1. Spirit Fanfics >
  2. Novo Amor >
  3. Orfanato

História Novo Amor - Capítulo 5


Escrita por:


Capítulo 5 - Orfanato


Desde o fim da guerra, eu ia sempre que podia ao orfanato de Konoha, prestava atendimentos médicos e brincava com as crianças, quando eu olhava para aquelas crianças eu lembrava de Naruto e Sasuke, então eu sempre que podia estava la brincando e ouvindo aquelas crianças. 

Mas por incrível que pareça hoje eu não estava pensando no Sasuke, estava ja na frente da casa da família principal do clã Nara, após bater na porta, Dona Yoshino abriu sorrindo, me dizendo que tinha adorado a ideia, tinha feito até alguns bolos para levar pras crianças. Entramos para pegar os bolos e o Shikamaru vinha com aquela cara de preguiça olhando pra cima, comecei a rir:

- Cuidado bicho preguiça, desse jeito vai acabar topando e dando de cara no chão.

- Imagino que seria uma cena trágica.

- Não na verdade seria muito engraçada, talvez você deva continuar olhando assim pra cima. 

Vi o pequeno sorriso em seu rosto, me virei e comecei a caminhar na frente conversando com a Dona Yoshino, ela era totalmente o oposto do filho, gostava muito de conversar. Chegamos no orfanato e logo na chegada as crianças correram chamando " Tia Sakura", os abracei da forma que podia com os bolos na mão, e apresentei meus acompanhantes.

- Então pessoal, essa é a senhora Yoshino, ela que fez esses bolos pra vocês, e aquele é o filho dela o Shikamaru, eles vieram brincar com agente hoje. 

As crianças bateram palmas, e fomos ao refeitório deixar os bolos para comermos depois de brincarmos. Me virei e vi a pequena Hana no canto, ela era sempre tão solitária, eu havia me apaixonado por ela assim que a vi pela primeira vez, até pensei em entrar com o pedido de adoção, mais eu precisava ser casada, então continuei vindo e cuidando dela sempre que podia. 

Peguei ela nos braços e levei para um canto, enquanto trançava seu cabelo e puxava conversa, seu cabelo era um loiro dourado lindo. Vi Dona Yoshino brincando animada, e até mesmo Shikamaru estava sorrindo e brincando com as crianças, no fundo eu estava certa, essas crianças levantam ate difunto. Talvez Shikamaru não precise de um psicólogo, mas sim uma mão amiga.

No final no dia nos despedimos comigo e dona Yoshino prometendo voltar logo. Caminhamos conversando amenidades até a casa da família Nara.

- Bom, ja vou indo, tenho plantão amanhã cedo.

- Espere querida, Shikamaru irá lhe acompanhar ate sua casa, é perigoso uma moça linda assim andar sozinha pelas ruas. 

Ri da forma que ela olhava pro Shikamaru, deixando bem claro que era uma ordem, onde ele não teria chance de contestar.

- Então bicho preguiça como vai o trabalho com o Naruto?

- Ele fica gritando por tudo, e bagunça tudo que eu arrumo, mas ele é o futuro Hokage, e nos salvou na guerra, então seguimos um dia após o outro. 

- Hum, então resumindo é "problemático".

- Está certa, essa palavra resumi a minha vida ultimamente. 

- Mas não precisa ser assim, sempre que precisar é só me procurar, acredite sou uma boa ouvinte quando quero. 

- Sakura, tudo que esta fazendo, eu...

- Eu não estou fazendo nada mas do que passar a tarde com um amigo importante. Nos vemos depois bicho preguiça. 

Talvez eu tivesse finalmente penetrando suas barreiras, e eu estava gostando disso.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...