História Nossa vida - Capítulo 26


Escrita por:

Postado
Categorias Boku no Hero Academia (My Hero Academia)
Tags Bakudeku
Visualizações 87
Palavras 974
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), LGBT, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Yaoi (Gay)
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Gente, me desculpem pela demora.. Bom, não estou passando por um momento muito bom da minha vida, então levei tempo para escrever esse cap, espero que me perdoem por isso.. vou postar na quarta da semana que vem, se eu conseguir postar antes eu posto no domingo msm o próximo cap, tá bom? Boa leitura

Capítulo 26 - A festa


Fanfic / Fanfiction Nossa vida - Capítulo 26 - A festa

POV Midoriya
(Um dia antes do aniversário de Katsuki)
"Você pode então?"
"Claro Izu, eu e Denki estaremos ai.."
"Obrigado, até!"
"Beijos"
O aniversário de Bakugou está chegando, e eu estou preparando duas surpresas pra ele, uma é a festa surpresa com a nossa antiga turma da escola de heróis, e a outra é uma surpresa que ele gostará mais.. O aniversário dele será amanhã, e meu plano já foi colocado em ação a partir de hoje.. O plano é sumir até que Todoroki ligue para ele depois dele passar o dia com a minha sogra.. Eu e bakugou contamos a ela sobre nosso namoro quando voltamos de viagem mas o almoço entre família ainda não aconteceu..
A campainha toca..
- Boa tarde, senhor Midoriya, certo?
- Boa tarde, sim.. Por favor instalem no último quarto, sim..? Obrigado!
- Ok senhor, com licença.
E dois homens adentram minha casa para fazer a montagem do objeto no quarto que eu comecei a preparar pra fazer a segunda surpresa do dia para Bakugou..
Começo a fazer a organização da festa, mudar a mesa de posição, portar os enfeites para por na mesa e colar na parede.. Recortei formatos iguais a sua máscara, um grande para por na parede e 15 outros pequenos para dar junto com um pequeno pacote de balas aos filhos de alguns de nossos amigos, é, alguns já tinham filhos.. Ligo para a loja que eu encomendei os doces e o bolo para certificar que está tudo certo, ligo também para o barman que eu contratei para verificar se tudo estava nos eixos, estava tudo ok.
- Com licença senhor.. Terminamos, gostaria de ver o resultado?
- Ah sim, claro.. - O acompanho até o quarto. - Ah, vejo que entenderam para que o "X" servia.. ficou ótimo.. Sustentará mesmo peso?
- Claro senhor.. Fique a vontade para testar e se quiser que a gente mude algo, já estamos aqui..
- Não, está no lugar desejado, e já que me garante que sustentará peso, está tudo certo.. Bom, obrigado..
- Foi um prazer, com licença..
Eles se retiram da minha casa e eu volto a preparar as coisas pra festa. Arrumo o local para o barman ficar, verifico as bebidas na geladeira e resolvo me deitar já que está tudo adiantado para amanhã.. Vou para o meu quarto e pego meu celular para responder as mensagens do Kacchan, mas antes de deitar, vou tomar um belo banho de banheira para relaxar.. Vou até o banheiro, ligo a torneira para despejar água quente aproveitando para colocar alguns sais perfumados também na mesma. Tiro minhas peças de roupas, entro na banheira e me permito relaxar..
Após o banho, coloco uma camisa estampada com o uniforme de Bakugou, que eu adoro e uma cueca preta e me deito e adormeço logo em seguida..

Acordo com o barulho do despertador, me obrigo a levantar pois sei que tenho coisas a fazer, mando uma mensagem pra minha sogra e ela garante que pegará o celular de Bakugou e que mandará colocar um relaxante para que ele dormisse assim que chegasse em casa, para me dar mais tempo dos convidados chegarem e de terminar de organizar a festa. Vou ao banheiro fazer minha higiene, depois de terminada coloco uma bermuda branca e uma camiseta do meu uniforme bem a tempo da campainha tocar.
- Já vou.. - grito do meu quarto. Vou até a sala e abro a porta - Ah, bom dia Todoroki, bom dia Momo, obrigado por virem mais cedo para me ajudar..
- Que isso querido - diz Momo - é um prazer..
- Bom dia Midoriya..
- Entrem por favor.. - dou espaço para que eles entrem.
- Bom querido, no que quer ajuda?
- Então Momo, preciso que me ajude com seu toque refinado na decoração, e Shoto, sua individualidade com as bebidas..
- O mais fácil fica pra mim.. - responde Todoroki.
Eu e Momo vamos finalizando a organização das coisas enquanto Todoroki vai gelando as bebidas e recendo alguns empregados contratados para o dia que já vão para seus devidos postos.. Os doces e salgados encomendados chegam, Todoroki e Momo ja estão prontos e eu vou para o meu banheiro me preparar para a festa.
Tomo meu banho, coloco uma camisa preta social pois sei que fico sexy assim e já adianta para a surpresa que kacchan receberá mais tarde.. Coloco uma calça também preta e um tênis despojado. Seco meus cabelos, passo perfume bem a tempo de Shoto entrar em meu quarto.
- A mãe da bomba nuclear ligou no seu telefone dizendo que ocorreu tudo bem e eles passaram la na casa de Bakugou e ele está dormindo, posso ligar já?
- Todos já estão ai?
- Só falta o passarinho e a sapo..
- Não fale assim Todoroki - repreende Momo chegando no cômodo.. - E eles acabaram de chegar Izu..
- Ok, ligue Shoto! - Todoroki pega o celular, mexe e depois o coloca na orelha..
"Bakugou, preciso que tenha calma, é sobre Izuku.." Vejo Todoroki tirar o celular de perto do ouvido
" QUE? O QUE ACONTECEU SEU PAVÊ DE MERDA? HEIM?? FALA LOGO..!!"
"Preciso que venha até a casa dele, ele não está bem, parece que ingeriu alguma droga" Dou um tapa nele após ele concluir a frase, pois ela não estava no plano..
" CHEGO EM 5 MIN" a ligação encerra..
- VOCÊ TÁ LOUCO SHOTO? KATSUKI VAI SE MATAR VINDO PRA CÁ!!
- Não vai nada.. - Diz na maior calma. - Vamos mandar todos ficarem quietos, logo mais a bombinha chega..
Vamos para a sala, comprimento todos a tempo de ouvir a moto de Bakugou estacionando com pressa, todos nos agachamos e ele abre a porta com raiva e com o peito ofegante.
- SURPRESA - todos dizem.
- Eu vou matar vocês!






Notas Finais


Espero que tenham gostado, mais uma vez, me desculpem pelo atraso!! Beijoss ❤❤😍😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...