História Not a normal girl - Capítulo 14


Escrita por:

Postado
Categorias Transformers
Personagens Bumblebee, Personagens Originais
Tags Bee, Bumblebee, Reader, Transformers
Visualizações 27
Palavras 3.063
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção, Ficção Científica, Luta, Magia, Romance e Novela, Suspense

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 14 - Capítulo 14


Horas depois, quando o sol estava no topo, finalmente chegamos à montanha, começamos a procurar por alguma coisa que nos levasse até a matriz, mas acabamos por encontrar uma estrutura feita pelos antigos humanos.

Annie- Wow... Isso sim é grande.

Simmons- Esta é a maior porta que eu alguma vez vi!

Todos nós passamos pela porta e apenas nos levava a um pequeno espaço, eu sento-me no chão e começo a pensar, tem que existir alguma coisa aqui, não pode ser apenas um lugar vazio.

Leo- Já pararam para pensar que os arqueólogos já passaram por aqui?

Eu- Isto não acabou.

Leo- Acabou sim, encara a realidade!

Annie- Leo!

Ela puxou-lhe a orelha e levou-o lá para fora.

Mudflap- Muito bem! Fomos levados para o outro lado do mundo para encontramos nada! Parabéns garota! 

Skids- Cala a boca!

Mudflap- Ela precisa de ouvir isto! Ela ficou tão iludida a pensar que podia trazer o grande líder de volta que nós é que ficamos com as consequências! E ela ainda está com medinho de ser presa por isso usou-nos, está aqui a verdade.

Sinto-me super culpada, talvez até ele tenha razão... Fiquei iludida a pensar que podia trazer o Optimus de volta... O meu pai...

Skids- Não fales assim dela! Ela acabou com o Megatron e salvou o Prime!

Mudflap- Deixou o serviço pela metade!

Skids- Ai é?! Queres apanhar?!

Mudflap- Não apanho de caras feios!

Skids- Estás a olhar-te no espelho! Nós somos gémeos!   

Eles começaram a brigar e eu levanto-me.

Eu- Parem vocês dois!

Mas eu tive que me atirar para o chão porque o Mudflap foi atirado contra mim e acabou por partir a parede. O Bee pega neles os dois e atirou-os para fora dali, eu sorri para o Bee e depois olhei para a parede partida, o Simmons e eu tiramos a parte partida da parede e eu encontro os símbolos...

Eu- Eu sabia que não tinha acabado! Bee explode com isto.

O Simmons foi lá para fora avisar a Annie e o Leo que tínhamos encontrado, enquanto eu fiquei atrás da perna do Bee para ele explodir a parede. Depois de ele explodir eu entro logo na Tumba dos Primes, eu senti uma grande força ao entrar nela.

Annie- Oh meu Deus, tu achaste mesmo a Tumba.

Leo- São mesmo os corpos dos sete Primes?

Simmons- São seis! Se te lembras o Jetfire explicou que um deles se revoltou e tornou-se num Decepticon cujo nome é Fallen! Tu não tomas atenção a nada?!

Leo- Eu estava farto daquela conversa fiada ok?!

Chego no meio da Tumba e encontro a matriz, eu sorri e pego nela mas ela virou pó... Eu fico altamente chocada a olhar para o pó da matriz...

Simmons- Milhares de anos... Virarão pó.

Eu- Não pode acabar assim... Não pode...

Leo- Que barulho é esse?

Simmons- Deve ser o exercito!

Ele e o Leo foram lá para fora enquanto eu mexia no pó da matriz...

Annie- Não podes trazer-lo de volta.

Eu- Ai não? Olha só!

Tiro uma meia do meu pé e coloco o pó dentro dela.

Eu- Todos estão atrás de mim por causa dos símbolos da minha cabeça, estes símbolos nos levaram para aqui por um propósito, eu não vou desistir agora, eu coloquei todos vocês em perigo, pedi para o Lennox arranjar uma maneira de vir para o Egito com os Autobots e com o Optimus! Eu coloquei todos em perigo! Para no final eu não ter nada! Eu vou levar este pó para o Optimus e vou trazer-lo de volta! Nem que seja a última coisa que eu faça!

Assim que terminei de por o pó na meia, fui lá para fora com a Annie, eu fui ter com o Bee e observamos os aviões do exército a soltarem o Optimus com o resto dos Autobots e vários soldados.
Este pó precisa de trazer o Optimus de volta... Precisa mesmo...
O Bee transformou-se em carro e eu entro.

Bee- Eu sei que vais conseguir Helena.

Eu- Como tens tanta certeza?

Bee- Porque eu te conheço.

Sorri e os outros vieram para dentro também. Começamos a ir na direção onde o Lennox e o Epps tinha ido quando começamos a ser atacados pelo Starscream.

Annie- Ahhh! Porquê?!?!

Simmons- Esse aí de novo?

Eu- Fiquem todos calados! Despista ele Bee.

O Bee começou a desviar dos tiros quando o Leo começou a ter um ataque...

Leo- POR FAVOR SENHOR NÃO ME DEIXE MORRER! EU PROMETO QUE EU SOU UM SANTO! NUNCA FIZ NADA DE MAL NA MINHA VIDA!

Eu- Já chega Leo!

Mas ele não s calava até de repente ouvir apenas silêncio, olho para trás e vi que a Annie o tinha beijado para ele se calar, eu ri e o Simmons revirou os olhos.

Simmons- Eu tinha um método mais eficaz...

Ele mostrou a arma de choque e eu ri ainda mais. Depois de algumas voltas conseguimos despistar o Starscream mas eu sabia que não era por muito tempo.

Eu- Bee pára.

Ele parou e eu saí assim como todos.

Eu- Vamos ter que nos dividir.

Annie- O quê?!

Eu- É melhor assim, as coisas vão começar a ficar muito más quando eu estiver cada vez mais perto do Optimus e eu não vou deixar que nenhum de vocês se magoe, por isso Bee vais levar o Starscream para longe eu sei que ele vai voltar.

Simmons- Nós vamos distrair algum Decepticon que decida aparecer, espero bem que esse pó resulte.

Eu- Ele vai.

A Annie e o Leo entraram no Skids enquanto o Simmons foi para o Mudflap, eu passo uma mão no capo do Bee e sorri.

Eu- Acho que sou eu que fica a dever uma desta vez...

Bee- Concordo... Têm cuidado... Te amo.

Eu- Eu vou ter Bee, também te amo.

Começo a correr para onde deveria estar os Autobots, eu cada vez estava mais perto mas infelizmente vários Decepticons entraram na atmosfera terrestre, eu tinha acabado de chegar a uma cidade no meio do deserto e escondi-me dentro de uma casa. Respiro fundo e tento não me passar... Tenho apenas uns 20 Decepticons, inclusive dois líder altamente perigosos atrás de mim... Super bom...
Ouvi passos atrás da parede e do nada o teto explode e aparece um Decepticon.

Eu- Eu mereço...

Sai daquela casa e corri pela minha vida, viro a algumas ruas até ir contra de um Decepticon enorme e horroroso...

Eu- Olá...

Ele bateu com a sua mão em mim e eu voei contra uma parede de uma casa.

Eu- Usa palavras... E não partas logo para a violência...

Sentia uma dor horrenda nas costas e vi o Decepticon a aproximar-se.
Mas foi aí que um Autobot amarelo super irritado foi para cima dele.
O Bee estava a dar uma tareia naquele Decepticon mas foi aí que chegou um lobo robô e ele tinha uma arma presa nas costas, ele começa a disparar contra o Bee, o mesmo ficou distraído o suficiente para o Decepticon atacar-lo.
Eu pego numa pedra e atiro contra o lobo, ele olha para mim e corre na minha direção, ele saltou para cima de mim e caímos no chão, ele estava a tentar morder-me mas eu segurava-o pelo pescoço e tentava afastar-lo mas de repente ele é tirado de cima de mim, o Bee mato-o e vi que ele também tinha matado o outro Decepticon também.
Eu sorri e ele me ajuda a levantar.

Eu- Obrigada Bee, salvastes a minha vida.

Bee- Estou aqui para isso, tu foste ferida!

Tento olhar para as minhas costas e noto um leve vermelho na blusa, ótimo... Estou com dores e estou a perder sangue... Ótimo... Ótimo...

Eu- Tenho que continuar.

Bee- Mas tu estás ferida...

Eu- Isto não me vai impedir e... Cuidado!

Outro Decepticon começou a atacar-lo e eu continuei o meu caminho, mas antes obviamente que me certifiquei de que ele conseguiria matar aquele metal andante. Eu estava cada vez mais perto dos Autobots e comecei a tentar chamar-los.

Ironhide- A Helena está ali!!!

Uma das Arcee veio ter comigo mas acabou por ser morta, eu fiquei uns segundos a olhar para o seu corpo caído no chão antes de retomar o meu caminho.

Ironhide- Vai Helena! Vai pelos pilares!

Ele dispara para uns Decepticons que se tinham aproximado de mim e eu apenas corro pelos pilares como ele me tinha ordenado, mas um tiro atingiu o chão ao meu lado fazendo-me cair, eu rastejei até um muro e fico lá escondida. Rezei a todos os deuses e anjos que me ajudassem nisto...

Epps- Nena!!!

Ele e o Lennox aproximaram-se e eu abracei-os.

Eu- Epps... Lennox... É tão bom ver-vos.

Epps- Tu és louca! No meio do deserto! Isso é sério?!

Lennox- Espero bem que consigas trazer o Optimus.

Eu- Eu vou Lennox basta me dizerem onde ele está.

Ele apontou e eu vejo o meu pai tapado para não ser descoberto...

Epps- Tu estás ferida! E parece que isto está feio...

Ele levantou a minha blusa e fez cara feia.

Epps- Não te dói?

Eu- Muito... Mas preciso do Optimus.

Lennox- Tens que nos seguir, nós vamos em direção aos nossos colegas e depois vamos ter com o Prime.

Nem pensar, eu vou logo ter com ele, preciso dele vivo... Preciso saber que o meu esforço e de todos não foram em vão!

Epps- Espero que eles tenham boa pontaria.

Olho curiosa para ele assim como Lennox.

Epps- Mandei eles atirarem as bombas no fumo laranja.

Lennox- Esse fumo que está ao nosso lado.

O Epps assentiu e eu bati com a mão na minha cara, depois o Lennox mandou correr e nós corremos, tudo atrás de mim estava a explodir... Eu não quis saber e cortei caminho, fui logo na direção do meu pai, ignorei os chamados do Epps e do Lennox mas foi aí que tudo aconteceu... Megatron estava com um dos seus canhões apontado para mim e seu tiro foi certeiro, cai na escuridão antes de bater na areia...

Eu- Onde eu estou?

Seis robôs bastante parecidos com o Fallen aproximaram-se e eu soube logo quem eles eram.

Eu- Primeiros Primes.

Eles disseram várias coisas, como eles estavam a vigiar-me à bastante tempo, como eu era uma das melhores Primes que existiram, que o meu pai precisava de mim e que a Matriz da Liderança não era encontrada e sim merecida.

Primes- Volta para Optimus, esse é um dos teus grandes destinos.

Eu- Como assim um dos meus grandes destinos?

Tudo voltou a ficar escuro.

(Bumblebee Time)
Eu não acredito que ela foi embora sem mim! Porquê que ela teve que ser tão teimosa?!

Ratchet- Essa não!

Ouvi o Ratchet a gritar e eu fui ter com ele.

Eu- O que se passa?

Ratchet- Bee... A Helena foi atingida pelo Megatron...

Eu não esperei que ele acabasse e corri à procura dela, ela não pode estar.......
Vi uma equipa médica a sair de perto da Helena, vi o Lennox a olhar tristemente para ela e o Epps com as mãos na cabeça prestes a chorar.

Eu- Helena...?

Eu aproximei-me dele e peguei em seu corpo, pude ver o quão ferida ela estava... Eu devia a ter protegido... Ela é tudo para mim... Agora não me sobrou nada... Nada...

(Helena Time)
Abri os olhos rapidamente e puxei o ar.

Eu- Eu não vou aguentar com mais uma correria destas...

Vi que estava na mão do Bumblebee e o mesmo estava com uma expressão de choro, eu levanto-me e seguro em seu rosto.

Bee- Pensei que te tinha perdido...

Ele sussurrou e fechou os seus olhos. Eu sorri e dou um beijo em sua bochecha.

Eu- É difícil conseguires livrar-te assim tão facilmente de mim.

Ele riu e colocou-me no chão, vi que o pó tinha se tornado na matriz e eu pego nela, subo no peito do Optimus.

Eu- Por favor pai... Acorda...

Cravo a matriz em seu peito e ele começa a tossir e abriu os olhos.

Eu- Pai...

Ele olhou para mim com os olhos arregalados.

Optimus- Helena? Tu voltaste por mim...

Eu- Não podia te deixar.

Ele ia dizer alguma coisa mas o Fallen apareceu, ele conseguia se teletransportar e quando chegou perto de mim e do Prime pegou na matriz e olhou para mim.

Fallen- Como é que tens poder de um Prime?! Tu não me digas...

Ele começou a rir e pegou-me, quando dei por mim eu estava no topo da pirâmide ao lado da máquina que irá destruir o sol.

Fallen- Megatron! Sabes quem eu encontrei?

O Megatron aparece e viu-me na mão do Fallen.

Megatron- A humana! Mas ela não é inútil agora que o senhor tem a matriz?

Fallen- Não sabes porquê? Porque ela é filha do Optimus Prime.

Megatron- Ela?! Isso é possível?

Fallen- Com a mãe dela tudo era possível, mas agora temos esta garotinha na nossa posse e vamos usar-la para objetivos futuros.

Eu- Garotinha?! Olha te para o espelho camelo porque se formos a comparar eu e tu, só fazes alguma coisa para provares aos teus irmãos que tu és melhor que eles e isso é um ato de criancice! E vemos que tu é que és a garotinha! Agora solta-me!!!

Fallen- Sua garotinha desprezível!

Ele começou a apertar-me e eu reprimi um grito de dor.

Optimus- Soltem-na!!!!

O meu pai apareceu a voar e veio contra nós, o Fallen e o Megatron caíram e eu estava solta e a cair também. O Optimus agarra-me e dispara contra a máquina destruindo a mesma.
Caímos pela pirâmide a baixo e quando chegamos ao chão, ele coloca-me num canto e enfrenta Megatron e Fallen só de uma vez.
Eu estava com medo, medo de perder o meu pai de novo mas assim que vi o Megatron caído no chão quase morto me deu esperança, o meu pai e o Fallen foram lutar para outro lugar e eu fiquei a encarar o Megatron até o Starscream chegar.

Starscream- Mestre!

Eu levanto-me e sai dali com calma e devagarinho para que ninguém me notasse.

Megatron- Pega na humana!

O Starscream começou a correr na minha direção e eu volto a correr, já estou cansada disto... Quando ele estava prestes a agarra-me tiros foram disparados contra ele, ouvi o Starscream a soltar um gemido de dor e depois foi embora.

Optimus- Estás bem?

Eu assenti e vi que ele tirava umas peças que estavam a mais em seu corpo.

Eu- Que peças eram essas?

Optimus- Era de um antigo Autobot chamado Jetfire, ele se sacrificou para eu vir-te salvar, ele disse que tu eras uma das melhores.

Apenas dei um pequeno sorriso triste, o Optimus pegou-me e olhou para mim.

Optimus- Tu és mesmo a minha filha?

Eu- Sim, a mãe... Falou comigo quando eu fui raptada pelo Jefferson, ela disse algumas coisas inclusive que o meu pai se chamava Orion Pax, perguntei aos gémeos quem era e eles disseram que eras tu...

Optimus- A Skyfrost adorava o nome Orion, não me admira ela ter-te dito.

Eu- Mas tu nem sempre te chamaste de Optimus.

Optimus- Isso é história minha pequena, agora temos que ir para perto dos nossos amigos.

Eu- Ahm... Eu posso te chamar de pai? Ou...

Optimus- És minha filha, podes chamar-me como quiseres.

Eu- Agora já sei porquê que o meu cabelo é azul.

Optimus- Tu não o pintas?

Eu- Não, mas faço questão dizer que pinto pois não quero que ninguém saiba que ele é natural, mas agora já não me faz diferença, agora já sei quem eu sou.

Optimus- Estás contente por saber que o teu pai é na verdade um alienígena?

Eu- Não importa a aparência ou de onde vieste, és meu pai, é o que importa.

Ele sorriu e eu também, fui posta no seu ombro e ele andou até os outros Autobots.

Jazz- Helena! Ainda bem que estás viva! Se o Optimus não tivesse ido te salvar eu mesmo ia!

Eu- Obrigada Jazz.

Jazz- Sempre às suas ordens minha querida.

Reviro os olhos e ri com a cara do meu pai e do Bee. Vi os gémeos a chegarem com a Annie, o Leo e o Simmons.

Annie- Alguém quer me dizer o que se passou aqui?

Simmons- Olha lá, ela conseguiu mesmo trazer o grandão de volta.

Leo- Ainda no outro dia disseram que não existia um Decepticon de 50 metros, EU ACABEI DE ENFRENTAR UM COM 100 METROS DE ALTURA! E ELE SUGAVA TUDO!

Annie- Leo querido, controla-te.

Eu começo a rir com eles os três, eu não aguento com esta gente.

Skids- Isso aí! Ela conseguiu!

Mudflap- Teve sorte.

Optimus- Autobots, é com grande gosto anunciar que eu finalmente encontrei a minha filha.

Ironhide- Onde ela está?

O Optimus olhou para mim com um sorriso e eu olho para todos super tímida.

Eu- Então... É... Sou eu...

Epps- O quê?!

Ratchet- A minha sobrinha sempre este perto de mim?

Eu- O Ratchet é meu tio?

Optimus- Sim, ele é meu amigo de longa data então eu e a tua mãe pedimos para que ele fosse teu tio.

Eu- Compreendi...

Annie- Isto é demasiado para a minha cabeça... Como assim tu és filha do líder alienígena Autobot?! Eu sei que tu sempre dizias que eras diferente mas isto é demais.

Eu- Eu não sabia que era filha de um alienígena, mas normal eu não era, pois meu cabelo é natural, nunca foi pintado.

Epps- Ele é azul? Mas nós íamos comprar as tintas para o cabelo.

Eu- Para fingir... Achas que eu queria que alguém soubesse que eu era anormal?

Leo- Após isto... Eu vou me reformar, não aguento mais.

Simmons- Eu vou ser sincero contigo garoto, tu provaste ter uma grande coragem o que apenas durou 5 minutos, tu és uma verdadeira galinha! Maricas e tudo mais! Por isso espero nunca mais cruzar-me contigo na minha vida! Beijos e abraços.

Eu- Estás irritadinho?

Simmons- Experimenta ficar a ouvir ele constantemente a gritar!

Apenas reviro os olhos e encaro o Bee, o mesmo estava a olhar para mim como se estivesse a processar tudo.

Eu- Então amarelão? Nem me vens dizer nada?

Bee- Quer dizer que eu namoro... Sabes que certo alguém vai querer a minha cabeça...

Eu- Vamos ultrapassar essa face... Queres contar?

Ironhide- Que segredinhos são esses?

Todos olharam para nós e eu corri na hora, meu pai olhou para mim curioso.

Eu- Sabes é uma história bem gira... Eu e o Bee estamos num relacionamento desde do dia de praia...

Jazz- O QUÊ?! EU PERDI A MINHA QUERIDA PARA ELE?!

Ratchet- Por esta eu realmente não esperava...

Ironhide- Alguém quer dar cabo dos meus processadores hoje?? Eu ainda estava a processar a parte que a Helena afinal é filha do Prime e agora ela também é namorada do Bumblebee?!

Optimus- Eu quero ter uma conversa contigo mais tarde Bumblebee.

Ele disse com um ar super sério para o Bee, o mesmo assentiu nervoso.

Eu- Ahm... Só não o mates.

Annie- Eu sabia que ia dar namoro! Sabia! Sabia! Sabia!!

Leo- Tu apoiavas isso? Quer dizer, pelo que percebi só à pouco tempo é que a Helena soube que era filha do Optimus.

Annie- Para o amor, não existe limites.

Apenas sorri para o Bee e encosto-me no pescoço do meu pai.

Acho que a minha vida vai melhorar! 


Notas Finais


Alguém aqui gosta de Marvel? Vingadores, X-men, quarteto fantástico e Deadpool? Pois bem eu tenho uma história com tudo isso! E acho que vocês vão gostar! Então deem uma checada, caso não queiram apenas me ignorem 😉


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...