo logo em seguida. Levantei uma das minhas sobrancelhas ao notar que ela estava apenas com a calcinha ao qual havia mencionado e simplesmente sem o seu sutiã. Seus braços passaram em volta do meu pescoço e se prenderam ali lentamente, seu corpo começou a se movimentar em cima de mim de um lado para o outro, ela estava simulando pequenas cavalgadas dentre o meu colo e fingia arfares também.

Levei minhas mãos até seus cabelos e puxei a parte detrás com uma certa força, seu pescoço fora mostrado para mim logo mais e eu estava louco para deixá-la completamente marcada.

– Você gosta de me provocar não é? Sabe que não gosto das suas brincadeiras e mesmo assim continua com as mesmas coisas.

– Mas oppa, você quem pediu. – soltou uma risada de deboche, ela sabia que eu odiava quando me chamava neste termo coreano. – Oppa, não seja ruim para sua baby, eu sempre faço tudo por você.

– Espero que você não se arrependa quando eu te pegar de jeito essa noite.

– Você consegue Taemin? Consegue me foder melhor do que o Kai oppa? Ele foi tão fundo dentro de mim naquele dia que brigamos. – parei o seu corpo rapidamente e juntei os nossos olhos.

– Saía de cima, agora. – ela rapidamente fez o que pedi enquanto me olhava atentamente. Levei minhas mãos até a fivela da calça e empurrei ela para baixo em seguida, tirando do meu corpo e jogando para o outro lado. – Você vai aprender a nunca mais me provocar dessa forma. Tira a porra da sua calcinha 

– Taemin… – ela fez o que pedi em questão de segundos.

– Não fale nada. – sentei lentamente na cadeira, que, olhando agora, não resistiria às suas cavalgadas por muito tempo. – Vem, senta e cavalgava nesse pau, entra com a sua buceta rapidamente e movimenta como uma putinha que você é.

Não demorou tanto assim para a minha garota sentar na minha intimidade como queria e começar a mover-se rapidamente em cima de mim, porém, ela não levou meu pau para dentro de si, ficou roçando sua intimidade com a minha, causando uma ótima sensação dentro do meu corpo. Isso tudo apenas para deixar-me excitado? Sério garota? Ah, você é tão mal para o seu daddy, será que deveria puni-la por isso tudo que me causava? Essa garota me tirava do sério e acabava comigo em questão de segundos.

– Eu quero que você sente e não que provoque, vamos logo, estou ficando sem paciência.

Depois de soltar uma pequena risada fraca, suas mãos foram até meu pênis rapidamente e então ela segurou fortemente antes de levar para dentro de si. Gemi junto com ela quando senti a sua buceta apertadinha, óh, eu já estava sentindo falta disso. Meus olhos subiram de encontro aos seus enquanto ela se mexia rapidamente em cima de mim, por minutos, eu fechava os meus olhos e voltava a abri-los sempre que sentia uma sensação boa por causa dela. Subi minhas mãos e quando cheguei onde queria, puxei seu rosto para mais perto do meu, nesse momento eu beijei os seus lábios rapidamente enquanto ouvia ela gemer baixinho contra minha boca. Uma das minhas outras mãos foram até sua cintura e ajudaram ela com aquele aspecto, sei que minha princesa logo mais ficaria cansada.

– Taemin… – apertou seus olhos enquanto sentia a pressão que estava fazendo em cima da mesma. – Fode daddy.. fode a sua princesinha. – soltou com uma certa dificuldade mas mesmo assim não parou de cavalgar em mim.

– Diz princesa, diz para o seu daddy que você gosta de sentar em mim. – mordi meus lábios e apertei com força sua cintura. – Diz pra mim que você gosta…

O que ela mais fez foi fechar os seus olhos com força, apertar meus braços para não gritar alto o suficiente para os meninos ouvirem e depois virou seu rosto. Segurei um dos lados com força e deixei um pequeno tapa no outro lado, ela logo me olhou e negou lentamente sobre a minha pergunta. Contudo, deixei outro tapa em si, mas agora ao outro lado do seu rosto.

– Diz agora onde você gosta de sentar.

– Em você.. eu gosto de sentar no seu pau. Taemin-ah. – tomei o controle das suas cavalgadas em cima de minha pessoa e ela tentou se controlar para não gritar e acabar acordando os garotos nesse momento. 

Já estava um pouco tarde, eles provavelmente estavam dormindo no quarto ao lado, pedi para meu parceiro de quarto, Jongin, dormir em outro lugar hoje enquanto fodia com a minha princesa. Obviamente, eu odiei um pouco quando ele comentou sobre dividir a minha garota consigo hoje, falou sobre o seu fetiche sobre a mesma, mas cortei seu barato na mesma agora, avisei sobre ela não gostar desse tipo de coisa – mesmo sabendo que amaria – e sobre eu mesma sentir ciúmes. Talvez Jongin estava aproveitando essa turnê do superM e sobre minha garota ter vindo também, mas dessa vez não dividirei a minha garotinha com ele, sinto muito. 

– Amor.. fode mais rápido.

– Minha garotinha já está tão perto assim? – fiz como ela havia pedido e acelerei minhas estocadas dentro dela. Trouxe seu corpo para mais perto de mim e na região do seu pescoço, eu acabei mordendo aquele local com força e também deixava alguns chupões. – Aposto que o Jongin não te fodia dessa forma, aposto que ele não te fazia gritar tão desesperada como você grita o meu nome.

– Taemin-ah.. está perto. – fechou seus olhos novamente quando minhas mãos passavam em volta dos seus cabelos.

– Ele não sabe te foder como eu sei. – mordi meus lábios quando senti a sensação boa se aproximando também.

– Eu quero.. ah.

– Vá meu amor, se derrame em cima de mim.

Bastou minha boca ser fechada para ela realmente soltar o seu orgasmo entre minhas pernas e o meu pau. Rapidamente a mesma tirou minhas mãos de onde estavam e fez com que parasse de cavalgar em mim. Seu corpo foi jogado para cima do meu e a mesma tentou controlar sua respiração, já eu, comecei uma pequeno carinho nos seus cabelos enquanto levantava sua cabeça para me encarar com aqueles olhos de puro fogo e luxúria.

– Nunca mais diga que Kim Jongin fode melhor do que eu. – ela não disse nada, apenas me olhava enquanto ria fraco da situação. – Você me ouviu, ____?

– Sim daddy.. eu ouvi o senhor. – mordeu seus lábios. – Pode ser sincera? Ninguém mais sabe foder como o senhor sabe, eu amo quando me deixa devastada, daddy. – sorri com sua resposta e deixei um beijo no topo da sua cabeça.

– Boa menina. Agora deita no chão e fica de bruços, eu quero te foder de costas enquanto deixo marcas nessa sua bundinha gostosa. Não seja mau para o seu daddy, eu ainda não gozei, princesa.


Notas Finais


Tenho uma proposta para vocês;
Caso queiram, eu posso começar a trazer mais one/two shot com o Taemin para o site... O que vocês acham? Querem? 🤗💕

Nossa gente, se eu sento em um homem desses não tem no mundo quem me tire... Aff, amo demais ele, sem condições! Cadelinha assumida de Taemin Lee (au au) 💘💕
Espero que tenham gostado e comentem o que acharam também, certo? 🤩💋

Meu Perfil: @Justiny
Perfil de imagines longos: @Sweetback


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...