História Noites De Amor (JIKOOK) 18 ( REPOSTADA) - Capítulo 32


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jimin, Jungkook
Tags Jikook, Jimin, Jungkook
Visualizações 180
Palavras 1.338
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Lemon, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Que isso Jinsus! Jungkook seu tarado!
Mas confesso que adoooooro!

Bora ali ver oque está rolando? Leiam as notas finais 😘

Capítulo 32 - TRETA - part 3 Final ( Repostada)


Fanfic / Fanfiction Noites De Amor (JIKOOK) 18 ( REPOSTADA) - Capítulo 32 - TRETA - part 3 Final ( Repostada)

O rapaz bebericou pela última vez, deixando seu copo em cima do balcão e foi em direção a pista de dança, mais especificado " se colar atrás de Jimin".

Jungkook continuava a observar bebendo seu Whisky, o rapaz estava mordendo a isca direitinho, ou apenas tentando né!..

Jimin estava tão vidrado na música que não se importou de ser encoxado, pobre Jimin achava que era seu marido, mas estava totalmente enganado, dançava sensual, descia e subia sem pudor, já estava alegrinho demais, enchergar e notar, que as mãos que estavam em sua cintura nao eram de Jungkook..

Jungkook se xingava mentalmente por permitir tão ato absurdo com seu marido, porém seu sorriso diabólico dizia outra coisa. Terminou seu 6 copo de Whisky, aturou por dois míseros minutos do inferno seu marido ser assediado por um desconhecido, não que o rapaz fosse de se jogar fora, detalhes: Alto, um corpo musculoso mais nem tanto, seu corpo era mil vezes melhor que esse mero safado, mas tinha que confessar, ele tinha uma boca perfeita, uma pele de dae inveja, estava bem trajado, porém isso não muda o fato de estar dando em cima do que não lhe pertence..

Se levantou respirou fundo, foi em direção ao banheiro, sabia que a música já estava no final, e seu marido iria para o banheiro logo após, não só pelo fato de conhecer bem o marido, mas porque já havia tomado vários shot de Tequila e não tinha ido ao banheiro.

O maior entrou no banheiro ficou na primeira cabine próximo a porta, para da início ao jogo, pensou mentalmente mil formas de trucidar o " tarado por maridos dos outros ". Riu após pensar no rapaz como seu concorrente, onde já se viu, concorrer com um rapaz mais novo, sendo que já é casado com aquela beldade, pedaço de mal caminho, pensando em fazendo contagem regressiva por intuição.. 3... 2... 1.. E porra lá estava Ele sorriu vitorioso e ficou em silêncio..

OH MEU DEUS QUE CALOR -falou Jimin em frente ao espelho lavando o rosto.

De repente a porta foi aberta revelando um rapaz bonito, aos olhos turvos de Jimin, que nem se deu falta de algo " vulgo seu Marido".

O rapaz entrou, olhou para Jimin que o encarava normalmente, fechou a porta trancando-a.

O sangue de Jungkook ferveu, mas manteve a postura!

XX:Oi Mochi hyung! - Olhou safado pra Jimin.

Jimin: Oi? Quem É você?e porque me chamou de mochi? - Falou meio tonto e confuso.

XX: Já se esqueceu de mim Amor?


OI? Amor? Como ele chama o meu marido de amor!? Jungkook só faltava cuspir fogo.


Jimin olhou confuso, sem entender nada, já havia visto o rapaz, porém não se lembrava de onde..

XX: ok! Já vi que não se lembra, deu alguns passos em direção a Jimin que recuou encostando na pia.

XX:Eu sou Kim.. Kim Jong-in, seu estagiário lembra? .. Sorriu sapeca

Kim.. Jon- Jong-in? - Falou pensativo, enquanto o rapaz chegava mais perto ficando frente a frente com o baixinho.

YAA! - O que pensa que es-esta f-f-fazendo?- Jimin tentou falar sem gaguejar com a aproximação repentina do rapaz encostando em si.


Kim: shiii!, sabe mochi quando eu te vi, fiquei muito encantado, ter um chefe tão gostoso assim MEU DEUS! -Falou Jong-in se abanando, .. E quando eu entrei na sua sala, só por curiosidade, acabei vendo uma foto sua - olhou novamente o baixinho de cima a baixo com malícia mordendo o lábio, - Eu fiquei tão excitado, e te ver dançando daquele jeito, nossa.. Olha o que você comigo Hyung, ( apertou sua ereção por cima da calça) , essa sua bunda me deixa louco.

Jimin tentou se afastar, mas foi em vão, teve sua coxa agarrada pelas mãos do rapaz.


Kim: viu Hyung? Que tal a gente aproveitar que estamos aqui sozinhos hm? E aproposito me chame de KAI, porque eu estou kaidinho por você.. - Riu safado!

P- para, E-e-eu nem te conheço - Jimin falou apavorado.


Kim: Shiii! Eu sei que você também quer - apertou mais a coxa de Jimin.


Yaaa! Me S-solta A-agora ! -quando Jimin ia gritou, os dois se assustaram com o barulho da descarga e uma porta se abrindo, revelando um Jungkook com um olhar e sorriso diabólico no rosto!

J-jungkookie - Jimin chamou baixinho quase inaudível.

Opa! Parece que cheguei em uma hora boa em- falou encostado no batente da porta.

Kim: Desculpa ae Amigão, mas vai procurar o seu porque esse aqui eu não divido! - Sorriu ladino.

Então quer dizer Mochi que você ia se divertir sem mim? Falou caminhando até a porta, retirado a chave, e foi em direção aos dois.

Kim: saiu de perto de Jimin, encarou o rapaz alto a sua frente, - Ei não sabe o que significa privacidade não?

Jungkook olhou pra ele, mordendo os lábios..

- Sabe rapaz, como é seu nome mesmo?? Jo-jo-jong-in? - KAI o outro falou bufando..

- EU sou Jeon... Jeon Jungkook., o Marido desse gostoso aqui sabe - Sorriu sádico olhando para um KAI com olhos arregalados..

Jungkookie o que faz aqui? - Falou manhoso, não entendendo nada por causa da bebida.

Então - pegou na cintura de Jimin o virou com brutalidade contra a pia, o fazendo gemer - Eu também fico excitado só de olhar essa bunda - falou apertando as nádegas de Jimin, enquanto KAI olhava assustado e Jimin gemia..

- EU fico de Pau duro só de ver ele tomando banho, imagina se ele abaixa? - HUUUUM! Jungkook falou jogando a cabeça pra trás fechando os olhos

- Sabe a melhor parte? - Perguntou para KAI, que estava vermelho, abaixando a cabeça e resmungando um Não bem baixinho! .

Kim: N-não!

Quando estou o fodendo fundo e forte e ele geme pra mim, chamando meu nome...

Jungkook abaixou as calça de Jimin junto a cueca do mesmo, penetrando dois dedos a seco na entrada do mesmo, ouvindo ele gemer alto, KAI estava estático, não imaginava que isso iria acontecer., Jungkook acertou Jimin na pia, ainda de costas pra si, tirou seu sinto, abaixou lentamente suas calças e a cueca, colocando seu pau duro como pedra pra fora logo penetrando Jimin a seco com força.

AAAAH! Jungkookie - gemeu alto fraquejando..

Deu a primeira estocada - Mostra pra ele amor, como você geme quando eu te fodo, hum? Sua mão foi para cintura do baixinho segurando com força, e a outra ao pescoço do mesmo, o esticando violentamente, fazendo Jimin gritar.

Vai mochi, Geme vai- AAH, HUUUM!, isso Jungkookie vai mais forte, mete fundo, Aah!

KAI estava vermelho de ódio, e vergonha, ele já havia entendido, mas não precisavam se comer em sua frente, os gemidos de Jimin gemendo por outro o fez brotar, queria sair dali correndo, porém não teve jeito..

Jung penetrava o menor, tão forte que as pernas do pequeno frquejaram o fazendo impulsionar e subir no colo do maior.

Jimin estava gritando, se não fosse pela música alta, todos estariam ouvindo, sons de uma transa muito louca.

Mostra pra ele a quem você pertence, Jungkook datava e dava tapas nas nádegas e coxas de Jimin..

AAH! Você daddy- fala pra ele só quem pode te tocar, mais tapas foram distribuídos, - VOCE GARANHÃO, - fala pra ele quem te faz gozar várias vezes em uma foda hum?? - Jimin só sabia gritar, seus gemidos eram excitantes..

Maia algumas estocada e os dois chegaram a um perfeito e único orgasmo, gemendo alto.

KAI saiu do seu transe quando a chave bateu em seu peito, caindo no chão, o mesmo agachou pegou rápidos as chaves correu para abrir a porta, antes de sair foi chamado..

Ei Kim Jong-in? Espero que você tenha outro hospital em mente para trabalhar, se não quiser um marido louco em sua cola - aproposito você não é de se jogar fora! - Jungkook piscou e sorriu sádico para o mesmo.

Kim saiu correndo assustado, nunca mais iria chegar perto do agora Ex Chefe!


~~ Quem manda mexer com o que nao te pertence!


Notas Finais


Eita KARALHO, esse Jungkook me fez chorar horrores só não digo por onde né hahahaha.

Se vc gostou desse CAP, favorite
deixe seu gostei nos comentários , vai ali no meu perfil me siga, adicione a fic mas suas leituras fique por dentro de tudo que acontece com esse casal Safrajin kkkkk, oi tudo bem? Virei FicTube
Muahahahahahha! Amo vocês


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...