1. Spirit Fanfics >
  2. Nossa Música >
  3. Estabelecendo

História Nossa Música - Capítulo 4


Escrita por:


Capítulo 4 - Estabelecendo


Demorou um pouco até minha tia chegar. Aquele trânsito infinito que carros sumiam do alcance da minha visão. Ela deu um toque no meu celular avisando que estava me esperando na calçada perto do ponto de ônibus e então fui em direção a ela.

– Olha ela! Tá grande menina – Disse vindo em minha direção dando um abraço.

– Que saudades tia, quanto tempo não vejo você, tem mais de um ano!

– Sim minha filha. As coisas aqui andam muito corridas depois que seu tio morreu, mas agora você veio e estou adorando a ideia de ter você como companhia.

– Estou muito grata tia! Você me salvou daquele inferno.

– Ah, não fala assim, lá é tão tranquilo. Talvez um dia volto pra lá. Tenho muitas coisas aqui, trabalho. Mas lá está no meus planos de aposentadoria. – Disse rindo.

– É, quem sabe algum dia. – Eu disse olhando ao vazio.

Entramos no carro e enquanto ela dirigia fomos conversando sobre como andavam as coisas. Como eu estava e contei algumas partes mas não o verdadeiro real motivo de eu estar indo pra lá. Queria esquecer tudo, aquilo era passado e minha vida estava recomendo ali e eu daria a volta por cima. Deixar se ser àquela garota triste, erguer a cabeça e ser feliz.

Chegamos na casa dela e que casa enorme, daria umas três da minha. Ela foi logo me ajudando a pegar minha mochila e uma outra mala que tinha poucas roupas, apenas alguns pertences pessoais. Ela foi subindo a escada e fui acompanhando admirada com o lugar, parou me mostrando um quarto.

– Aqui é seu quarto, não liga muito com a bagunça, não tive muito tempo para arrumar por conta da correria. Aquele hospital me mata com plantão mas o bom é que você pode arrumar do seu jeito! – Disse alegre.

– Obrigada tia, nem sei como agradecer tudo que está fazendo por mim. – Disse a abraçando.

– Tudo pela minha sobrinha favorita!

Ela logo recebeu um telefonema e me disse que precisaria sair para resolver uns problemas e que qualquer coisa era para ligar pra ela. Eu agradeci novamente e disse para ela não se preocupar.

Deixei minhas coisas no chão mesmo e me joguei na cama que era enorme por sinal e fiquei pensando. Peguei meu celular e resolvi ligar para minha mãe avisando que já tinha chegado e que estava tudo bem.

– Alô filha?

– Oi mãe, cheguei. Já estou na casa da minha tia.

– Como você está filha? Como foi a viagem?

– Foi tranquilo mãe, eu estou bem.

– Já sabe em qual colégio vai estudar? Sua tia ficou de fazer a matrícula.

– Ainda não mãe, mas ainda falta mais de um mês para o início das aulas, não precisa ficar preocupada com isso, eu vou me esforçar e prometo não reprovar mais.

– Quero só ver! – Disse brincalhona.

– Verá!

– Ei, você não levou todas suas roupas? Tem um monte aqui, você vai ficar pelada aí menina!

– Relaxa mãe, eu tenho umas economias, vou comprar roupas novas aqui mesmo, soube que aqui tem vários shoppings. – Disse desafiando.

– Olha lá em, não vá estourar todo seu dinheiro em shopping.

Conversamos mais um pouco e me despedi. Comecei a ajeitar minhas coisas em um pequeno armário e coloquei meu celular no carregador. E fui preparar algo para comer. Estava faminta. Preparei um misto quente e fui pra sala e liguei a TV. Minha tia provavelmente demoraria.

A noite ela chegou e fiquei feliz porque trouxe pizza e uma coca gelada. Comemos e conversamos mais colocando o papo em dia, ela me disse que já tinha feito minha matrícula em um colégio próximo onde morávamos.

– Tia, depois me ajuda com uma coisa? Preciso ir no shopping comprar algumas coisas.

– Claro, vamos quando quiser.

Agradeci mais uma vez e dei boa noite dizendo que iria pra cama, estava exausta da viagem. Deitei e mandei uma mensagem para minha mãe dizendo boa noite e fiquei esperando uma mensagem ou ligação de alguém específico, Chiara. Mas não tive nenhuma das duas, deve ter jogado o papel fora.. disse sorrindo pra mim mesma. Típico... E fechei os olhos.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...