História No quarto ao lado - Capítulo 52


Escrita por:

Postado
Categorias One Direction
Personagens Harry Styles, Liam Payne, Louis Tomlinson, Niall Horan, Zayn Malik
Tags Drama, Romance
Visualizações 131
Palavras 880
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Musical (Songfic), Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 52 - Mudança



          >> POV MIRANDA <<



Finalmente chegou o dia em que eu e Harry nos mudaríamos. Levaríamos tudo que tinha nos nossos quartos, ele levaria inclusive seus instrumentos. Segundo ele faria do quarto de hóspedes o estúdio dele.


Eu estava sentada no chão do quarto colocando tudo em caixas e começou a passar pela minha cabeça como tudo passou tão rápido. Talvez eu estivesse sendo precipitada por estar me mudando com mais ou menos um ano me envolvendo com Harry. Mas qualquer relacionamento que tem 10, 20, 30 anos, teve que passar por onde estamos passando. 


Dobrei roupa por roupa colocando em malas e até que ouço alguém bater na porta. Assim que pergunto quem é, a porta abre e vejo meu pai ali parado em pé sorrindo pra mim.


- Oi pai. Pode entrar. - Digo feliz.


- Oi filha. Vim ver como estão as coisas. Harry disse que o caminhão de mudanças chega em 30 minutos. - ele diz parecendo empolgado. Talvez estivesse tentando manter as coisas no clima mais good vibes. 


- To terminando de colocar as coisas em caixas. - Digo colocando uma foto minha e da minha mãe em uma caixa com coisa frágeis. Meu pai se senta no chão e pega a foto que acabei de colocar ali.


- Ela estaria muito orgulhosa de você sabia? - Ele diz.


- A mamãe? 


- Sim. Você indo pra faculdade, saindo de casa, uma mulher feita. - Ele diz


- Fico assustada ao pensar assim. Mas não quero me distanciar de vocês. O natal é daqui há uma semana já. Sempre estarei vindo com o Harry fazer um churrasco com o resto do pessoal, sempre estaremos por aqui. - Digo sorrindo pegando na mão dele e ele acaba se emocionando e deixando escapar lágrimas, eu o vendo assim acabo fazendo o mesmo.


- Se cuide meu amor. Saiba que estaremos aqui pro que vocês precisarem. - Ele diz e beija minha cabeça deixando que eu termine de organizar tudo.


Em minutos acabo e começo a tirar as coisas do quarto, Harry faz o mesmo deixando tudo na sala. A cama que ficará no quarto principal é a do Harry por ser maior. A minha ficará aqui mesmo.


Os instrumentos, Harry guarda com cuidado e logo faz o mesmo com seus quadros. 


O caminhão chega e começam a nos ajudar com tudo. Meu pai por teimosia tenta carregar algumas coisas mas logo brigo com ele. O repouso ainda não acabou. Ele se contenta. 


Anne chega pra se despedir de nós dois, ela comprara um carro menor e deixou que Harry ficasse com o que antes era dela. Eu tinha o meu, deixamos algumas coisas no carro e logo nos despedimos dos nossos pais.


- Juízo meu filho. Não esquece de ligar pra gente. - Anne diz beijando a cabeça do Harry.


- Você também viu mocinha? - Meu pai diz.


- Sim faremos isso. - Eu digo e em seguida Harry diz o mesmo. Depois de muitas lágrimas e abraços saímos dali deixando nossa adolescência pra trás, e também nossa dependência dos nossos pais. 


Seguimos cada um em seu carro e quando paramos no sinal vermelho me permiti soltar algumas lágrimas. Eu estava emotiva por toda essa fase nova na minha vida.


Chegamos ao apartamento e logo começaram a descarregar as coisas. Ajudamos e como não eram tantas coisas, logo terminaram.


Assim que o pessoal foi embora Harry trancou a porta, eu sentei no chão mesmo onde seria um sofá. E logo Harry se juntou a mim. Olhamos um pro outro e ele me deu um beijo calmo no topo da minha testa.


Eu não estava no meu melhor dia, pelo contrário. Estava suada, descabelada e cansada da mudança. Até que ele puxa um assunto.


- Você está a coisa mais linda do mundo. - Ele diz e ironicamente eu sorrio por ter acabado de pensar o contrário sobre minha aparência.


- Eu?! Claro que não. Você deve estar brincando. - Digo bufando.


- Eu amo você de todas as maneiras possíveis meu amor. Você é o meu sonho. - Ele diz e sem perceber sorrio boba com o que ele diz.


- Eu te amo tanto. - Digo e encosto minha cabeça em seu ombro.


Começo a pensar que finalmente somos só nos dois como sonhamos por vários dias. Lembro das noites que dormi chorando, dos encontros as escondidas e até mesmo quando meu pai parou de falar comigo. Todos os sacrifícios que fizemos valeu a pena. De repente sinto um enjôo e levanto correndo procurando o banheiro. 


Vomito assim que chego lá, sento no chão ainda fraca e Harry assustado fica me olhando da porta.


- Miranda... - Ele diz


- Não pode ser... - Digo imaginando uma gravidez agora. Ele diz que vai comprar um teste na farmácia que fica na esquina, ansiosa fico esperando ele chegar.


 Em 5 minutos o mesmo chega correndo com 3 testes de gravidez. Faço os três rapidamente que segundo ele, indicaram ser o mais eficaz.


Esperamos os dois minutos para que o teste fizesse efeito, foram os dois minutos mais longos da minha vida, comecei a pensar na faculdade e em todo o futuro que havíamos planejado. Assim que passam os dois minutos pego os testes olhando os resultados.





Notas Finais


Uh que mistério bb


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...