História Nosso pecado infernal - Capítulo 22


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), EXO, Lu Han
Tags Bangtan Boys(bts), Jikook
Visualizações 7
Palavras 923
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Ficção, Fluffy, Lemon, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 22 - Capter XXII


Fanfic / Fanfiction Nosso pecado infernal - Capítulo 22 - Capter XXII

(P.O.V Lúcifer)

Lilth estava demorando muito para retornar, então decido ir atrás da mesma, desço na Terra.

No meio do caminho vejo algo que me chama a atenção, Jungkook estava saindo de um carro preto com uma meninazinha, mas depois deles dois não sai mais ninguém do carro, aonde estaria Jimin ? Será que eles brigaram e Jungkook ficou com a menina ? Pera, se a Jiyoon está com o Jungkook, então quer dizer que Lilith falhou na sua missão.

Ou ela ter quase conseguido, mas Jimin não deixou.

Rastreio Jimin, e sigo o rastro dele.

*Quebra de tempo*

O rastro de Jimin dava no hospital Asan Medical Center, porque será que dá aqui ?? Será que meu filho se machucou ?

Entro no local, todos os olhares pairando sobre mim, mas ignoro e me viro para a recepcionista.

-Posso ajudar o senhor ?-ela pergunta.

-Sim, eu estou procurando Park Jimin, ele está aqui ?

-Sim está, você é...?

-Lúcifer, pai dele.

-Nome peculiar.

-Obrigado, e então em que quarto ele está ?

-2° andar, primeira porta a direita.

-Obrigado.

-Não tem de que senhor.

*Quebra de tempo*

Chego no quarto que Jimin estava internado, respiro fundo e entro.

Ele estava numa maca, totalmente pálido, e ligado a vários aparelhos, chego ao seu lado e me vem lembranças não muito boas do passado.

Tudo começou quando eu ainda era um anjo que servia a Deus...

*FLASHBACK ON*

Eu tinha acabado de chegar em casa depois de uma missão, minha esposa Dahyun, mãe de Jimin e Mellissa, estava lá pra dentro, decido ir pra aonde a mesma está.

Chegando lá presencio a pior das visões que já tive em minha miseravel vida, Dahyun estava deitada na cama, morta, com sua garganta cortada, várias facadas pelo corpo, com os pulsos queimados, corro até seu corpo sem vida, a pego no colo.

O ódio queimando em meu peito, as lágrimas brotando e escorrendo pelo meu rosto.

Revolta e rebeldia tomam conta do meu coração.

Encontro um amuleto de um dos arcanjos.

Raphael grrrr

Ah mais eu ainda mato esse fdp

*FLASHBACK OFF*

Ao lembrar de tudo isso, me ponho a chorar, aquilo não poderia estar acontecendo denovo comigo, porque ?

Porque você tem que ser tão cruel comigo Deus ?? Primeiro o amor da minha vida, agora meu filho, porfavor eu faço qualquer coisa que você quiser, mas deixa o Jimin vivo, não quero que meu filho morra, igual a Dahyun.

*Quebra de tempo* (1 ano depois)

(P.O.V Jungkook)

Eu estava me arrumando pra ir pro trabalho (sai da doceria e fui pra uma empresa) quando meu celular toca, era o doutor que estava acompanhando Jimin.

*LIGAÇÃO ON*

-Alô Jungkook ?

-Oi dr.Minho, aconteceu alguma coisa com o Jimin ?

-Sim Jungkook, mas não foi nada ruim.

-Oque ?

-Ele está reajindo aos exames.

-...

-Ele tá saindo do coma Jungkook.

Meu coração desparou.

-E-eu tenho que desligar dr, eu tenho que ir trabalhar, mas muito obrigada pela ótima noticia.

-Denada, annyeong.

-Annyeong.

*LIGAÇÃO OFF*

Jiyoon entra no quarto.

-Com quem tava conversando appa ?

-Filhinha, senta aqui.

Ela senta do meu lado.

-Lembra que o omma tava internado ?

Ela assente.

-Então, o doutor que tava cuidando ligou hoje pra mim, e ele disse que o omma tá saindo do coma.

-IUPIIIII, o omma vai voltar pra casa appa ?

-Se tudo ocorrer certo, sim filha.

-EBAAAAAA.

-Agora vamos que eu tenho que lhe deixar na escola.

Caminhamos até a garagem, entramos no carro e levo Jiyoon pra escola.

*Quebra de tempo*

Chegando em Edelman (um escritorio de tele-marketing), entro na empresa, e subo pro meu escritório, já no elevador encontro uma pessoa indesejada.

-Oi kookie.-ela fala com um sorriso no rosto.

-Oi Lalisa.-digo frio.

-Impressão minha ou você tá mais feliz hoje ?

-Não é impressão sua não Lalisa.

-Hum, o que foi ?

-Meu marido está saindo do coma.

-Se-seu ma-marido ?

-Sim, o Jimin.

O elevador abre, e eu saio.

(P.O.V Taehyung)

Eu desci na Terra afim de esfriar um pouco a cabeça.

Estava caminhando pela praça quando uma menina esbarra em mim, ela tinha o cabelo rosinha preso num coque dos dois lados da cabeça, e era muito fofinha.

-Desculpa.-disse ela.

-Não tem problema, eu também estava destraido.

Ela dá um sorriso timido.

-Kim Taehyung.-falo e estendo a mão.

-Lee Hyelim.-ela fala e aperta minha mão.

-E então Hyelim, pra onde você ia com tanta pressa ?

-Na verdade, eu não ia a lugar nenhum, é que as vezes eu tenho mania de andar rápido e não prestar atenção em que vem na frente.

-Ah sim.

-Você mora aqui perto ?

-Mais ou menos.

Ela anota alguma coisa em um papel.

-Hum, toma, meu numero, se você quiser me ligar mais tarde.

-Ahn, obrigado. -falo com as bochechas coradas.

-Agora eu tenho que ir Taehyung, annyeong.-ela diz com um sorriso esboçado nos lábios.

-Annyeong Hyelim.

*Quebra de tempo*

(P.O.V Jungkook)

Na hora do almoço, saio do trabalho, busco Jiyoon, deixo ela em casa com a Hyomin (que virou babá dela) e vou direto pro hospital visitar Jimin.

Pra minha surpresa na hora que eu entro, Jimin estava acordado.

-Oi Chimie.-falo com um sorriso nos lábios.

Chego perto da maca.

-O-oi Kookie.-ele fala com um pouco de dificuldade.

-Eu fiquei com muito medo de te perder.

Ele sorri.

-Vocês pensam que podem se livrar de mim tão facil ? Tão muito enganados.

Nós rimos.

-E a Jiyoon ?- pergunta Jimin.

-Tá em casa, a Hyomin tá de babá dela.

-Hum, okay.

CONTINUA...


Notas Finais


NADA A DECLARAR 4.0


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...