1. Spirit Fanfics >
  2. Nosso reencontro >
  3. Por que deixa de ser amor se for LGBT?

História Nosso reencontro - Capítulo 9


Escrita por:


Capítulo 9 - Por que deixa de ser amor se for LGBT?


Resolvemos tudo e fomos atrás do tal torturador, ele não tinha nome nem registos, ele atacava geralmente em uma região que casais LGBTQIA ficavam pra namorar socegados. Eu e Gon iriamos andar pela região e veríamos se isso atrairia o tal torturador e tentariamos imobiliza-lo e por fim captura-lo. Estavamos andando já para ver se o atraiamos, Gon estava um pouco estranho, sabe, diferente.

- algo te incomoda Gon? - parei e me virei para conseguir o ver já que como era longe de onde estávamos só chegamos a noite.

- na verdade sim Killua... 

- pois bem, diga. 

- é que.. Eu queria saber...

- fala logo - eu o apressei

- por que isso é tão errado? Tipo homem com homem ou mulher com mulher ou seja o que for. Porque todos merecem amor, independente se for do mesmo sexo que você, eu acho que precisamos amar mais e julgar menos. E porque esse tipo de amor não é o "certo"? Deixa de ser amor simplesmente pelo fato de ser alguém do mesmo sexo? - eu me surpreendi com o jeito que ele fala, isso realmente o incomoda e o deixa abatido.

- eu não sei Gon, mas eu concordo com você - me aproximei dele e segurei sua mão estava quente. Eu corei um pouco e ele também. 

Por um breve momento o torturador se descuidou e deixou de ocultar seu nen, porém não deu tempo de localiza-lo. 

- Gon, eu tive uma ideia, mas você me perdoaria? - perguntei nervoso, tenho certeza que vai funcionar mas não se vou conseguir fazer.

- do que está falando? Eu senti o nen dele também mas o que foi? Qual seu plano Killua? 

- só me responde, somos amigos acima de tudo e você me perdoaria né? - perguntei corando um pouco.

- claro que sim.

- ok então, sinto muito Gon.

Me aproximei lentamente e lhe dei um breve selinho, em seguida coloquei a mão em seu rosto e o beijei, de incio foi estranho, não era sincronizado e Gon parecia estar em choque. Eu separei nossas bocas para tomar ar e o beijei novamente, dessa vez foi melhor, era molhado e meu corpo ficava quente a cada segundo que passava, nossas línguas estavam perfeitas juntas e aquele momento parecia ser infinito e perfeito, me dei ao luxo de aproveitar cada espaço de sua boca. Eu o empurrei rapidamente para o lado pois estava vindo em uma altíssima velocidade uma lâmina presa a correntes. 

- acho que a ideia funcionou - disse Gon ainda muito corado.

- parece que sim - eu concordei ainda corado também.

- vamos acabar logo com isso Killua.

Eu assenti com a cabeça e me preparei para atacar a direção que vinha a lâmina, o Hatsu do torturador era uma lâmina que se transforma no que o portador desejar, por exemplo em uma bola de demolição e segundos depois um machado. Sabia que esse cara não estava pra brincar de briguinha da 4° série e ativei o Kanmuru para ter mais velocidade e força.

Parece que o homem havia surgido das sombras, e logo ele estava na nossa frente trazendo de volta sua lâmina.

- tenho nojo de vocês, viadinhos de merda, morrerão em mimhas mãos, deveriam agradecer. - dizia o homem, aquilo me deixou furioso e parti pra cima dele com tudo.

- irá se arrepender de falar tanta merda! 

Dei vários chutes ao redor do seu corpo porém ele colocava sua arma na frente então nunca pegava diretamente, continuei com o Kanmuru ligado e joguei rajadas de raios que ele defendia usando o escudo que sua arma havia se transformado. Gon não perdeu tempo e foi o atacar também, proferiu vários socos e com o ataque de ambos ele não conseguia defender tudo, Killua então conseguiu com suas unhas e chutes, cortes e golpes pelo corpo do adversário enquando Gon se focava em tentar imobiliza-lo para Killua usar um golpe que o deixaria incosciente. Com o passar dos minutos o homem estava de equiparando aos dois e eles se afastaram um pouco.

Nesse momento o torturador lança sua lâmina na minha perna e eu não tive tempo de esquivar-me e imediatamente ela cria pequenas "cerras" que começam a cortar intensamente a minha carne. Eu desligo o Kanmuru, Gon muda completamente de expressão e usa sua habilidade.


- saisho a guu! Jakenchi! - ele escolheu tesoura ( que é aquela lâmina grande feita de nen ), que acaba acertando o ombro do homem fazendo a corrente sumir.

- não se preocupe Killua, eu o farei pagar, por tudo que ele disse a nós, pelas pessoas inocentes que ele matou e por ter lhe machucado. Eu o farei pagar. - essa era 1° vez que o vejo tão irritado depois do que aconteceu com as formigas Quimeras...

Eu me levanto afinal eu já sofri piores.

- não ouse fazer isso sozinho - eu digo já de pé e pronto para lutar novamente.

Ativo novamente minha habilidade e direciono rajadas intensas de eletricidade em sua direção, em quanto ele tentava desviar eu o atacava, ele continuava firme porém já estava começando a perder o hitmo da luta, ele abre uma brecha e Gon ativa novamente sua habilidade 

- saisho a guu! Jakengū! - ele escolhe pedra ( que é aquele suco super forte ), e consegue feri-lo com sucesso. O homem vôo por uma distância até eu o segurar no ar. 

- trabalho feito, ele não vai conseguir se mexer por algum tempo. - eu disse.

- estou contando com isso Killua.

- Gon... - Disse meio envergonhado. Agora ele parecia melhor

- sim? 

- sobre o beijo... - o vi corar violentamentem - me desculpe! Foi apenas pela missão! Por favor não fiquei com raiva ou vá embora.

- apenas pela missão...? - ele parecia um pouco triste, mas eu apenas assenti que sim. - está tudo bem Killua - ele sorriu.

Voltamos para associação com o homem e pegamos a recompensa, colocamos algumas ataduras na minha perna, não tocamos no assunto do beijo e estavamos falando como se nada tivesse acontecido. Ainda bem, mas eu confesso! Pode me prender se quiser! Não parei de pensar como aquilo foi bom, e lembrava também quando ele estava no meu colo na caverna e eu coro violentamente, se for crime pode me levar! Prisão perpétua, vou sem reclamar!






Notas Finais


Yeeey! Finalmente rolou algo OwO!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...