1. Spirit Fanfics >
  2. Nosso pequeno segredo! (Vmin) >
  3. Oq vc faz aqui?

História Nosso pequeno segredo! (Vmin) - Capítulo 1


Escrita por:


Capítulo 1 - Oq vc faz aqui?


 ...3:45 da madrugada...

Jimin estava na sala assistindo alguns filmes de terror que passavam na HBO , estava tão entretido nos filmes que nem percebeu que a campainha tocava loucamente.

Durou um tempo até Jimin perceber que a campainha tocava, oomesmo fingiu que não ouvia, mais, o indivíduo que tocava a mesma não parou.

Jimin já estressado levanta, abre a porta e vai para fora. Ao ver a figura que tanto a perturbava, fica muito irritado!

- Taehyung? Tá fazendo o que aqui mano?

- Ahh, bem...Então...

- Explica logo, o senhor me atrapalhou.

- Deixa eu entrar primeiro.

- Tá entra aí!

O mesmo abre o portão, quando Taehyung entra ela o tranca, os dois vão para dentro, se sentam no sofá, logo a mesma cruza os braços contra o peito olhando para o mesmo.

- Tá agora, desembucha moleque!

- Moleque não, mais então, você vai ter que me ajudar

- Com o que?

- Finge ser meu namorado?

- Que?! Não!

- Por favor, eu preciso de você!

- Por acaso você tá doente?- diz pondo a palma da mão sobre sua testa.

- Eu não estou doente- tira a mão do mesmo com delicadeza.

- Tem certeza disso é?- arqueia uma sobrancelha.

- Tenho, agora para de desconfiança e me deixa explicar!

- A vontes.

- Você vai ter que fingir namorar comigo!!

- Vou é?- arqueia uma sobrancelha olhando debochado ao mesmo tempo.

- Sim, você vai!

- E se eu não quiser, o que acontece?

- Meio que minha mãe não vai ir com a sua cara nunca mais.

- Explica direito, fazendo favor!

- Ahh, claro, então eu disse para minha mãe que estava namorando com um garoto e depois disse ah ela que era com você, tudo isso para fugir de ir em festas e viajem com ela, bem, ela super aceitou de primeira, até disse que queria que fossemos felizes juntos. Ela sempre shippo a gente!

- Tá, mais a quanto tempo você disse que estávamos namorando?

- Então... Eu disse que estamos juntos ia fazer 3 meses

- Não sei como te digo isso mais, eu não sei se eu te mato agora ou mais tarde!

- Mais então? Aceita fingir ser meu namorado?

- Não! O problema sobre mentir é todo seu Taehyung.

- Por favor, Minnie! É um caso de vida ou morte!!

- Tenho alguma escolha, entre aceitar ou não?

- Não, você não tem.

- Então tá né, aceito!

O mesmo sorri e pula em cima de Jimin para lhe dar um abraço, mais acabam caindo deitados no sofá, oomesmo leva um susto com a atitude, logo o empurrando de cima de si.

- Ahh, sai pra lá!- empurra ele com a mão.

- Não quer carinho amor?- diz em um tom provocativo, logo sorri de lado.

- Tá querendo morrer garoto?

- Estou apenas entrando no personagem, meu anjo.

- Entre no personagem perto da sua mãe, quando estivermos sozinhos, me trate como sempre me tratou!

- E como eu te trato sempre?

- Deixa eu ver, como um nada- da de ombros indo para a cozinha, chegando lá, abre um armário que ficava em cima da pia, logo erguendo o pé para alcançar os doces que iria comer.

Taehyung aparece na cozinha abraçando o mesmo por trás, Jimin leva um pequeno susto, logo virando seu rosto para o lado.

- Garoto, que susto- vira de frente para ele

- Desculpa meu amorzinho- sorri de lado, segurando na cintura do mesmo, que nem percebeu que estava com a mão apoiada no ombro de Taehyungm

- Se quiser morrer jovem, é só pedir- tira a mão do ombro dele, logo se soltando do abraço do mesmo, indo em direção a geladeira

- Aii Jimin, deixa de ser chato!- encosta na pia.

- Eu chato?- da uma risadinha sarcástica, logo o encarrando.

- É, você é muito chato!

- Ahh não mano, você é muito abusado mesmo, vem na minha casa a essa hora, mente para sua mãe falando que eu sou seu namorado, me tratava como ninguém e agora eu sou o chato, que irônico não?- fala saindo de lá com os doces, voltando para a sala.

Taehyung vai em direção o mesmo, logo deitando em seu colo.

- Ahh, Taehyung sai dai- abre e come um bombom.

- Deixa eu ficar deitado aqui!

- Não, agora levanta- pega outro doce.

- Ahh Jimin, seja mais carinhoso comigo vaii, não custa nada- pega um chocolate também.

- Tá, pode ficar deitado então, mais não se acostuma não tá- coloca os papéis dos doce em que abriram dentro do vidro em que guardava os docinhos.

- Me da um beijinho amor?!!

- ah garoto, me erra vai- levanta deixando a cabeça do mesmo cair com tudo na almofada.

Ele vai para a cozinha, coloca os doces no armário novamente, logo depois abrindo a geladeira e pegando alguns toddynhos, desliga a luz, logo voltando para a sala novamente.

O mesmo levanta a cabeça do maior se sentando e deitando a cabeça dele em sua coxa.

- Mais então, tá aqui por que? Para me explicar tudo isso, não foi né?- fala abrindo um toddynho logo tomando.

- Na verdade eu vim para isso também, mais, eu vim por que não quero ir para festa nenhuma com minha mãe.

- Ahh, sim, e você me usa como desculpa né- diz sarcástica e debochado.

- Para de fingir eu sei que você me ama- diz isso, logo após da uma mordida na coxa do mesmo.

- Aii, isso doeu- da um tapa fraco na cabeça do mesmo, que logo sorri com a atitude.

- Ninguém mandou ter um corpo desses- diz sentando no sofá logo puxando ele o fazendo sentar em seu colo de frente para si.

- Abusado você em- Jimin tenta sair, mais Tae não deixa, o prendendo em seu colo.

- Deixa eu sair!

- Só se me beijar.

- Larga mão de ser ab- o mesmo é interrompido por Tae que o beija, um beijo calmo, mais com uma troca de sentimentos da parte do mais velho. Jimin tentava de todo o jeito hesitar, mais, estava ficando cada vez mais difícil.

(Então, deu para entender que ele não cedeu o beijo, né?)

O mais baixo o empurra, logo saindo do colo dele indo para o quarto que ficava ao lado do seu. Logo chamou ele:

- O que foi?- estava com as mãos apoiadas no batente da porta.

- Você vai dormir aqui- aponta para o cômodo, indicando que esse seria o lugar onde ficaria.

- Tá obrigado- logo adentra o cômodo extenso e bem decorado.

- Tá tá, agora tchau- vai indo em direção a porta, para sair.

- Mais cade meu beijinho de boa noite?- diz manhoso

- Ele não existe.- sai do quarto indo para a sala, onde desliga tudo, abre a porta, indo ver se o portão estava trancado. Depois de checar tudo ele entra, logo trancando a porta da sala, indo para seu quarto.

Como já estava tudo desligado, o mesmo apenas deita e fica mexendo em seu celular, logo é incomodado por Taehyung que entra em seu quarto apenas de bermuda.

(Pensamentos Jimin)

- Calma Jimin, ele está apenas de bermuda, haja naturalmente, ou ele vai perceber que você está envergonhado, respira, e seja bem grosso com ele-

(pensamento off)

O mesmo cora de leve, Taehyung percebe mas apenas finge que não viu, logo senta na cama de Jimin olhando para ele.

- O que você quer?

- Bem...Eu....

Continua


Notas Finais


Oii pessoas essa aqui é minha primeira fic s eu espero q gostem dela.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...