História Novelist - Jikook - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Park Jimin (Jimin)
Visualizações 37
Palavras 855
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Fluffy, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay)
Avisos: Homossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 1 - Jimin's first love


Fanfic / Fanfiction Novelist - Jikook - Capítulo 1 - Jimin's first love

Jimin e Jungkook formavam o típico casal que vive brigando. Nem eles sabiam o porquê, mas na maioria das vezes o motivo era um só: os ciúmes de Jungkook. 

No início do relacionamento, isso incomodava muito a Jimin, que sempre fora uma pessoa de chamar a atenção. Além de ser um romancista muito famoso na Coreia, ele dançava, cantava e até fazia teatro, fazendo assim com que seu ciclo de amizade só aumentasse. Ele pensou várias vezes em terminar com Jungkook, porém no fundo sabia que amava o cara do sorriso mais doce do mundo e de  um cabelo irritantemente sedoso e escuro. O de cabelo laranja sabia que se quisesse fazer valer a pena teria que aprender a conviver com isso. E no final foi o que aconteceu.

Meses mais tarde, Jungkook surpreendeu a todos com um pedido de casamento de arrasar no aniversário do namorado. Ele compôs e produziu uma música, fazendo Jimin se derramar em lágrimas e em menos de um ano eles foram morar juntos, começando assim, o verdadeiro casamento.

A união em si teve seus altos e baixos, mas segundo os mais próximos, Jikook - shippe feitos pelos amigos -, era real. Eles se amavam e a cada dia que passava ambos tinham mais e mais certeza disso. Claro que eles sabiam que nem tudo era um mar de rosas, e por isso evitavam ao máximo guardar sentimentos, construindo uma forte confiança com o hábito de conversar sobre tudo.

Mas chegou um dia em que Jeon Jungkook não quis conversar sobre seus sentimentos, ficando emburrado o dia inteiro.

--- Você... Vai me contar o que está acontecendo ou vai ficar até amanhã com essa cara? --- Jimin tentou quebrar o silêncio.

--- Essa cara é a única que eu tenho. --- respondeu Jungkook mais seco que um deserto.

--- Qual é, se trocamos duas palavras hoje foi muito. O que foi? Vamos conversar.

--- Conversar... Você acha que conversar resolve tudo, né?

--- Bom, acho. Melhor do que ficar com essa cara de cu o dia todo.

--- Eu li o seu blogue hoje.

--- Meu blog? Mas... O que isso tem a ver?

--- lembranças de dezembro...

--- Sim, meu novo romance. Ainda não entendi aonde quer chegar.

--- Jura? Uma pena... Hm... Posso te fazer uma pergunta?

--- Pode, ué. --- Jimin estava ficando cada vez mais confuso.

--- Hm... Esse novo romance foi baseado em fatos reais?

--- Eu não acredito nisso.

--- Não acredita?

--- Não acredito que está assim por causa do seu ciúme doentio! Que merda, Jungkook! Quando foi que te dei motivos para desconfiar de mim? Tá me sufocando, sabia?

--- Te sufocando?! Você nem para pra pensar em como eu me sinto! Porque se fosse diferente, você também não iria gostar! E, não! Eu não estou insinuando nada. Só... Achei estranho. --- Jungkook começou a chorar.

Jimin suspirou. E lá estavam eles em mais uma briga boba. Na realidade, o que o mais alto queria mesmo era transar - coisa que não faziam há um bom tempo -, mas pelo visto não iram nem se olhar até resolverem isso.

--- O que é estranho, amor?

--- Você! Hm... Todos... Os seus romances... Você... Cria baseado no seu cotidiano.

--- E por que esse seria diferente?

--- Porque você tem isso escrito há anos em um caderno velho aí. Foi uma pessoa especial pra você?

--- Se serve de consolo, sim. Meu... Primeiro amor.

--- Primeiro amor?! Por quê nunca me contou?

--- Porque isso não interessa mais. Estamos juntos. Eu te amo. Ele é passado.

--- Então por que? Por quê ele vai virar um romance?

--- Porque querendo ou não ele faz parte de mim, Jungkook. Por favor, bebê! Não vamos brigar. Eu... Eu quero muito fazer amor com você. Nós... Nós não transamos há semanas!

Jeon Jungkook ficou em silêncio. Levantou e saiu do quarto, deixando Jimin  imóvel. Infelizmente o mais baixo sabia o que fazer.

Algumas horas depois, quando voltou ao cômodo, Jimin estava dormindo todo torto com uma caneta na mão. No chão, vários papéis amassados. Jeon abriu tudinho e leu. Lembranças de dezembro... Jungkook encarou Jimin dormir por um tempo, e se você acha que ele sentiu alguma culpa, se enganou. Ele pegou todos os papéis, foi até a cozinha e tacou fogo. Voltou para o seu ninho de amor sorrindo. Deitou ao lado do marido, e sussurrou :

--- Meu Jimin, ninguém toca.

Jimin queria rir. Ele não estava feliz por enganar o marido com cópias do romance, mas Jungkook não tinha o direito de apagar as memórias do mais baixo. Ele amava aquele homem, mas dizem... Que o primeiro amor a gente nunca esquece. E mesmo que hoje não sentisse mais nada pelo antigo namorado, Kim Taehyung sempre seria parte de romancista.

O de cabelo alaranjado acabou adormecendo de verdade implorando para ficar de conchinha. Jungkook levantou, foi até a parede e abriu um cofre. Lá estava ela... A verdadeira obra. Pobre Jimin... Querendo enganar Jeon Jungkook. 

No dia seguinte, Jimin levantou para beijar o de cabelo preto, que virou o rosto evitando o carinho.

Jimin revirou os olhos. 

Lá estava ele pronto para mais uma briga.


Notas Finais


Música de encerramento : Bts - We don't talk anymore ( dueto cover Jikook) 💕


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...