História Nova família! -Imagine Vernon- primeira temporada. - Capítulo 40


Escrita por:

Postado
Categorias EXO, Got7, Seventeen
Personagens Boo Seungkwan, Hansol "Vernon" Chwe, Hong Jisoo "Joshua", Jeon Wonwoo, Junghan "Jeonghan", Kim Mingyu, Lee Chan "Dino", Lee Jihun "Woozi", Lee Seokmin "DK", Seungcheol "S.Coups", Soonyoung "Hoshi", Wen Junhui "JUN", Xu Ming Hao "THE8"
Tags Seventeen, Vernon (hansol)
Visualizações 242
Palavras 2.081
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Lemon, LGBT, Luta, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Poxxteiii.
Boa leituura.

Capítulo 40 - Capítulo 40


Fanfic / Fanfiction Nova família! -Imagine Vernon- primeira temporada. - Capítulo 40 - Capítulo 40

  A campainha toca, ue ele chegou tão rápido assim? Vou atender e BM entra me cumprimentando.
  Vernon: - Mas como assim?
  BM: - Tava aqui do lado. Tu tem uma vizinha meu amigo. Xuxu beleza viu. - diz rindo.
  Vernon: - Mano ela tem 15 anos.
  BM: - Que? Não, a irmã mais velha dela tem 18.
  Vernon: - Que? Ela não tem irmã mais velha.
  BM: - Eita caralho. Deixa quieto, então oq tem pro rango hoje?
  Vernon: - Tava pensando em sair pra comer. Oq acha? Ir lá no alemão.
  BM: - Bah que saudade de comer no alemão. - tava calçando o tênis - Ei cadê a S/A?
  Vernon: - Ah, isso. É uma longa história cara, vamos indo que eu te conto tudo. - fomos pro carro e eu expliquei tudo a situação.
  BM: - A NATÁLIA TÁ VIVA?
  Vernon: - Pseh tive a mesma reação.
  BM: - Ah mas eu mato essa vagabunda. E a S/N? Ela simplesmente saiu.
  Vernon: - É cara, saiu e foi se encontrar com outra pessoa que eu não sei quem é.
  BM: - Vai ver é a Lisa.
  Vernon: - Não não é, a Lisa foi com o Hoshi lá pra Dona Flora.
  BM: - Ai velho nem se preocupa ela deve tá em segurança, só deve tá esfriando a cabeça conversando com esse alguém. - disse já estacionando na frente do restaurante do alemão.
  Vernon: - Sei não cara, tô com um precentimento mó ruim. - fomos almoçar conversando sobre a volta da Natália e sobre a S/N.

                        @POV S/[email protected]

  Senti o carro parar, sim estava vendada, e tranquei o meu toba goxtoso.
  JB: - Calma - rio - Tu vai gostar, vem. - disse abrindo a porta do carro, logo senti um ventinho gostoso. - vou tirar a venda.
  S/N: - Aí meu Deus JB aqui é lindo. - estávamos no topo de uma montanha Onde dava pra ver a cidade inteira e perto havia uma cada de madeira simples. A energia daquele lugar era muito boa.
  JB: - É eu sei, aqui era onde eu iria pedir a sua mão. - olhou triste pra cidade, entramos na casa. - posso lhe fazer uma pergunta?
  S/N: - Claro, e pode falar informal comigo também. - digo rindo.
  JB: - Você não sente mais nada por mim? - congelei com a sua pergunta. Eu sentia sim ainda algo por ele, os sentimentos de dois anos de relacionamento não desaparecem em um piscar de olhos.
  S/N: - Olha... Eu não vou mentir, eu sinto ainda algo sim. Sentimentos não desaparecem rápido JB. - olhei nos seus olhos que tinham um brilho familiar.
  JB: - Então que tal tentarmos novamente? Eu ainda te amo S/N, eu não vou desistir de ti.
  S/N: - Ah JB, eu não posso te iludir desse jeito. Eu amo outra pessoa, ela me machucou muito mas eu não consigo a esquecer. - meu celular vibra e recebo uma foto do Vernon e o BM pegando duas meninas no carro do BM na frente do novo parque que abriu semana passada, meu sangue ferveu de raiva. - Mas que saber, podemos tentar, vai que os sentimentos de antes surgem de novo neh.
  JB: - Eu vou fazer de tudo para que eles voltem. - me prensa na parede e me beija, um beijo cheio de desejo e saudades. Logo esse Beijo começa a esquentar e eu paro. - muito rápido, tá certo. - da um sorriso de nervoso.
  S/N: - Aqui é tão bom, tão quentinho e aconchegante. Bora maratonar friends?
  JB: - Bora que nem a gente fazia antes. Vou fazer a pipoca, você pode pegar os refrigerantes e subir com eles na primeira porta a direita.
  S/N: - Ok. - dou um beijo em sua bochecha, pego os refrigerante e subo pro quarto. Deito na cama e fico mexendo no celular esperando o JB chegar. Fico olhando aquela foto mais atenta, e eu recebi de um numero anônimo, quem será essa pessoa?
  JB: - Cheguei, peguei fini tambem. - deitou do meu lado na cama e colocou a série na TV.
  S/N: - FIIINI. - Pego o pacote e já como logo dois tubinhos.
  JB: - Eita vai com calma. - rimos. - posso deitar das tuas coxas? São confortáveis. - deu aquele sorriso que eu não consigo dizer não.
  S/N: - Claro. - me ajeitei melhor e ele se deita nas minhas coxas, fico lhe fazendo cafuné. Depois de um tempo sinto sua respiração pesada. Como ele tem um sono pesado, o arrumo direito na cama, me aninho nele e dormimos assim. Sonhei um sonho super erótico com o JB, quando estava quase no meu ápice eu acordo com JB me dando Beijos no rosto.
  S/N: - Não perdeu o costume neh? - ele nega.
  JB: - Fiz café.
  S/N: - Eu tô com fome. - digo manhosa.
  JB: - Mas então vamos descer que eu preparei um café ótimo. - lerdo.
  S/N: - Não JB. Não esse tipo de fome. - o olho maliciosa. E ele me olha assustado. - Já faz tempo neh. - digo me sentando em cima de seu colo.
  JB: - Eu acho que a Coca, os Finis e as pipocas não te fizeram bem. - diz com dificuldade por eu estar rebolando em seu colo.
  S/N: - Eu só estou com saúdes JB. - falo manhosa no ouvido dele, e o mesmo arfa.
  JB: - S/N eu não vou me aguentar se você não sair de cima do meu...ahhh poha - quico em seu colo. - agora não dá mais tempo pra recuar. - me olha com as órbitas pretas de pura luxúria.
  S/N: - E quem disse que eu quero recuar? - mordi seu lóbulo.
  JB: - Agora tu vai ver. - ele tira a minha blusa e o meu shorts me deixando sozinha de roupas íntimas, faço o mesmo com ele. - Já estava molhada assim? - passa o dedo na minha intimidade ainda por cima da calcinha me fazendo arfar.
  S/N: - Digamos que eu tive um sonho bom. - puxei ele para um beijo cheio de desejo. Ele saiu da minha boca fazendo uma trilha de Beijos até os meus seios. Ele tirou o sutiã e logo abocanhou um dos meus seios me fazendo soltar um gemido. Tirou minha última peça de roupa e introduziu dois dedos, me fazendo arquear as costas, ficou chupando os meus seios enquanto fazia movimentos de vai e vem com os seus dedos, quando estava quase lá ele tira os seus dedos, gemo em reprovação e é ele vai logo pegar a camisinha.
  JB: - Antes, Chupe. - ficou de joelhos e eu comecei a lamber só a sua glande, já inchada de pré-gozo, depois eu abocanhei de uma vez fazendo movimentos rápidos arrancando gemidos dele. - eu vou gozar. - dou mais umas duas chupadas e ele goza. - de quatro. - fico como ele pediu logo ele introduz seu membro, ele era menor do que o do Hansol então foi questão de segundos pra eu me acostumar. Ele começou com estocadas lentas.
  S/N: - Vai mais rápido. - digo impaciente. Ele começa os movimentos mais rápidos.
  JB: - Eu vou gozar. - diz e logo depois de umas três estocadas ele geme alto caindo ao meu lado e dormindo. O olho incrédula eu nem tinha atingido meu ápice e foi bem mais rápido do que com o Hansol. Vou pro banho terminar oq ele não conseguiu fazer com a minha companheira mão. Terminei vesti as minhas roupas e fui tomar café. Acabei e nada do JB, me irritei e deixei um bilhete escrito que não ia dar certo. Sai da casa dele chamando um uber, entro no uber e aquela careca me era familiar.
  S/N: - JORGE.
  Jorge: - Oie S/N. Se resolveu com o menino?
  S/N: - Pior que não Jorge, eu tentei ir pra frente com outro cara mas não deu certo. Vou atrás do meu macho concertar as coisas.
  Jorge: - Ta certo, se você o ama tem que fazer isso mesmo. Pra onde vamos?
  S/N: - *****. Sua esposa esta melhor?
  Jorge: - A febre abaixou mas ainda está de observação no hospital.
  S/N: - Ah espero que ela fique melhor. - fomos conversando o caminho inteiro.
  Jorge: - Entregue senhorita.
  S/N: - Obrigada Jorge até. - lhe pago e entro em casa.
  Jeonghan: - Onde estava?
  S/N: - Na casa de um amigo.
  Jeonhgan: - Pq não me avisou?
  S/N: - Esqueci omma desculpa.
  Jeonghan: - Tudo bem. Só fiquei preocupado.
  S/N: - Fica tranquilo não aconteceu nada. Só uma maratona de serie.
  Jeonhan: - Depois dessa semana é férias, nos vamos pra casa da praia ok?
  S/N: - Okk, a Solar, Lisa, Hwasa, o Chansub, Peniel e o Eunkuan podem ir junto?
  Jeonghan: - Claro temos três quartos sobrando. Faça eles se encaixarem, em cada um tem cama de casal.
  S/N: - Obrigada omma. Vou lá em cima trocar de roupa okk?
  Jeonghan: - Tudo bem, depois venha dar Oie pros seus irmãos e o Coups. Me ajuda com o almoço?
  S/N: - Sim. - subi e botei uma calça de moletom e uma camisona branca. - Oie meus amores. - Todos me olharam, abracei e dei um beijo na bochecha de cada um, cheguei no Hansol e no... BM? - Que que tá fazendo aqui seu gordo? - digo abraçando ele.
  BM: - Dormi aqui porque esse daí - aponta pro Hansol. - Bebeu de mais e fez merda.
  S/N: - É eu vi a foto. - falei baixo.

  BM: - Que foto? - Merda.
  S/N: - Essa. - mostro a foto pro BM.
  BM: - Ah esse foi o começo da merda. Depois eu te conto mas agora eu preciso ajudar o seu omma a fazer o almoço. - se levantou e foi indo pra cozinha.
  S/N: - Quero você junto na conversa. - lhe dou um beijo no bochecha de "oie" e vou pra cozinha. - O que temos pra hoje chefe? - pergunto esfregando as mãos.
  Jeonghan: - Um prato Brasileiro que todo mundo amou quando o Jay nos ensinou a fazer.
  S/N: - Hmmm pelos ingredientes é feijão com arroz?
  Jeonghan: - Isso mesmo. BM coloca a mesa por favor. S/N faz o arroz e eu faço o feijão.
  S/N: - Vou fazer a salada enquanto o arroz cozinha ok? - digo ponto o arroz pra cozinhar.
  Jeonghan: - Claro. - fizemos tudo para o almoço e já eram 12:00. - o tempo passou rápido neh. Meu Deus. Chama a cambada meu amor. - diz me cutucando. - Pode sentar BM.
  S/N: - Claro. - vou pra sala. - BORA COMEEERR.
  Todos: - COMIIIDAA. - Todos foram pra mesa. Comemos conversando sobre tudo. Terminamos e puxei o BM e o Hansol pro meu quarto.
  S/N: - Desembuchem. - digo sentando na minha cama.
  BM: - Ontem a gente saiu pra uma balada e ele bebeu todas por sua causa. - o olhei confusa. - a foto que você viu foi no final da festa, nos estávamos pegando as meninas sim - minha expressão muda pra raiva. - mass só durou uns cinco segundos porque esse idiota começou a chorar e dizer que tinha te traído, que não te merecia, que iria tentar se matar de novo, que queria você com ele. - mudo minha expressão pra culpa. - Então o trouxe pra casa lhe dei um banho gelado e o botei pra dormir.
  S/N: - Ham eu posso falar com o Hansol sozinha por favor?
  BM: - Claro. Eu já vou indo, vou com vocês pra casa da praia no domingo que vem ok. Tchau gente. - me deu um beijo na testa e bateu nas costas do Hansol saindo.
  Hansol: - Olha eu sei que tá brava e eu não tive a...
  S/N: - Hansol, não precisa se explicar, você não fez nada errado quem fiz fui eu. - abaixei a cabeça.
  Hansol: - Com quem você saiu? Oq você fez? - disse com a voz trêmula.
  S/N: - Eu sai com o JB - ele arregalou os olhos - e quando recebi sua foto beijando uma menina eu enlouqueci e acabei o beijando, hoje de manhã nos transamos, não, ele transou, porque ele nem fez questão de me satisfazer. Me desculpa. - abaixei a cabeça logo liberando as lágrimas que eu queria soltar des de ontem. Senti o seu olhar em mim e...
                           Continua...

Notas Finais


Espero que tenham gostado.
Me desculpem se a fic tá ficando chata. 😣
Amo vocês Beijos de luz 🌟❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...