História No Ritmo - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Agradecimento, Amizade, Homenagem, Originais, Passado, Recordações
Visualizações 19
Palavras 577
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Lírica, Poesias

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Oie, cá estou novamente com mais uma Fanfic, capítulo único, coisa rápida mas escrita com muito carinho, essa pessoa merece, e apesar de ter largado o site, sumiu geral, em meu ponto de vista, por mim, merece ser lembrado. Não, claro que não citarei nome, nada haver, a intenção é que vale, ele sabe, onde quer que esteja, provavelmente muito bem, que foi e como foi especial em minha trajetória, no mais agradeço. Boa leitura!

Capítulo 1 - Capítulo Único


Fanfic / Fanfiction No Ritmo - Capítulo 1 - Capítulo Único

Foi estranho, quente, intenso e viciante...
Foi aquela pessoa que me fez pirar, ir a todos os possíveis planetas em 1 ou 2 segundos, me fez morder os lábios naturalmente, sem incentivo, era necessidade, veneno, me fez aquecer com suas palavras, ou não precisava palavra alguma, só estava lá comigo, sempre. 

A gente se conheceu, viveu, fez planos, loucuras, sonhos, dividiu momento estranhos, partiu em seguida pra amizade, quase voltamos, depois estabelecemos somente a boa e velha amizade mesmo, tudo passou e aconteceu, você sumiu, ficou as boas recordações. 

Ficava muito furiosa quando você me chamava de dramática, pra você era tudo tão simples que quase a gente se mandou juntos por o mundo a fora, coisa de site quase se torna real.
Imagino como teria sido caso tivesse dado certo, quero nem pensar, nossa. 

Você chegou na minha vida no momento que eu mais precisava, nos conhecemos por acaso na madrugada, foi natural, bom. Você chegou quando as pessoas tentavam fazer de mim uma "boneca", quando tentavam decidir tudo por mim, você mudou-me  tocando o foda-se, me ensinou demais como a vida pode ser bem melhor, me mostrou que eu poderia ter atitude e iniciativa própria. 

Quando você me chamava de mimada eu sentia vontade de explodir e te socar, por que eu sabia que antes de te conhecer eu era mesmo uma mimada, que aceitava tudo, aí você chegou me ensinou ser mulher, me ensinou tanta coisa, sei lá...Obrigado!

Entre esses ensinos, aprendi ouvir Rap, 3030 marcou minha vida, história, assim como você sabe, notável. 

Eu não consigo jamais te odiar por ter ido e jamais voltado, éramos amigos quando se foi, conhecidos, nosso momento já tinha dado tudo que tinha acontecer, eu não posso ser ingrata, você me mostrou como o mundo é realmente, dor, suor, realidade, batalha, que eu poderia ser eu mesma, fazer minhas próprias escolhas, ser forte, comum, fora de série. 

Se fosse possível eu realmente citaria seu nome 1 milhão de vezes aqui, mas não seria legal, pra mim ou pra você, sei que está bem, nos rôles da vida, quebrada, sabe?

Desejo de todo coração que tenha encontrado alguém tão especial quanto você, que mude sua trajetória, te faça cada vez melhor, como fez comigo, você merece.

Obrigado, por me fazer entender, cooperar, que eu tenho escolha, que posso trilhar meu próprio caminho, você é inesquecível. Lembranças boas, é isso que somos, você não parece com ninguém.
Jamais vai parecer ou chegar alguém como você, espero que ainda seja, e muito melhor. 

Hoje eu sou assim, dedicada, esforçada, voz ativa, sigo meus próprios caminhos, escrevo minha história, por que lá atrás, você me mostrou que eu poderia ser bem mais, eu posso e sou, V-A-L-E-U! 

Me machuquei tentando encontrar em outras pessoas sua essência de ser, malandro, sonhador, que sabe lidar com tudo e todos, esperto, sábio, que vai, que se manda sem saber quando volta, mas aprendi que assim, só você, insuperável, e eu tive o prazer, a honra de partilhar esses momentos e loucuras, nos permitimos, é isso aí. 

E sim, estou escrevendo esse pequeno textinho, história, homenagem de gratidão ouvindo 3030. - Vai lá - 

Por que um grande amor, a gente nunca esquece, a gente viveu, melhor ano aquele, poxa, sério, agradeço por todas as idéias e no mais foda-se os rótulos, até a próxima quem sabe, aquela amiga que você pode contar sempre, a menina, a mimada, a  dramática, que você ensinou ser mulher. 


Notas Finais


Espero que tenham curtido a leitura, agradeço a atenção, até a próxima. beijos! 😘💐😊😙


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...