História Nossa história - Capítulo 16


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin)
Tags Bts, Drama, Taekook, Yoonmin
Visualizações 31
Palavras 921
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Romance e Novela, Slash, Yaoi (Gay)
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Suicídio
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 16 - A cabana


[Jin POV]

Depois do grande show eu conseguia sentir um clima estranho em casa. Uma semana havia passado e voltamos a rotina na empresa. 

Eu via Yoongi trabalhar o dobro, via Jimin treinar muito mais do que o normal, via Namjoon estressado, implodindo em sua própria mente, via Taehyung e Jungkook com flash cards, livros, escrevendo e cochichando a todo momento. O único que parecia bem era Hoseok. 

 

Eu estava determinado a entender o que estava acontecendo.

 

Yoongi estava em seu studio, esfregando o rosto de cansaço quando entrei. 

- Yoongi, você está bem?
            - Estou. 
            - Hm.. sei. - ele não olhava pra mim - O que está acontecendo com você? 
           - Do que você está falando? - ele continuava a olhar a tela do computador.
           - Yoongi. - eu o chamava mas ele continuava de costas - Yoongi, olha pra mim. - ele se virou - o que está acontecendo? 

Ele me olhava fundo, sem expressão e eu podia jurar que ele estava emocionado. Eu sabia que ele estava escondendo alguma coisa e que aquilo estava matando ele. Yoongi sempre foi assim, ele sofria sozinho, ele não disse nada.

Eu não ia deixar que isso acabasse com a gente, eu não estava disposto a desistir de nenhum deles, de nenhum de nós.

- ok. - eu respondi me levantando - arruma suas coisas, amanhã cedinho vamos para a cabana. - me levantei, saindo da studio.
            - Hyung, eu estou ocupado com um monte de..

O interrompi.

- Não estou pedindo e nem perguntando se você quer ir. Mala pronta, saímos amanhã cedo.

Fechei a porta atrás de mim. 

 

Fui atrás do restante do grupo, não preciso dizer que nenhum deles queria falar o que estava acontecendo, e para todos eles a ordem foi a mesma, “arrume as coisas, saímos amanhã cedo para ir pra cabana”. Nos dois últimos anos a cabana se tornou um refúgio pra nós, o que vocês sabem, é que a cabana era um local onde passávamos alguns dias livres, o que vocês não sabem é que a cabana ficava no Japão. 

Nós conhecemos a cabana através de um dos diretores da empresa em que trabalhamos. Nós procurávamos algum lugar onde pudéssemos somente descansar, sem sermos incomodados por ninguém há bastante tempo, depois de irmos a vários lugares finalmente a encontramos.

A cabana ficava nas montanhas então geralmente o lugar era frio, era uma casa isolada no meio de um terreno cheio de pinheiros, toda a casa tinha chão de madeira e os cômodos se integravam um no outro, a grande varanda tinha área para churrasco. Essa era a tática, qualquer foto ou filmagem feita lá só era postada em qualquer mídia quando já estávamos de volta na Coréia para dar a entender que a cabana ficava aqui, então as pessoas não sabiam ao certo nem o país em que a cabana ficava, além disso, nós sempre reservamos as passagens em cima da hora ou até passagens de emergência no mesmo dia que iríamos e nunca perto de datas de nossos compromissos de trabalhos para não dar tempo de ninguém saber que estávamos viajando, somente o diretor sabia da data da viagem, chegando no Japão, nós mesmos nós dividíamos para dirigir até a cabana. Faz alguns anos que tudo precisava de uma estratégia para podermos nos locomover e eu já tinha planejado tudo a uma semana e não iria aceitar não de ninguém.

 

De noite me certificava de que todo mundo realmente estava fazendo as malas e de manhã acordei todos, de máscaras e óculos de sol nos escondíamos e conseguimos embarcar sem sermos notados, chegando lá, carregamos dois grandes SUVs, eu e Yoongi, cada um dirigia um carro, duas horas depois estávamos lá. 

Chegamos no final da tarde, o pôr do sol lá era lindo, tínhamos 4 dias para ficar lá e voltarmos. 

Nos ajeitamos nos quartos e alguns de nós foram dormir um pouco, às 20h todos estavam acordados novamente e reunidos na sala.

- Eu trouxe a gente aqui porque precisamos conversar. Todos nós. - eu dizia a eles.

Eu vi algum deles suspirarem. 

- É o seguinte, nós ficamos tentando poupar um ao outro e isso não está funcionando agora. - eu parei, não sabia se estava pronto para descobrir, mas sabia que precisava - então, quem vai começar falando?

Ninguém respondia. Finalmente Namjoon se manifestou.

- Eu acho que estou com algum problema, estou me sentindo tão cansado esses últimos tempos, eu estou me sentindo perdido, porque nós trabalhamos tanto? Pra ouvir que as pessoas querem trabalhar com a gente porque querem ficar populares? Pra responder mil vezes quem é nosso celebrity crush? - ninguém falava nada - e quais são os próximos passos? Estamos lutando pelo que? 

- Eu entendia, acho que todos nós entendíamos.

- Eu amo o que eu faço - Namjoon continuava - mas eu realmente não sei mais. 

Namjoon sempre pensava muito nas coisas e isso muitas vezes o deixava em paranóia, ele sempre pensava em coisas que não tínhamos pensado antes. Eu via ele segurar as lágrimas, ele sempre foi mais forte do que aguentava por nós e pagamos um preço por isso.

Ele era nossa âncora e sabia disso.

- Me desculpem por não conseguir ser mais forte por vocês, não quero deixar vocês em pânico. 

Ele estava genuinamente triste. Eu via alguns membro chorarem em silêncio e eu sentia o medo me dominar.

Hoseok se levantou.

- Eu vou pegar umas cervejas pra gente.

Ele disse passando por mim, a noite seria longa.

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...