História Nos apaixonamos pelas estrelas que caem - Capítulo 1


Escrita por: e pluto-

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jimin, V
Tags Finalmente, Fluffy, Killerga, Stars!au, Taemin, Vmin, Yaoi
Visualizações 63
Palavras 745
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Fluffy, LGBT, Shonen-Ai, Yaoi (Gay)
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


NÃO ACREDITO QUE FINALMENTE TO POSTANDO ISSO AQUI GENTEKKK

Eu tenho um carinho muito, muito grande por esse one-shot, e eu amo ela demais. Faz um tempinho já que tenho ela pronta, mas também sou muito insegura com ela, por isso demorei a postarkkkkk nervosa to

Aliás, eu escrevi ela enquanto ouvia Champagne Supernova do Oasis, então sim, inspirada nos reis <3

Enfim, tenho algumas coisinhas pra falar lá nas notas finais. Por enquanto, espero que tenham uma boa leitura e que gostem, mesmo <3

Capítulo 1 - Único; supernova


Quando eu conheci Taehyung, eu era apenas mais uma estrela naquele céu que contava milhares delas. Apesar de me sentir tão comum quanto ao brilho de todos os pontos cintilantes, não é como se eu não me sentisse balançar. 

Eu sabia que o vento não tocava a galáxia, e que não havia algo a mais para me fazer mover que não fosse eu mesmo. Nenhuma outra se movia um centímetro sequer, todas tinham a postura perfeita em suas posições complexas, ainda que nada calculadas, já que no fim, cada estrela daquelas estava ali por um motivo; talvez não tão presente ou claro, mas era o destino que fazia com que todas se mantivessem acesas e presas em sua própria essência, mesmo que não de forma dolorosa ou forçada, afinal, o universo poderia conceder um castigo melhor do que ser eternamente preso a si mesmo? 

Eu pensava assim até me sentir cair, quando o brilho, que antes era meu, iluminou todos os cantos escuros e duplicou a já imensamente brilhante galáxia que nos era casa. Todas as estrelas se vidraram à mim; a estrela caída. 

Em alguns contos, anjos caíam e se tornavam demônios, condenados a viver para sempre no fogo que supostamente queimava sob nossos pés. Em minha versão, eu caía e me tornava uma estrela sem luz, condenada eternamente à escuridão.

E foi ali, no meio de todo o pó e estrelas opacas, em um canto escondido na parte mais alta, que senti meus olhos queimarem em frente a luz que iluminava mais do que qualquer estrela na qual tive a honra de pousar os olhos, ou mais ainda que a galáxia inteira da qual eu um dia caira. 

A estrela mais brilhante de todas tinha nome e sobrenome, e tinha caído dos céus assim como eu, contou. 

E mesmo que eu jamais tivesse coragem de não acreditar em algo que sua voz suave dizia, me era estranho que tivesse caído do céu e permanecesse brilhando em meio a toda aquela escuridão. A única estrela que fora capaz de manter seu brilho após uma queda tão trágica que era aquela: o deixar do céu. 

E foi ali mesmo, em meio àquela escuridão intensa que apenas conseguia ser iluminada com sua presença, que sua luz conseguiu alcançar um pouco e acender o mínimo de minha chama já apagada. 

E mesmo que eu acreditasse fielmente que minha luz havia me deixado completamente na noite em que os céus me expulsaram, dissipando-se por entre caminhos da galáxia que eu jamais conheceria e tomando rumos que levariam à outras. 

Você me disse o mesmo, de que meus pensamentos foram tomados no dia em que recebi sua chama pela primeira vez, e foi corajoso o suficiente para fazer a pergunta antes que eu tivesse tempo ou juntasse esforços. 

"Por que és o único que brilha aqui?"

 Exatamente. Por que és o único capaz de iluminar minha escuridão em meio àquele emaranhado de estrelas apagadas e sem rumo? Por que fostes o único que conseguiu me mostrar que jamais deveriam nos chamar de estrelas cadentes como costumavam, apenas para nos dar um valor que já existia? 

Pois sim, Taehyung. Nós éramos as duas estrelas caídas em meio a todas as estrelas cadentes que haviam. Pois as estrelas cadentes, ao caírem , deixam seu brilho para nunca mais, e as estrelas caídas sempre têm a chance de se erguer aos céus novamente.

E quando você me segurava pela mão, eram os poucos momentos em que eu mesmo conseguia sentir meu próprio brilho irradiar e contornar toda a minha silhueta, e eu a via ressaltar em teus olhos a mim mesmo; tão profundos e brilhantes que por pouco não ouso compará-los à galáxia, ressaltando as estrelas de sua alma a os planetas inteiros que moravam em você e no brilho de sua própria essência. 

E eu, agora a anos-luz de distância do céu que costumava chamar de lar, me sentia tão em casa ao encarar suas orbes que poderia para sempre nelas morar. 

Morar em ti e tua morada me tornar. 

E se o tivesse ao meu lado, por toda a eternidade que nos pertencia e a qual havíamos nos tornado, não me importaria de permanecer o resto de minha existência em meio ao pó e a escuridão, se me servisses de luz guia. 

Seguraria sua mão e entrelaçaria nossos dedos, mesclando nossas luzes invisíveis aos olhos. Me iluminaria contigo e eu também tua luz seria. 

Pela eternidade, até que nos tornássemos em supernova.


Notas Finais


É isso gente aaa

Pra quem não sabe, eu amo vmin muito, muito, e quero escrever mais coisinhas com os dois sz

Quero agradecer à Mamãe Di @jeonaja pela betagem perfeita, que com certeza me salvou. Brigada mesmo, anjo <3
E também à @jacksonwngg pela capa LINDA DE LINDA QUE ME FEZ GRITAR DE AMOR. Muito obrigada também, bebê <33

E À THAMI @AmericaScarlet que não vai precisar me bater. Postei tarde mas postei, nenê rsrs <33 Obrigada por me motivar, Tatá, você é um anjinho aa <3 <3

É isso gente, obrigada por terem lindo e eu espero de verdade que vocês tenham gostado dela como eu gostei do resultado, mesmo <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...