História Nossa amiga - Capítulo 10


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink
Personagens Jisoo, Kim Taehyung (V), Lisa
Visualizações 6
Palavras 1.741
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Crossover, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 10 - Capítulo 10


Meu semblante mudou totalmente. Eu estava tão animada até ver a garota pertubante. Sei muito bem que ela apenas tem interesse no Tae por conta do seu status.

Tentei ao máximo não se importar com a presença daquela menina tão bem vestida e elegante - o que tem de bonita tem de chata_.

Tae sai de perto de mim e pra não ficar sozinha, vou atrás das meninas. Procurei em todos os lugares, mas nem sinal de nenhuma delas,  apenas Mina.

Com a tentativa falha de acha-las, cheguei perto do frigobar e peguei uma garrafa de Soju. Me sentei em uma mesa um pouco distanciada e comecei a beber.

Logo vejo Tae se aproximar e se sentar ao meu lado, colocando seus braços ao redor de meu pescoço.

(S/N): Onde estava? --- olho séria para o mesmo..

(Tae): Conversando com alguns amigos. --- tenta me dá um beijo, mas recuso..

(S/N)Quero conhece-los..

(Tae)Mas o que? --- se engasga com a bebida.. - Por quê quer conhecer meus amigos?

(S/N)Talvez seja porque sou sua namorada?

(Tae) Tudo bem. Vem, ti apresento meus amigos. --- se levanta e me puxa pelo braço.. --- Mas não vai me trocar por nenhum deles huh!

Apenas sorrio e encaixo meus dedos nos de Tae. Ele me guia até uma mesa e quando nos aproximamos da mesma, acho que quase surto. Todos eram lindos. Por um momento achei estar no paraíso. Fiquei calada observando aquela preciosidade toda até sair de meus pensamentos ouvindo estalos na frente do meu rosto.

(Tae) Ei, você está quase babando. --- revira os olhos.. --- Bom pessoal, essa é minha namorada, S/n. --- me cola em seu corpo e aperta minha cintura de leve.

Xx: Muito bonita você hein! ---pega minha mão e beija.. --- Prazer, sou Jimin.

(Tae) Ei, tira o olho. --- da um tapa de leve na mão de Jimin que ainda segurava a minha..

(S/n)Taehyung! --- o olho séria.. --- O prazer é todo meu Jimin. - sorrio meiga..

Xx: Olha Tae, você está de parabéns. Prazer linda, sou J-hope.

(S/n)Obrigado Hope, posso ti chamar assim?

(J-hope): Claro flor.

(Tae):Por que você só chama ele por apelidos? --- revira os olhos.. --- Sou teu namorado e nem de amor tu me chama..

(S/n): Tae, não é hora pra isso. -- sorrio mega forçado e empurro ele de leve..

Todos se apresentaram. No fim de tudo conheci Namjoon, Jin, Suga, Jungkook, J-hope e Jimin. Todos são simpáticos e super educados. Conversamos por bastante tempo. Enquanto conversamos, olhei em volta e finalmente avistei as meninas. De mansinho sai de lá e fui até a mesa das meninas.

(S/n)Pensei que não viria Jisoo. Demorou tanto.

(Lisa) Ela derrubou bebida no vestido. Teve que voltar pra trocar de roupa.

(Jisoo) Não foi por que eu quis. -- reclama -- Cadê o Tae?

(S/n) Tá por aí, conversando com os amigos  --- dou de ombros e pego o copo de bebida em cima da mesa..

(Jisoo)Vamos beber gente?

(S/n)Vamos.

(Lisa) Suas cachaceiras.

(Jisoo)Lisa! Tu fala como se não bebesse feito louca - ri alto..

(Lisa) Só que não.

Enquanto conversávamos, começou a tocar uma música bem agitada. Então fomos pra pista dançar. 

Com vários copos de bebidas na mão, passamos o restante da festa bebendo e dançando. Tae saiu de onde estava e começou a dançar comigo. Nos beijavamos e voltávamos a dançar, colados o tempo todo e trocando carinho. Sabe né, dois bêbados apaixonados dançando e se paparicando a festa inteira. Até esqueci da presenta de certas pessoas pertubantes que se encontravam naquele local.

 Dia seguinte - ás 11:45.

Acordo com a cabeça mega dolorida e com tontura. Sento na cama, e ao olhar para trás vejo o Tae.

Pera.


O que?

O Taehyung na minha cama?

(S/n) Taehyung!!!! - empurro o mesmo..

(Tae) Mas..- você tá louca menina?..--- passa a mão na bunda por conta da dor eu acho.

(S/n)Como veio parar aqui?

  

~ Tae on ~ 


Vi S/n conversar com as meninas numa mesa um pouco longe da minha, e fiquei a observa-lá o tempo todo.

Elas começam a beber e conversar, logo uma música agitada começa a tocar e elas se levantam e vão para a pista dançar.

Os rapazes que estavam lá ficam olhando muito para S/n - com motivo, pois ela estava uma maravilha naquele vestido - e começo a me sentir incomodado, então levanto e vou até a mesma, puxando-a para dançar comigo. Pelo que percebi, ela estava totalmente bêbada, então bebi pouco pra poder cuida-lá.  Ela acha que estou bêbado igual ela.

Ela a todo momento passava a mão pelo meu rosto, me beijava e falava coisas sem nexo, como "Você parece com meu namorado" ou então " Nossa, como você é lindo". Estava tão fofa bêbada, eu ria demais com tudo que ela dizia. Apenas fazia carinho na mesma também.

(S/n) Você é muito lindo sabia? --- passa a mão nos meus lábios.. --- Se não namorasse eu ti pegava, seu gostoso!

(Tae)Você tá bêbada demais, melhor irmos embora.

(S/n)Me leva pra casa ô bonitão. -- fala arrastado por conta da bebida.. --- Me perdi do meu namorado.

(Tae) Aish. Vamos logo.

Levo a mesma para o carro e coloco o sinto. Volto para dentro e vejo Jisoo, e graças ao Senhor ela não estava bêbada demais, estava sóbria. Me aproximo da mesma.

(Tae) Jisoo, vou levar S/n pra casa. Ela está bêbada demais.

(Jisoo) Tudo bem. -- sorri maliciosa.. -- Mas não se aproveite da situação hein.

(Tae) L-Lógico que não vou me aproveitar dela. --- guaguejo..

(Jisoo) Espero huh. Vá logo.

Saio de lá e volto para o carro. Entro em me deparo com S/n dormindo encostada na janela do carro. Tão serena. Parto em direção a casa da mesma. Já ia dar 3h00 da madrugada e as ruas estavam um pouco vazias.

Estaciono o carro na frente de sua casa e pego a mesma no colo - com muito esforço - e a levo até lá dentro. Seus pais já estavam dormindo e ela estava também em um sono profundo em meus braços. Levei a mesma até seu quarto e coloquei a mesma sobre a cama. Tirei seus saltos e aquele vestido.

Senhor.

Que corpo maravilhoso.

Puta merda.

Sai de meus pensamentos e fui até o guarda roupa, tirando de lá uma blusa grande e vesti na mesma. Quando ia sair do quarto ouço uma voz.

(S/n) Dorme aqui oppa. --- sorri maliciosa.

(Tae)Melhor não amor.

(S/n) Por favor, prometo não abusar de você. --- faz biquinho..

(Tae) Tá bom.

Ando em direção a porta do quarto e fecho-a. Ainda de costas sinto mãos rodearem minha cintura e me puxar para a cama.

S/n me joga na cama e sobe em cima de mim com força. A mesma ataca meus lábios e começa a se mexer encima de mim. Aquilo estava me levando a loucura, mas não podia continuar. Queria que nossa primeira vez - juntos - fosse bem especial, e não quando ela estivesse bêbada, pois não iria se lembrar de nada.

(Tae) Melhor você ir dormir. --- tiro-a de cima do meu colo..

(S/n)Ah não! Vamos transar meu amor.. --- beija meu pescoço..

(Tae) A-ah melhor não. --- arrepiado por conta de seus toques..--- Vamos dormir huh?

Puxo a mesma pra se deitar corretamente e a cubro com o edredom. Tiro minha roupa ficando apenas de cueca box e deito. Assim, então ambos dormimos. E agradeço a Deus por S/n não ter insistido naquele ato.

Quebra de tempo -

Acordo com um empurrão e um grito alto. Minha bunda dolorida ficou.

(S/n) Taehyung!!!

(Tae) Mas..- tá louca menina? --- passo a mão na bunda por conta da queda..

(S/n) Como veio parar aqui? --- olha para baixo.. --- Ou melhor, porque está de box e eu de camisão?

(Tae) Eu ti trouxe para casa..

(S/n) Tá. Mas porque tá de box? --- para pra pensar e arregala os olhos.. --- N-Nós transamos?

(Tae) Não. --- a mesma sorri aliviada --- Mas você quis.

(S/n) Como assim eu quis?

Contei tudo para a mesma e ela apenas ouvia tudo envergonhada. Estava tão bonitinha corada.

(S/n) Que vergonha. --- põe a mão no rosto..

(Tae)Não precisa sentir.

(S/n)Tae?

(Tae)Huh?

(S/n) Obrigado por não se aproveitar da situação. --- cora e abaixa a cabeça.

(Tae) Tudo bem baixinha. --- beijo sua testa..- Agora preciso ir.

(S/n) Tudo bem.

A mesma me leva até a porta e eu vou para casa. Queria que hoje fosse um dia especial, queria fazer uma mini surpresa para ela , já que a pedi em namoro e não fiz nada de legal.

Preparei tudo assim que cheguei em casa - com a ajuda dos empregados é claro - e mandei uma mensagem para a mesma, avisando que iria pega- lá às 14:00 hrs pra fazer uma surpresa a ela. 


~ S/n on~

Fiquei super envergonhada com tudo que Tae disse. Ele foi pra sua casa e eu logo fui tomar um banho. Tinha faltado aula, tomara que não tenha nada de tão importante na aula hoje.

Fui arrumar a casa e fazer o almoço. Terminei tudo e me sentei no sofá. Até receber uma mensagem do Tae dizendo que iria fazer uma surpresa e iria me pegar as 14:00 hrs.

Ja eram 12:56, então fui me arrumar para a tal surpresa. Apenas tomei outro banho já que havia suado e vesti uma calça jeans e uma blusa estilo ciganinha.  Amarrei os cabelos e calcei um tênis.

As 14:00 em ponto, ouvi uma buzina na frente da minha casa e fui avisar meus pais que iria sair. Sai de casa e vi o moreno me esperando encostado no carro. Selei nossos  lábios e o abracei.

(Tae) Vamos minha flor. --- abre a porta do carro para que eu entre. .

(S/n) Cuida, estou curiosa.

Seguimos caminho até sua casa. Ele para o carro bem na frente e abre a porta para mim. Coloca uma venda em meus olhos e me guia até lá dentro.

(Tae) Vamos!

O mesmo vai guiando meus passos, e por fim chegamos ao lugar desejado. Ao tirar a venda me espanto com o que vejo.

Uma varanda toda bem decorada com corações e pétalas. Na janela algumas frases em cartões e bombons em um pote proximo a janela. Uma mesa bem no centro e encima um buquê de rosas. Me aproximo da mesa e sento.

(S/n)Tudo isso pra mim?

(Tae) Você gostou amor? --- sorri minimo..

(S/n) Adorei. -- beijo o mesmo que logo abre um sorriso de orelha a orelha..

(Tae) Sr. Lee? --- olha para trás.. --- Traga a comida!

(Sr. Lee) Sim senhor. --- se retira..

Alguns minutos depois ele volta com dois pratos em cima de uma bandeija. E um deles estava tampado. Ao abrir me deparo com uma caixinha  vermelha em formato de coração e escrito bem do lado num bilhete de papel cor rosa..

"Seja minha namorada oficialmente a partir de agora?"


Notas Finais


Mais um meus nenens❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...