História Guardiões - nova geração - Capítulo 108


Escrita por:

Postado
Categorias Hora de Aventura
Personagens Beemo "BMO", Canelinha, Finn, Gunter, Marceline, Marshall Lee, O Lich, Personagens Originais, Princesa Café da Manhã, Princesa Caroço, Princesa De Fogo, Princesa Jujuba, Principe Chiclete, Príncipe de Fogo, Rainha Gelada, Rei Gelado
Tags Hora De Aventura, Nova Geração
Visualizações 14
Palavras 1.093
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Ficção, Luta, Magia, Misticismo, Romance e Novela, Saga, Shounen, Universo Alternativo
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Pansexualidade, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


A imagem de capa não me pertence é apenas uma representação

Espero que gostem

Capítulo 108 - Aliança de dimensões


Fanfic / Fanfiction Guardiões - nova geração - Capítulo 108 - Aliança de dimensões

A grande armação metálica descia dos céus em direção ao solo, Marceline, Joke, a princesa gosma, princesa café, o ex rei do fogo e mais um grupo de guardas babana se encontravam acima da mesma, tal que lembrava de longe o formato de uma balsa, a descer em uma velocidade relativamente devagar, enquanto a visão do continente abaixo de todos parecia se estender conforme se aproximavam, mais detalhes ganhavam forma e uma mistura de anciedade com tensão preenchia seus corações 

_fiquem atentos, pode ser uma armadilha_ a criatura do fogo alertava a todos, e apesar de sua paranóia ser um problema a maioria das vezes, nessa ocasião ela fazia mais sentido do que nunca, eles poderiam esperar qualquer coisa lá embaixo, afinal se dirigiam para o solo de outra dimensão, com um outro governo, todos assustados com aquele assunto de portal e arcanjos, um ataque era algo que deveriam sim esperar e atentar

_tá, a gente já sabe disso_ Marceline respondeu, mostrando uma certa irritação com a frequência desses comentários vindas dele, ela se encontrava mais coberta que uma múmia, utilizava de um longo chapéu preso por uma fita para se proteger do sol, calças jeans e uma blusa de manga cumprida, bem como luvas e botas 

_relaxa irmão, eu disse que eles são gente boa_ Joke o acalmou, mostrando a mesma calma de sempre, ainda parecia totalmente incrédulo nessas teorias de armadilhas, talvez por ser otimista demais, ou algo do gênero 

_não sei não Joke_ a vampira pareceu um pouco insegura quanto a isso, ela era bem neutra em relação a isso, mas acabou se convencendo que só saberia a verdade depois que pousasse nessa outra Ooo, discutir ali só os deixaria mais tensos do que já estavam. 

A armação metálica pousava finalmente, sobre uma grande varanda do castelo doce, trazendo em si quase todos os membros do conselho de Ooo, logo abaixo, o príncipe chiclete e outro ser que parecia tão escondido em roupas quanto Marceline os esperavam, junto a todos os outros reis que costumavam comparecer as reuniões, todos, com exceção do doce anfitrião, olhavam para os visitantes com um olhar levemente desdenhoso, como se, ao invés daquilo ser uma aliança para favorecer os dois, era na verdade uma invasão de pessoas lhe pedindo ajuda, a maioria deles ainda não tinha noção que um ataque dos arcanjos com certeza iria afeta-los também, todos ali seriam dizimados, quando não sobrasse mais o que destruir no outro universo, eles com certeza seriam os alvos 

_sejam bem vindos ao reino doce, visitantes_ o príncipe chiclete os saudou, fazendo um leve reverência, onde empurrou a cabeça do outro ao lado, o inclinando juntamente, nisso, todos os governantes ali presentes copiaram o ato, mesmo que contra suas duras vontades 

_oh, e aí pessoal?_ Marceline ascenou um pouco sem jeito, forçando um sorriso em seu pálido rosto, enquanto todos desciam de cima do transporte, junto aos guardas banana que os seguiam fazendo sua "proteção" 

_bem, eu reuni todos aqui, como vocês pediram_ ele confirmou, erguendo a mão para trás, como se apresentasse os reis, junto a eles, vários guardas de todos os tipos de reinos, o que indicava que também estavam desconfiados com essa suposta aliança 

_heh, eae galera_ Joke os comprimentou no momento em que desceu, ascenando com a sua mão canina _tudo de boa com vocês?_ 

                       •      •      •

Todos já se encontravam sentados naquela enorme mesa, existente em um dos salões principais do castelo doce, as janelas se encontravam fechadas e a iluminação se baseava em lâmpadas elétricas, para o bem de Marceline e Marshall Lee, que não suportavam a luz do sol 

_então, se não nos unirmos, vocês serão os próximos, não tenham dúvidas_ Marceline encerrava a explicação, depois de ser contestada, provavelmente pela quinta ou sexta vez ali, ela havia colocado tudo em pauta, nem mesmo precisou das anotações que levou consigo na bolsa, apenas de cabeça já podia passar todo o perigo que aqueles seres assustadores passavam, não somente para Ooo, mas para todo o mundo 

_humf, como podemos ter certeza de toda essa história? Tudo que ouvimos aqui foi um falatório sem fim, não sei bem se podemos confiar_ o príncipe café se manifestou, um pouco indeciso, ele havia visto a sinceridade em BMO, mas não sabia ao certo se deveria ir tão longe por uma mera compaixão, com isso, um murmuro se espalhou pela sala, todos pareciam perplexos, alguns acreditavam e já haviam perdido as esperanças, outros estavam indecisos sobre o que fazer ou acreditar, tudo que havia ali era medo e dúvida, unidos em uma melodia macabra que poluia o ambiente 

_ei, ei, se acalmem vocês ..._ chiclete pediu, se erguendo do seu local, em um aspecto irritado _eu vi com meus próprios olhos a luta que eles travaram para impedir que o Lich libertasse essas criaturas, eles são pessoas honestas, e tudo que estão fazendo é proteger a sua terra_ 

_chiclete... Você poderia nos dar a sua palavra disso? E se desse, poderíamos confiar nela?_ o rei do fogo daquela terra finalmente se manifestou, seus braços cruzados, como alguém que não está muito afim de acreditar naquilo, seu tom de voz foi de desdenho total

_vocês acham que eu guiaria o povo da minha própria terra para a destruição? Acham que eu mentira sobre algo assim?_ 

_mentir, e não saber o que fala são duas coisas bem diferentes_ retrucou o homem de fogo 

_eu disse que eles eram perda de tempo, eu disse isso, não disse?_ o ex rei de fogo exclamou batendo com a mão sobre a mesa, em um aspecto furioso

_escutem aqui altezas_ Marceline imediatamente se pôs sobre os seus pés, batendo a sua mão na mesa de madeira _vocês podem sentar aí e nos julgar por estarmos procurando um meio de salvar o nosso povo, mas nenhum de vocês vai se esforçar mais do que eu para proteger o meu povo e salvar a todos, inclusive os seus traseiros reais!_ ela exclamou apontando o polegar para o seu peito ao momento em que se referia a si mesma _se tiverem alguma dúvida, perguntem de uma vez ou parem de me fazer perder tempo!!_ um silêncio constrangedor reinou na sala, todos estavam calados diante daquela situação inesperada 

_humf, botei fé_ Marshall Lee foi o primeiro a se manifestar, de forma levemente descontraída, enquanto um leve sorriso revelava uma de suas presas vampíricas. Depois disso, um grande aglomerado de perguntas foi lançado em direção aos visitantes, que se esforçaram e responder todas, com isso, uma aliança foi formada e um plano de guerra finalmente foi posto em pauta. 


Notas Finais


Até o próximo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...