História Noite Quente - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Alessandro "Alesso" Lindblad, Robert Lewandowski
Tags Hot, Jogador De Futebol, Ménage
Visualizações 112
Palavras 1.427
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Fantasia, Hentai, Literatura Feminina, Romance e Novela, Universo Alternativo
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Não ia postar, mass que graça tem ne? espero que gostem, comentem pra aquecer meu core pq o corpo já fodeu todo kkkkk s2

Capítulo 1 - Capitulo Único


Fanfic / Fanfiction Noite Quente - Capítulo 1 - Capitulo Único

 

Pov Alesso

Bato um papo com meu primo antes de subir ao palco para a ultima apresentação da minha turnê pela Polônia. Ele é casado com uma mulher bonita e atraente, mas três anos juntos está deixando Lewy incomodado com a rotina. Ele devora uma garrafa de cerveja enquanto eu começo a me afastar para me preparar para o show.

Ao sair do camarim sinto um baque contra meu peito, Aline, ela sorri abertamente. Já disse muitas vezes o quanto  adoraria me conhecer e que admira meu talento como dj. Nos vimos uma vez apenas na festa de seu casamento, depois disso apenas breves conversas pelo zap do marido.

‘’Espero que goste do set’’

‘’Ah eu vou gostar com certeza.’’ ela diz empolgada tirando as mãos do meu corpo, com um dos seguranças me chamando nem me lembro de pedir desculpas por quase derruba-la de bunda no chão.

Não demora muito para a introdução começar. A galera agitada antes mesmo de eu subir e quando apareço às luzes me focam fazendo todos gritarem alucinados, nunca vou conseguir entender essa energia. Mal consigo achar meu primo no meio da galera, Aline a sua frente pulando agitada com os cabelos sobre o rosto de forma sensual. Eu não devia olhar para ela assim, mas depois do que Robert me propôs...

Uma hora e vinte depois desço do palco sentindo-me derretendo, dou algumas entrevistas e entro no carro do meu primo, vamos para sua casa esse é o plano. Aline me olha surpresa, mas ainda sorrindo como quando a vi no corredor.

‘’Foi incrível, parabéns, Robert nem de longe tem esse talento.’’

Solto uma risada secando meu rosto com a toalha e tomando uma agua.

‘’Meu talento é outro, mas tão lucrativo quanto o seu’’

 

Pov Aline

Reviro os olhos. Estou no meio deles e já posso sentir meu corpo ficar tenso com tanto calor e energia.

Os olhos azuis de Robert estão me fitando o rosto e sua boca toca a minha em um beijo do qual retribuo sem me importar com os outros homens no carro. Nunca fazíamos nada de diferente e essa noite ate aqui ta sendo fantástica. Agradeço-o em um sussurro, ele deixou sua rotina puxada de trabalho para realizar um capricho meu, ver o primo tocando.

‘’Vocês formam um lindo casal’’ Alesso diz

‘’Escolhi bem ne?’’ Robert provoca.

 Aonde esses dois estão querendo chegar?

Robert desce do carro, Alesso me espera e desce também, arrumo meu vestido e seguimos sendo acompanhados pelo motorista e um segurança, Alesso diz que eles podem ir. Os dois obedecem.

Robert entra no elevador, Alesso também, sinto calor, muito calor. O que esses dois vão fazer? Encoro confusa meu marido.

‘’Ele vai ficar com a gente?’’

‘’Se você quiser meu amor’’

Animada com a ideia de ter um dj maravilhoso por perto a noite inteira possui meu corpo me deixando com as pernas tremulas.

Faço que sim com a cabeça, claro que quero.

‘’Agora você pode beber’’ Robert pega uma cerveja no frigobar e entrega a Alesso que a abre tomando um longo gole, primeiro analisando o ambiente, nossa sala confortável e bem ampla com vista para um belo jardim com piscina.

‘’Uau, esse sobrado é foda’’ ele diz indo para perto da janela. Observo descaradamente sua bunda sob a bermuda larga. Mordo o lábio encarando meu marido sentando-se mais a vontade no sofá de couro. Seus olhos azuis passam por meu corpo, estou suada e devo estar ainda descabelada. Posso sentir o que ele esta pensando, meu corpo estremece com nossa ligação.

‘’Vou tomar um banho’’ Alesso deixa a garrafa sobre a mesinha e se afasta.

Aproximo-me de Robert sentando-me em uma de suas pernas, está tão relaxado como não vejo há meses. Ele desliza a mão quente por minha coxa levantando meu vestido.

‘’O que acha disso? Só essa noite?’’

‘’Ele é seu primo’’ digo inserta de que isso é uma coisa certa a fazer.

Rob beija minha mão e meus lábios segurando suavemente meus cabelos em uma pressão gostosa que me acende ainda mais.

 

Pov Alesso

De toalha na cintura volto ate a sala, Robert tem sua mulher nua sobre seu corpo ainda vestido, me aproximo receoso. Robert sempre foi um safado incorrigível, mas com sua esposa?

‘’Chupa ele’’

Aline percebe minha presença e me olha com um sorriso sexy. Se levanta graciosamente e se aproxima do meu corpo, passando de leve seus dedos por meu peito ainda húmido deslizando ate a toalha, morde o lábio inferior me olhando nos olhos. Gosto dessa conexão.

Não digo nada, fico parado esperando-a, mas como a morena não consegue tomar nenhuma atitude, talvez por seu marido ainda estar ali, puxo-a pela nuca enfiando minha boca a dela que arfa com minha aproximação juntando nossos corpos. Termino de beija-la quando sinto Robert atrás dela ainda vestido tocando seus seios entre os dedos, a morena mantem seus olhos nos meus.

 

Pov Aline

‘’Chupa ele’’ Robert pede novamente. Ainda estou paralisada com tamanha perfeição, cabelos molhados ate seus ombros não me era uma imagem muito sexy em um homem ate agora. Me ajoelho após tirar de vez a toalha de seu belo corpo tatuado sentindo meu coração martelar tão forte que posso até escuta-lo. Alesso é bem Diferente do meu marido que prefere manter o corpo apenas malhado, mas sem tatuagem. O que não  me importo, gosto de Robert exatamente como é.

Sinto Robert segurar meus cabelos prendendo-os entre seus dedos e percebo que essa fantasia não é somente minha. Abro a boca recebendo aquele membro duro e perfeito na minha frente, quero dar prazer a eles, quero receber prazer.

Alesso toma meus cabelos movendo meu rosto em direção a sua ereção, saboreio todo o conteúdo sentindo já minha intimidade encharcada. ‘’Vamos’’ Robert pede e Alesso me leva ate o sofá colocando-me sentada no colo do meu marido agora já completamente nu e pronto para me receber. Ele me agarra o rosto me dando um beijo molhado e desesperado enquanto me encaixo em seu pau deslizando-me nele recebendo um prazer incontrolável em meu corpo. Alesso segura minha cintura e passa algo em minha entrada enquanto Robert mete devagarzinho me deixando ainda mais excitada.

Olho em seus olhos e não preciso dizer nada, sei exatamente o que ele esta fazendo por mim. Eu contei sobre esse fetiche há um tempo atrás, só não pensei que ele seria capaz de realizar, Meu marido sempre foi muito ciumento assim como eu. Agora me resta esquecer de tudo e me entregar a essa divertida perversão.

Sinto o homem atrás de mim me possuir lentamente, meu marido espera e só depois de me sentir mais relaxada eles começam a se moverem, agarro o peito de Robert mantendo meus olhos nos seus tão azuis e intensos, beijo-o devorando sua boca extasiada com a sensação de ter dois homens explorando meu corpo.

Robert mete mais forte e Alesso agora segura meus cabelos me puxando o rosto me dando um beijo selvagem cheio de mordidas e provocações com sua barba, como é bom. Separo nossos lábios quando os dois me penetram de forma tão intensa que apenas consigo gemer e me contorcer chegando a um orgasmo dominando todo meu corpo.

Mas não quero que pare por ai, me levanto e fico de joelhos pegando o membro de Robert levando-o a boca devorando como fiz com o dj minutos antes. Robert geme e já posso sentir que esta pronto para gozar. Alesso se posiciona atrás de mim beijando minha nuca e costas sinto sua língua por minha pele e quase desmorono sobre o sofá  quando sinto seu pau novamente me penetrar indo e vindo apenas uma vez me deixando necessitada por mais. Continuo dando atenção ao meu marido enquanto Alesso mete agora mais forte e como se estivesse disposto a quebrar todos meus limites. Robert com um gemido rouco goza em meus lábios, Alesso mete mais e mais agarrado a minha cintura e se desfaz também me levando junto com ele. Com o corpo tremulo e anestesiado sinto Robert me beijar a boca com suavidade. Alesso mantem as mãos em meus seios, sorrio para ele que os beija e suga. Não aguento mais. Porem Robert se diverte com o olhar dele por sobre meu corpo e enfia um dedo depois outro me torturando mais uma vez, com o polegar em meu clitóris sensível estou quase morrendo de tanto tesão.  Alesso chupa meus seios com maestria e eu não resisto a outro orgasmo inevitável. Os dois me olham tão rendida e sorriem maliciosos, tão pervertidos e eu adoro a expressão que aprecio neles.

 

 

 

 

 

 

 

 

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...