História No Type - Justin Bieber (HIATUS) - Capítulo 91


Escrita por:

Postado
Categorias Gigi Hadid, Justin Bieber
Personagens Gigi Hadid, Justin Bieber, Personagens Originais
Visualizações 358
Palavras 485
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Crossover, Festa, Ficção, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 91 - 27


Ja estavamos na espécie de igreja improvisada que haviam feito no quintal da casa do Bieber, que seria a minha também a partir de hoje. Toda essa fantasia de igreja e vestido branco estava sendo só para agradar uma parte da família de ambos os lados que não sabia de nada sobre nossas vidas obscuras. 

Ok, agora eu fui melancolica. 

O juiz do sobmundo do tráfico estava a nossa frente falando palavras totalmente sem nexo, afinal, ele era apenas um juiz e dos corruptos.

- Para de enrolar cara e termina logo isso - Justin murmura alto o suficente para que somente eu e o juiz escultasse. 

O juiz acente. 

- Por meio do poder a mim concedido e na visão dos aqui presentes, eu por meio deste, selo essas duas almas aqui dispostas, as unindo como uma só pela enternidade. - fala - Falem as palavras. 

Eu, na verdade, nunca pensei que as falaria um dia. Nunca havia passado pela minha cabeça que eu me casaria com alguém desse mundo, por isso evitava sair com qualquer um do tipo. Eu jurava que iria ter minha vida normal, já tinha tudo planejado: me formaria na faculdade de moda em Milão, me tornaria uma grande estilista ou provavelmente uma modelo, encontraria algum cara legal e se tudo desse certo, poderia até me casar com ele. 

Mas aqui estou eu, vestida nesse vestido branco em frente a um cara que conheci a um pouco mais de um mês atrás. Minha sorte é que pelo menos ele é bonito, gostoso e bom de cama. O que compensa sua impulsividade, chatisse e o jeito madão. 

Eu gosto dele e sei que ele deve gostar de mim também, mas meu medo é: conseguirei ama-lo? Não quero ser infeliz ou construir uma familia infeliz. 

- Pai. Ladrão. Guerreiro. Mãe. Herdeiro. Viúvas. Banidos. Minha alma agora se uni a dela - Justin começa olhando em meus olhos - Jurando perante o ferro desenhado em meu corpo que darei minha vida protegendo minha esposa e filhos, a partir desse dia até o último de meus dias. 

Justin continua a olhar em meus olhos e eu não consigo tirar os meus dos dele. Segurando em sua mão o mais forte que consigo, falo. 

- Pai. Ladrão. Guerreiro. Mãe. Herdeiro. Viúvas. Banidos. Minha alma agora se uni a dele - suspiro - Jurando perante o ferro desenhado em meu corpo que darei minha vida protegendo minha esposa e filhos, a partir desse dia até o último de meus dias.

 Bieber sorri assim que completo o juramento e eu retribuo. 

- Pode beijar a noiva. - o juiz fala. 

Justin ataca meus labios em um beijo lento e calma, e eu não deixo de retribuir. Escutando os aplausos das pessoas que ali assistiam ao momento, nos separamos para olha-las. 

É isso, minha alma agora esta acorrentada ao loiro a minha frente e ancorada no submundo do tráfico. 



Notas Finais


Voto inspirado em game of thrones porque sou dessas rs

Desculpe o cap bosta


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...