1. Spirit Fanfics >
  2. Nosso Último Show - Bia >
  3. Capítulo 8

História Nosso Último Show - Bia - Capítulo 8


Escrita por:


Capítulo 8 - Capítulo 8


Você tem certeza disso Luís? Pergunta o professor Rhener segurando seu ombro

Absoluta, já falei com meus pais.

Ele mal termina de falar e recebe um abraço caloroso por parte de Julio

E Isa vai abraçar da mesma forma a professora

Quando eles se separam

Bom, agora que está tudo resolvido, precisamos ir ao trabalho urgentemente. Fala o diretor

O que precisamos fazer? Pergunta Jandino

Precisamos de um lugar pra fazer, por que esse espaço aqui é muito pequeno e não temos verba para alugar um local maior;

Precisamos divulgar o máximo possível;

Precisamos fazer as coreografias, treinar e gravar o callback;

Precisamos do vestuário e do cenário;

E por último, mas não menos importante,

Ensaiar. Responde

Uau... temos algumas coisas pra fazer né... Fala Luís

Então vamos ao trabalho! Falo me levantando do lugar onde tinha sentado

Olha, eu posso pedir pra minha mãe pra fazer os pôsteres pra colarmos por aí, posso até perguntar sobre colocarmos uns outdoors pela cidade. Fala Guido animado

E que imagem colocaríamos neles? Pergunta Agus

Eu posso tirar as fotos! Tenho uma câmera e algumas luzes em casa. Fala Julio

Beleza! Vamos começar por isso então! Falo

Todos se dissiparam, mas eu não consigo tirar aquela frase da minha cabeça

Giulia? Tá tudo bem? Pergunta Agus se aproximando

Ta...

Não minta pra mim.

Você escutou o Júlio falando que o Guido estava apaixonado? Pergunto olhando pro chão

Olha... eu não quero mentir pra você, escutei.

Certeza que é a Andrea. Falo e sinto um aperto no peito

Meninas! O show não acontece sozinho! Fala Guido ficando na nossa frente

Ter ele na minha frente assim só piora as coisas

Tá. Falo seca e saio batendo sem querer em seu ombro

Pov Guido

Ela me respondeu super grossa e ainda bateu no meu ombro antes de sair

O que eu fiz? Pergunto olhando pra Agustina

Pergunta pra ela. Ela responde e sai

Pov Andrea

Jandino para por favor! Por que você tá me tratando assim!? Pergunto indo atrás de meu amigo

Como pode falar aquilo dos bolsistas!? Que eles vão nos atrapalhar... como pode falar essas coisas!? Ele pergunta claramente alterado

Mas é verdade Jandi! Se eles não pagassem só estragariam nosso show, seria tudo culpa deles. Como aqueles pobretões não tem nem dinheiro pra essa pequena mensalidade? Pergunto pra mim mesma

Jandino fez uma cara de desgosto horrível

Como você pode...

Jandino ia começar a me dar um sermão como sempre mas meu celular toca

Jandino desculpa mas é importante eu tenho que atender

Não se preocupa, eu não quero mais falar com você, nem agora nem nunca.

Ele fala super irritado e sai

Agora eu sou a errada!?

Jandino! Grito na esperança que ele parasse

Mas não parou

Decidi atender logo

Oi filha?

Oi mamãe

Estou no trabalho e recebi sua mensagem, eu posso disponibilizar um dos meus teatros pra você fazer essa apresentaçãozinha

Mãe, não é uma "apresentaçãozinha" é um show que...

Ah filha, eu adoraria escutar, mas agora não posso, você me fala depois, tchau.

"Você me fala depois"

Até parece, ou ela está trabalhando ou muito cansada do trabalho

Fazer o que...

Limpo a lágrima que já caiu do meu rosto e saio dali fazendo meu melhor sorriso

Pessoas? Sua salvadora chegou! Falo apontando pra mim mesma.

Percebo que a loirinha fez uma cara super irritada ao me ver

Careta pra mim é fome. Digo segurando seu queixo

Fala logo Andrea, por que você seria nossa salvação. Fala sua amiga de cabelo curto

Minha mãe disponibilizou um dos seus teatros pra usarmos pro nosso show.

Todos comemoraram um pouco

Pov Giulia

Aquela menina... me dá uma raiva

Ainda mais agora que eu sei que o Guido gosta dela, doi tanto

No outro dia

Todos tínhamos combinado de ir ao velho teatro da mãe da Andrea

Agora o importante era limpar esse lugar, era mais velho do que os dinossauros

Então nos colocamos todos a limpar

Pov Júlio

Eu entrei em uma sala onde tudo estava muito desorganizado

Vários papéis antigos no chão, alguns móveis caídos é um sofá velho

Então peguei o máximo de papéis que eu consegui e comecei a procurar um lixo

No meio do caminho esbarro com alguém

Ah desculpa coordenador. Falo ainda um pouco atordoado

Tudo bem bolsista.

Me agacho pegando os papéis que deixei cair na batida

Decido não falar nada, era óbvio que esse cara tinha um grande preconceito comigo e com a Isa, só por que nós não temos a mesma condição que ele

Meus pensamentos foram interrompidos por um forte brilho que chamou minha atenção

Quando nós dois já estavamos levantados decidi comentar

É um relógio muito lindo!

É, mas não olha muito, sei que você nunca vai conseguir um desses.

Me aproximei perigosamente o segurando pela gola de sua camisa de marca

Escuta aqui...

Algum problema aqui? Pergunta o professor Rhener

Olho pro Esteban cúmplice

Nenhum problema aqui professor. Responde o coordenador

Tá...

O professor sai um pouco desconfiado

Estava prestes a ir também mas Esteban segura meu braço

Você sabe que eu ainda mando totalmente em você não sabe?

Não respondo

Dessa vez eu vou deixar passar, mas da próxima vez que algo parecido acontecer

A medida que ele falava, apertava mais meu braço, com certeza vai ficar roxo

Você vai se ver comigo. Ele completa por fim

Fiquei muito assustado

Ele tinha um sorriso sínico no rosto, parecia um psicopata

Então ele soltou meu braço de repente e falou um

Tchauzinho bolsista!

Tenho que tomar cuidado com ele, como eu nunca percebi que esse cara era assim!?

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...