História Not counted - Capítulo 8


Escrita por:

Postado
Categorias Naruto
Personagens Hinata Hyuuga, Sasuke Uchiha
Tags Hinata, Naruto, Sasuhina, Sasuke
Visualizações 159
Palavras 1.015
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Luta, Romance e Novela
Avisos: Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Atualizando ✓

Capítulo 8 - Chapter 8


Fanfic / Fanfiction Not counted - Capítulo 8 - Chapter 8

×××

Hinata sentiu uma sensação estranha e ela fica preocupada.

O que ela viu primeiro foi Sasuke, piscando os olhos, ela olhou em volta e percebeu que estava em uma sala. Então ela sorriu.

Hinata se aproximou agachando e observou Sasuke que ainda estava dormindo. Então sua mão se estendeu e seus delicados dedos traçaram o rosto do homem. Eles passaram por momentos ruins no passado, e agora ter um ao outro é um presente que eles devem cuidar.

Os dedos de Hinata desceram nos lábios de Sasuke e ela ficou surpresa quando ele devorou seu dedo indicador, então ela riu.

"Você está acordado?" ela perguntou, ainda rindo.

Hinata viu Sasuke acenar e então abrir suas pálpebras, e ela observou a iris negra refletir seu rosto.

"Desde quando?"

"Quando você tocou meu rosto." Ele respondeu, depois que o dedo indicador de Hinata deixou sua boca.

Hinata sorriu, então lembrou que o Hokage queria ver Sasuke esta manhã.

"An ... eu te disse ontem que o Hokage-sama quer que você esteja em seu escritório às oito?"

Sasuke a observou, viu o relógio do lado de sua esposa e sorriu. Depois disso, ele se aproximou de Hinata e a abraçou, inalando o cheiro de baunilha do cabelo de sua esposa.

"Ainda são sete horas." Suspirou.

Hinata afastou seu corpo para trás e viu Sasuke fechar os olhos novamente.

"Mas eu tenho que cozinhar e você tem que tomar um banho."

Sasuke abriu os olhos com relutância: "Não posso ficar em casa o dia todo?" ele viu o sorriso da Uchiha e voltou a resmungar. "Eu estive em uma missão por uma semana, diga a Kakashi que sairei da ANBU."

Hinata mordeu o lábio inferior em uma tentativa de segurar o riso, então comentou. "Ok, eu tenho que abrir um negócio depois que você sair? Hum.. o que é bom? Loja de flores? Ah.. ou talvez eu possa voltar a ANBU para substitui-lo, o que acha?"

Sasuke riu, em seguida, apertou o abraço.

"Pare de sonhar em estar longe da cama e de casa, eu não consigo te ver como a Yamanaka, que é muito desastrada para cuidar de uma floricultura", ele olhou para Hinata com uma cara irritada. "Muito menos me substituir."

Hinata segurou o riso e devolveu o abraço de Sasuke com mais força, então falou. "Bem, acho que podemos ficar em casa o dia todo, não é tão ruim não fazer nada."

Sasuke sorriu, então novamente inalou o cheiro de baunilha de sua esposa. Mas antes que ele sentisse o aroma por mais tempo, a porta de seu quarto se abriu. Um menino de três anos semelhante a Sasuke entrou com os olhos lacrimejantes.

"Mama." Sua voz estava embargada pelo choro.

"Yato", Hinata se soltou dos braços de Sasuke e se levantou, fazendo o Uchiha bufar e se sentar relutantemente.

Yato deu um pequeno passo em direção a cama, e depois levantou os pequenos bracinhos ao chegar ao lado de sua mãe.

"Ara, ara qual é o problema meu amor? Você está com fome?" Hinata perguntou limpando o rosto do filho. Yato assentiu, ele se acalmou ao sentir o calor de sua mãe.

"Sasuke-kun, tome banho, Hokage-sama está esperando por você."

Sasuke levantou uma sobrancelha. "Você não disse que íamos ficar em casa o dia todo?"

Hinata sorriu "Era só para agradar você". Sasuke suspirou.

Hinata acaricia as costas de seu filho, enquanto Yato mostra a língua para Sasuke por cima dos ombros de Hinata.

"Seu pequeno pestinha".

Hinata virou e olhou para Sasuke, "O que?"

"Nada, dê Yato para mim, você pode cozinhar e eu irei levá-lo."

"Mas você não tem que tomar um banho?"

"Eu vou tomar um banho com Yato também." Disse Sasuke para resolver o problema.

Hinata assentiu, ela colocou a criança nos braços de Sasuke, e com os olhos de diferentes doujutsus abertos, Yato olhou para o pai. "Sim, certo, você está preso a mim agora, e você não vai ficar com os peitos da sua linda mãe facilmente."

Hinata deu um leve tapa no braço de Sasuke com um rosto muito vermelho. "D-desde quando você se tornou tão pervertido?"

"E desde quando você resolveu usar violência com seu marido?" Sasuke perguntou brincando.

Yato com apenas dois dentes sob as gengivas riu de Sasuke quando Hinata saiu apressada. Sasuke sorriu. "Eu acho que sua mãe está certa. Mas um dia, você entenderá como sua esposa sente que seus seios são propriedade de seu filho. É frustante."

"Eu ouvi isso!" Hinata exclamou da cozinha enquanto batia a tábua de corte.

Vendo seu filho rindo novamente, Sasuke riu junto. "Não ria de mim, você tem que tomar um banho comigo agora." ele disse, fazendo o riso de Yato desaparecer e ser substituído por um rosto rabugento.

"O quê? Eu não gosto de tomar banho também, mas nem sempre conseguimos o que queremos, certo?"

Hinata que ouvia as reclamações de Sasuke apenas balançou a cabeça lentamente. Depois de levar as batatas na geladeira, ela se prepara para fazer curry e mingau para Yato. Depois de quase quinze minutos cozinhando, a comida fica pronta. Olhando para seu quarto, ela viu Sasuke se preparando com seu colete ninja e Yato estava em suas costas com uma camisa azul-celeste com o emblema Uchiha nas atrás.

"Agora você pode tomar um banho." Sasuke disse, sentou Yato na cadeira de jantar própria para uma criança, então ele se virou, e se sentou.

Hinata sorriu. "Obrigado."

Sem levantar-se, Sasuke puxou a cintura de Hinata até que a mulher cambaleou e se aproximou dele. "Por seus agradecimentos, posso pedir algo?"

Hinata levantou uma sobrancelha "O quê?"

"Apenas responda, pode ou não."

Hinata olhou para o marido com cautela: "Se você pedir algo estranho—"

"Não vou." Cortou Sasuke.

Então Hinata acena sem hesitar. "Tudo bem."

Sasuke deu um sorriso malicioso: "Você não vai dormir esta noite".

Hinata arregalou os olhos, quando ela iria protestar, Yato começou a se agitar e Sasuke sorriu triunfante. Hinata apenas suspirou e pegou uma tigela pequena e colocou o mingau de Yato, logo foi até o banheiro depois de dar a tigela ao seu filho.

Ela estava tão feliz agora, é tudo como um sonho, depois que Hinata fechou a porta do banheiro, ela sentiu uma sensação de preocupação mais uma vez. Mas ela ignorou e ligou o chuveiro. Sorrindo e cantando.

E no fundo de sua consciência, a árvore de chakra a fez adormecer e sonhar. Sonhar belamente.


Notas Finais


Não me matem ;~;


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...