1. Spirit Fanfics >
  2. No ritmo do amor - ROMANOGERS >
  3. Vamos, acorda!

História No ritmo do amor - ROMANOGERS - Capítulo 46


Escrita por:


Notas do Autor


Oi, meus xulindos!

Voltei, e quero agradecer por cada cometário eu amo ler os comentários de vocês a opiniao de vocês e obrigada por tudo!

E quero saber se vocês estão gostando da história, estou pensando em migrar para o watppad mas quero a opinião de vocês, quero saber se estão ou não gostando da história!

Capítulo 46 - Vamos, acorda!


Fanfic / Fanfiction No ritmo do amor - ROMANOGERS - Capítulo 46 - Vamos, acorda!

Hoje fazem três semanas que Natasha está  no hospital, ela apresentou grandes melhoras nessa última semana o que os médicos achavam impossível de acontecer, hoje ela foi tirada do coma induzida mas não acordou, todos os seus familiares e amigos visitam ela diariamente e cada um tem o seu momento a sós com Natasha, para fazer ela entender que já passou da hora de ela acordar.  Steve esteve e está todos os dias ao lado de Natasha, e sua filha já está em casa aos cuidados de uma babá e Sara e as demais ficam com ela sempre que podem ou quando não estão no hospital… Mas sempre que Sara pode ela leva Natália para o hospital, tanto para Steve quanto para Natasha. Steve se sente mal por ficar longe do seu potinho de amor, mas Natasha está precisando mais dele neste momento, já que Natália tem a atenção de todos a sua volta, Sara sempre leva roupa limpas para Steve … Já tem uma semana que Natasha foi para o quarto e Steve dorme em uma poltrona de frente pra ela, as vezes ele até deita ao lado de Natasha para que ela posso sentir o  calor do seu corpo, a respiração de Natasha pesa toda vez que ele faz isso é como se ela soubesse que é Steve e não fundo ela até sabe que é o seu, o amor de sua vida ao seu lado… Steve conversa com ela diariamente e informa sobre o seu potinho, o que deixa o seu rosto mais suave. 

 

Hoje Sara irá levar Natália para o hospital, para Steve e ele quer colocar nos braços de Natasha o potinho de amor para que ela possa sentir a filha deles perto dela, a filha que ela ainda não conhece, e nem pode segurar em seus braços, mas talvez esta idéia a faça querer ela acordar logo. Todos os seus amigos e familiares, já passaram para sua visita diária exceto Sara, Steve já ligou pra ela duas vezes e ela sempre diz a mesma coisa que já está chegando, o milionário começa a andar de um lado para o outro ansioso para ver sua filha, mas o único remédio que acalma Steve em momentos como esses são os lábios de seu anjo, sempre que ele pode o loiro rouba uns selinhos da ruiva, só para ter o prazer de sentir os  lábios dela no seus, Steve começa a tocar os lábios de Natasha mas neste momento a porta se abre e escuta a voz de sua mãe o repreendendo. 

 

Sa: Steve! Pelo amor de Deus meu filho, não abusa da menina ela não pode se defender…

 

Diz Sara com Natália no colo, se segurando para não rir de Steve 

 

S: Céus Mamãe, você quase me mata do coração… Por que demorou tanto ?

 

Diz ele pondo a mão no peito sentindo seu coração acelerar, Steve caminha até sua mãe e pega Natália em seus braços, ele pega meio sem jeito mas pega, ele se aproxima da cama e apresenta mãe e filha. 

 

S: Hoje você tem uma visita mais que especial meu anjo…

 

Steve diz colocando Natália sobre é suas mãos sobre a pequena 

 

S: Essa é nossa meu anjo, sinta ela em seus braços meu amor… cenourinha, essa mulher linda que está te segurando agora é sua mãe, uma das mulheres que mais amo… Sim uma das mulheres! Vocês são as mulheres da minha vida e eu sou capaz de tudo por vocês, pela felicidade de vocês! 

 

Diz Steve com os já marejados, e Natália começa a choramingar manhosa, Steve encara Natasha e pode ver lágrimas escorrem por seu rosto dando certeza a ele de que ela sentiu sua filha em seus braços 

 

S: Mamãe ela está chorando, a Nat está emocionada eu sei disso … ela está sentindo a nossa filha

 

Diz Steve eufórico já não conseguindo segurar as suas lágrimas 

 

Sa: Eu sei meu filho, ela sente o nosso carinho e o nosso amor e acredite não vai demorar muito para ela acordar 

 

Diz Sara também emocionada sem conseguir tirar os olhos de Natasha e Natália 

 

S: Acorda meu anjo, abre os olhos pra você ver o quanto o nosso potinho de amor é lindo … Por favor acorda meu anjo

 

Pede Steve um pouco mais alto, do que queria e acaba assustando sua filha que começou a chorar… Steve pega Natália no colo, tirando ela de cima de Natasha, fazendo a respiração dela ficar mais acelerada e sua expressão mudar.  

 

S: me perdoa minha princesa, o papai não queria te assustar meu amor 

 

Diz Steve acalentando sua filha e então aos poucos ela para de chorar, Sara pega Natália dos braços dele e começa a andar com ela pelo quarto, Steve se aproxima novamente de Natasha e ela começa a se agitar, ela tenta gritar para que não tirem suas filha de seus braços, mas sem sucesso.

Ela não aguenta mais ficar desse jeito, ela precisa acordar ver sua filha, seus amigos e família ela quer abraçar Steve… Ela precisa reagir sua filha está no quarto,  ela quer ter ela em seus braços, ela tenta abrir os olhos mas suas pálpebras estão pesadas demais. 

 

"EU QUERO MINHA FILHA, MINHA FILHA" sua mente grita, ela sente seu corpo formigando a sua garganta arranhando de tanta sede que sente, depois de algum tempo tentando abrir seus olhos ela sente as mãos de Steve segurando as dela e isso é apenas mais um motivo para que ela não desista agora… Ela tenta mais uma vez abrir os olhos e finalmente ver a claridade da luz, ela pisca algumas vezes até se acostumar com toda a claridade em seus olhos e ela pode ver finalmente sua filha nos braços de sua avó que a mima com tanto carinho, Natasha fica tão feliz por ter conseguido abrir os seus olhos que sua vontade era de levantar e sair correndo para pegar sua filha em seus braços, Natasha junta às pouca forças que lhe restam e aperta as mãos de Steve para que ela percebesse que ela estava acordada, Steve encara Natasha como se não acreditasse em que seus olhos viam.

 

N: Fi- filha. ..

 

Sussurra Natasha com dificuldades 

 

S: Nat meu amor… oh, meu amor! Você acordou meu anjo! Céus mamãe, a Nat acordou 

 

Diz Eufórico, distribuindo Beijos pelo rosto de Natasha. 

Natasha olha bem no fundo dos olhos de Steve, e ver o quanto ele está aliviado por ver ela finalmente acordada ela nem teve muito tempo de reparar nele, pois o que chamou sua atenção foi o potinho lindo no colo de Sara, ela já estava aos prantos encarando Natasha com um enorme sorriso no rosto e em questão de segundos ela se aproxima de Natasha, ela estende os braços para pegar sua filha e quando a pega se sente no céu. 

 

N: Eu te amo meu potinho! A mamãe te ama meu amor, me perdoa por não ter visto você nascer, mas eu prometo não perder mas nem um momento importante da sua vida minha princesa 

 

Sussurra entre as lágrimas enquanto Sara a encara com a mão na boca, Natasha olha para sua sogra e dar um sorriso de agradecimento por tudo e a chama para um abraço 

 

Sa: como você está se sentindo minha filha ? Você precisa de alguma coisa ? Está com sede ?

 

Pergunta Sara de forma carinhosa sem tirar o sorriso do rosto 

 

N: Água, por favor 

 

Sussurra e Sara rapidamente sai para buscar água, Steve se coloca na frente de Natasha e só então ela percebe o quanto ele está abatido… E está mais magro também, sua olheiras indicam que ele não está dormindo bem, seu cabelo e barba estão maiores mas mesmo assim ele não deixa de ser lindo e sexy, nem assim Natasha deixa de admirar e desejar Steve o seu Steve. 

 

N: Eu te amo Steve, me perdoa por fazer você passar por tudo isso 

 

Diz ela já quase chorando novamente, e então Steve se aproxima 

 

S: Hey! Nada disso é culpa sua meu amor, não se sinta culpada por nada meu anjo, se alguém tem que se sentir culpado esse alguém sou eu, Sharon e Alexi era problema meu eles não tinham o direito de fazer isso com você 

 

Diz pegando a mão de Natasha apreensivo  e apesar do loiro se sentir aliviado por sua amada está acordada,  Natasha ainda pode ver tristeza nos olhos dele 

 

S: Eu nunca vou me perdoar,  pelo que fizeram com você Nat… me perdoa meu anjo, eu sinto muito meu amor, me perdoa por favor 

 

Diz Steve se derramando em lágrimas, pegando Natasha de surpresa com isso, é então Natália começa a chorar 

 

N: Por favor meu amor, não faz isso comigo… Você me salvou quando eu não tinha mais ninguém nessa vida, além de pepper e Wanda… Você me salvou desta vida solitária, ali eu estava morta e você me salvou… Você me meu deu o seu amor, sua família, me deu seus pais como se fossem meu, me deu o nosso potinho amor, você fez o possível e o impossível para sermos felizes juntos, eu nunca imaginei que depois de ter perdido meus pais, teria novamente uma chance de recomeçar e ser feliz 

 

Diz Natasha devolvendo o carinho em seu rosto fazendo, E quando Steve acalma o seu choro Natália também acalma 

 

N: Não me peça perdão amor, pois eu não tenho nada o que perdoar e sim a agradecer! Por você está sempre ao meu lado e ter me dado este presente maravilhoso que está em meus braços..  Eu te amo Ste! Eu te amo muito meu amor. 

 

Diz Natasha sorrindo para Steve que se aproxima beijando de leve seus lábios 

 

S: Eu te amo meu anjo, eu amo você é amo nossa filha… Amo a família a qual construímos, eu amo vocês e isso inclui o Dogder 

 

Diz Steve fazendo Natasha sorrir entre as lágrimas, e então ele abraça as duas mulheres de sua vida com o maior cuidado do mundo.  







 


Notas Finais


Me sigam no Instagram: @adrianefernandes_

Bjs e até a próxima!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...