História Nonsense everyday with a unnatural family - Capítulo 1


Escrita por:

Visualizações 3
Palavras 965
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Bishoujo, Bishounen, Comédia, Ecchi, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Ficção Científica, Fluffy, Hentai, Luta, Magia, Romance e Novela, Seinen, Shoujo (Romântico), Shounen, Sobrenatural, Violência
Avisos: Álcool, Canibalismo, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Oiiii povo!!! Quero que curtam essa história onde terá muita comédia e coisas bizarras como em Nichijou.

Capítulo 1 - Como tudo começou.



Fafnir *

Tudo começou numa manhã de primavera, as cerejeiras desabrochavam 
 suas flores rosa vividas.

Depois de 780 anos após concluir o ensino fundamental, estou agora entrando no ensino médio no ano de 1982, no mesmo ano que lançou aquele filme do Spielberg... Eu andava tranquilamente por uma calçada destensa repleta de cerejeiras, mas não sabia que naquele mesmo dia minha vida iria mudar.

Quando eu andava calmamente pela calçada eu escuto o som de algo vindo do céu, como se uma bola de fogo enorme do tamanho de um ônibus espacial estivesse caindo e mirando encima bem encima da minha cabeça, mas não dou nem a mínima. 

Quanto mais eu andava, mais o som aumentava, até se tornar irritante a ponto de me fazer olhar para o céu e gritar.

Eu - CARALHO!!!! QUER PARAR COM~

Quando percebi, era uma enorme nave espacial no formato de um navio pirata pequeno, e estava vindo na minha direção. Pensei em correr ou voar, mas com a experiência adquirida vendo filmes de desastres eu sei que se correr a nave me atinge, me mata e deixa meus órgão como panquecas, então eu fiquei parado no meu lugar, sem avançar. A nave cai a alguns metros a minha frente, provocando uma enorme cratera e explodindo em fogos rosas e verdes pra tudo quanto é lado e assim que parou... eu me virei pra esquerda para atravesar a rua destruída porém algo me para... Não sério, alguém apontou uma arma laiser nas minhas costas e ficou falando em uma língua estranha.

Alien - Leve-me ao seu lider!

Eu - Oque?

Alien - Leve-me ao seu lider!

Eu - Desculpa... Eu não falou seu idioma. 

Alien - Caraca!!! Esses buracos nas laterais da sua cabeça não servem p~

Assim que ela me vira, eu me preparo para cuspir fogo nela mas o engulo assim que a vejo. 

Song.

Lovin'you is easy 'cause you're beautiful.
Makin' love with you is was I wanna do.

Acho que a musica explica bem a situação... Ela era linda, cabelos longos e verdes, rosto sujo de cinzas porém não deixando de ser lindos, roupas rasgadas deixando as linhas vermelhas em sua pele a mostra, enormes seios e baixinha... Deus era tudo o que eu sonhava.

Depois desse encontro... A gente deu uns pegas, bem hard, ficamos 3 semanas na privacidade. 

(Didi - Privacidade é outra coisa pra mim... Vuco vuco)

Calado... Mas foi mesmo o que aconteceu. Depois de uns 50 anos juntos nos casamos e depois do casamento expulsamos todos os meus familiares que no caso são dragões, menos minha avó materna, ela é advogada de defesa, eu sei é muito sangue frio, e não convidamos a familia da Etenia (minha alienzinha) porque depois de três semanas que nos conhecemos ela me contou que era uma fugitiva do Império Pirata Espacial por uns motivos, tipo se recusar a se casar com os pretendentes que sua mãe escolheu, por tentar matar o pai... E por comer o último pedaço do bolo de casamento da irmã (esse ultimo foi a causa de tudo). Ela disse tbm que queria continuar virgem e dominar toda a galáxia e mostrar que virgens são mais poderosos que os desvirginados, mas assim que a perguntei o por que desistir disso por um dragão adolescente, medroso e virgem ela disse "Porque amei você de primeira e depois pensei, foda-se os virgens".

Depois de um tempo, decidirmos ter filhos, mas como não era o periodo fertil da Etenia nós decidimos fazer a coisa mais normal de todas... Invadimos um cemitério e roubamos partes de corpos de bebês meninas. Chegando em casa, costuramos as partes com uma linha de metal resistente e inquebravel que com o tempo vai colando as partes do corpo... Esperamos uma tempestade de raios, voei com a criança no céu e assim que recebeu o primeiro trovão ela ganhou vida.

Etenia - Esta viva... ESTA VIVA!!!!!!!!!!! - Foi o que ela gritou quando eu trouxe a neném. 

Depois que a Frankie (nossa filha feita de corpos) cresceu e completou 3 anos nós decidimos ter outro filho já que estavamos muito bem de vida - Eu trabalho em uma torre protegendo uma princesa até seus 18, ai a agência me manda pra outra e a minha alienzinha trabalha com mangá e visual novels (ela é muito otaku) - decidimos ter outro filho, e pra dar certo nós deixamos a Frankie com minha mãe e fomos a um tipo de SPA de casais chamado de "Seita Passo para o Inferno", lá recebemos comida, um show particular e na hora, nós fizemos muito sexo... Mas fomos expulsos no 3 dia de sexo por causa do barulho. No dia do nascimento do meu segundo filho, aconteceu umas coisas estranhas, tipo um tornado, uma tempestade de areia e o povo do SPA envolta da cama de hospital vestindo mantos pretos e fazendo reverência. Quando o meu filho Haruna nasceu, percebemos que ele nasceu com dois chifres e duas lindas e pequenas asas.

Assim que levamos o Haruna pra casa, ele começava a atentar, destruir as coisas, até que ele parou quando viu algo que ele achou muito legal... Melancia. Ele ficava o dia todo abraçado a uma e a Frankie abraçada nele.

Assim cresceram um pouco, tivemos outra filha a Shido que agora tem 2 anos, diferente dos outros dois, o dela foi acidental fazendo com que o Haruna a chame de bastardinha, o que estranhamente a faz rir. Junto a Shido, nós adotamos um Pet, um bode muito retardado e fofo que chamamos de Paleta.

Essa é minha família esquisita.

Esqueci de mencionar... A 3 anos atrás um pato começou a me seguir segurando uma faca... Ninguém acredita que tem um pato querendo me matar... Mas eu vou provar pra eles... PRA TODOS ELES!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!


Notas Finais


E ai? Gostaram? Comentem o que acharam


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...