História Nothing you have to worry about - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Tags Drama
Visualizações 7
Palavras 456
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia)
Avisos: Linguagem Imprópria
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Aproveitem.
Ou não.
Sei lá.

Capítulo 1 - A feeling no one should feel - Capítulo Único


Fanfic / Fanfiction Nothing you have to worry about - Capítulo 1 - A feeling no one should feel - Capítulo Único

Cansada. Era assim que eu me sentia. Mesmo tendo dormido o dia inteiro, eu me sentia cansada. Cansada de tudo e todos, e especialmente de mim.
Esse ano foi um tremendo pesadelo. Com tantas mudanças e sentimentos ao meu redor, eu consegui ser a única a permanecer incrivelmente burra durante isso tudo.
Pessoas mudaram comigo, pessoas mudaram por mim... E mesmo assim, eu continuei a mesma merdinha de sempre. Insegura, feia, manipulável, ansiosa, pessimista e burra.
Mais uma vez passando por uma terrível crise de choro, eu vejo todo mal que eu causei. Eu abandonei pessoas, eu não ajudei quem precisava, eu não fiz tudo que deveria para que tudo permanecesse nos eixos. Eu fui burra.
No entanto, você, que foi o que mais acreditou em mim, foi também com quem eu mais falhei. Com promessas vagas, que nunca se concretizaram, e sua enorme paciência e amor despejado em cima de mim, eu sempre pensei que tudo ficaria bem. Que por você, eu conseguiria mudar. E eu mudei, em algumas coisas ou alguns momentos, mas nunca foi o suficiente.
E, no fim, até mesmo você se cansou. E eu nunca me senti tão sozinha, porque sem você, eu não teria mais ninguém. Todo o resto me abandonou ou não se importa mais.
Eu não sei o que fazer.
Eu sempre tentei ser o mais perfeita possível para todos, quando, na verdade, eu só pensava na minha satisfação própria, ignorando tudo que poderia ajudar a outra pessoa a se sentir melhor. Egoísta, não?
Agora que todos se foram, eu estou aqui, sem saber o que fazer, mesmo tendo inúmeras coisas para fazer. Elas não me chamam a atenção e a única coisa que me interessa é a cama em que me deito e o grande travesseiro que você deixou aqui. Eu deveria devolvó-lo, mas a que me agarraria na solitária noite sem você?
Penso que todos vocês estão certos de fazer isso. Em me abandonar. Eu sou um lixo mesmo. Alguém que só leva furacões. Vocês são inteligentes de não querer isso perto de vocês.
Eu concordo plenamente com vocês. Eu sou uma bosta. Eu não deveria me aproximar. Mas se distanciar é tão difícil, já que, egoistamente, eu não quero perder nenhum de vocês.
Creio que nada vai mudar. Eu vou continuar querendo me distanciar contra a minha vontade e sofrer no meio da noite por fazer com que vocês tenham que conviver com essa pessoa horrorosa. Me perdoem por isso.
Por ser uma péssima amiga.
Uma péssima filha.
Uma péssima estudante.
Uma péssima namorada.
Desculpa a todos os envolvidos por terem se envolvido com tal pessoa problemática. Vocês mereciam coisa melhor. Por isso, eu agora vou parar de reclamar e simplesmente sumir, por enquanto.
Adeus.


Notas Finais


Procurem ajuda sempre que precisarem.
Ninguém deve ficar sozinho, nunca. Mesmo que às vezes isso seja o que você mais deseja.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...