História Novo Verão Em Gravity Falls - Capítulo 16


Escrita por:

Postado
Categorias Gravity Falls
Personagens Bill Cipher, Candy Chiu, Dipper Pines, Gideon Gleeful, Grenda, Mabel Pines, Pacifica Northwest, Personagens Originais, Soos Ramirez, Stanford "Ford" Pines, Stanley "Stan" Pines, Waddles, Wendy Corduroy
Tags Bill X Dipper, Cabana Do Mistério, Irmãos Pines, Lemon, Mabel X Pacifica, Yaoi, Yuri
Visualizações 309
Palavras 1.226
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Ficção, Ficção Científica, Hentai, Lemon, Literatura Feminina, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Desculpe a demora

Capítulo 16 - Tia


Fanfic / Fanfiction Novo Verão Em Gravity Falls - Capítulo 16 - Tia

P.O.V. Dipper:

“-Que?” Como assim? -Tento me levantar, mas sinto uma dor por todo meu corpo. – Aí...

- Dipper, se acalme. -Diz Mabel empurrando delicadamente meus ombros para me deitar, mas não me deito.

- Eele se foi? -Deixo algumas lágrimas caírem. – Aa, o que eu... Tentei as limpar, mas acabei que por desistir, tampando meu rosto com meu braço.

- Primeiro vamos cuidar de você, depois iremos salva-lo. Ok? -Diz Ford tentando me acalmar.

- Tá. -Me deito e apago novamente.

P.O.V. Autora:

Quebra Tempo (Após Bill passar pelo portal):

- Estamos no castelo? -Pergunta olhando ao seu redor e não o reconhecendo direito.

- Sim, fiz algumas mudanças na sua ausência. -Após o rei dizer isso, Bill o olha furioso.

- Como sabia onde e quando eu estava?

- Como eu disse, eu fiquei mais forte nesses tempos. Com isso aumentei meu poder e consegui mexer alguns pauzinhos.

- Por isso nenhum guarda do tempo o impediu. -Diz serando os pulsos.

- E agora você está livre! Não precisa mais ficar com aquele humano imundo. Irei te treinar para ser o próximo rei e...

Bill o interrompe indo para cima do pai, que percebe e o segura pelo pulso o virando contra uma parede.

- Seu...-Ele leva sua boca até o ouvido do filho e sussurra. – Quero que se lembre de que eu deixei aquele garoto viver, mas não teria problema nenhum em voltar lá e terminar o serviço.

Bill se rende e seu pai o larga.

- Bom garoto. Vou te treinar agora mesmo, você precisa aprender bons modos urgentemente. Também temos que te providenciar uma esposa.

- Uma esposa?

- Sim, começaremos a procurar amanhã, mas agora quero que tome um banho, se arrume e me espere par o almoço.

- ... -Bill olhava para o lado de fora pouco ligando para que o pai falava.

- OLHE PARA MIM QUANDO EU ESTIVER FALANDO COM VOCÊ!

- Sim.

O pai de Bill olha para um dos guardas e fala ao mesmo.

- Leve-o para seu quarto e não o deixe sair sem alguém.

- Sim senhor! -Responde o guarda fazendo continência. -Vamos. -Diz olhando para Bill.

- ... -Bil o segue até seu quarto. Chegando lá ele fecha as duas portas de ouro decoradas com imagens de chamas, se joga em sua cama, agarra um travesseiro e começa a chorar. – Desculpa Dipper...desculpa.

Quebra Tempo (Universo de Dipper):

Dipper começa a acordar. Ele se senta, ainda sentindo dor e vê que não tem ninguém no quarto. Ele leva seus braços até suas pernas e começa a chorar.

- Bill...

Depois de chorar por alguns minutos, Dipper enxuga suas lágrimas e tenta se levantar, mas ao tentar quase cai devido a uma forte dor e se apoia em sua escrivaninha.

Ainda se apoiando, ele vai em direção a sala, que era perto de seu quarto, já que ele ficava no primeiro andar da casa e não mais no sótão.

Chegando na sala, vê que estavam lá Mabel, Stan, Ford e Waddles. Mabel, após ver seu irmão estava de pé com certa dificuldade se apoiando na parede, core até o mesmo.

- Dipper, você tem que descansar!

- Eu tenho que salvar o Bill.

Dipper diz com dificuldade e perde, por um segundo, toda sua força quase caindo, mas Mabel o segura. Stan e Ford se levantam rapidamente e o leva até a poltrona.

- Eeu to bem. -Diz ainda com dificuldade.

- Não, você não tá. -Diz Mabel o impedindo de se levantar novamente.

- Mas...-Dipper volta a chorar. – Eu preciso salvá-lo.

- Nesse estado você apenas vai se matar. -Diz Mabel o largando, mas o mesmo para de tentar se levantar.

- Tem um jeito de faze-lo melhorar e aumentar seus poderes. -Diz Ford ganhando a atenção de todos.

- Como?

- Tem algo que não dissemos a vocês. -Diz com uma expressão triste.

- O que é? -Pergunta Mabel.

- O Dipper não é seu irmão gêmeo desse mundo.

- É sim! Claro que ele é! Eu lembro. Tem fotos de nós dois juntos desde bebês. -Diz Mabel perdendo um pouco do controle.

- Não, ele não é. Após seu nascimento do “Dipper”, ele acabou morrendo e por fim você nasceu. Seus pais ficaram muito tristes e foi aí que um portal surgiu na sala onde sua mão estava Mabel. Um homem passou por ele carregando com si um bebê enrolado em um pano sujo de sangue.

Todos o ouviam atentamente, então ele continuou.

- Ele lhes contou que viviam em um outro mundo, onde a irmã gêmea de sua mãe morava. Ela era a rainha nesse mundo, e teve um bebê, mas começou uma revolta e o reino ficou em meio a um caos. Com isso a rainha e o rei foram mortos, mas seu bebê permaneceu vivo. Nos últimos momentos de vida da rainha, ela pediu que o guarda levasse seu bebê para sua irmã gêmea.  Sua mãe, sabia que sua irmã morava em outro universo e ao saber o que ouve, jurou protegê-lo, Dipper. E esse mundo...-Ele parou de contar a história.

- O que tem esse mundo? -Perguntou Dipper.

- É o mundo de Bill.

- Ccomo assim? -Dipper não conseguia processar toda aquela informação.

- Foi o pai de Bill que matou seus pais Dipper. Eu lamento.

- ... O Bill sabia disso? -Perguntou Dipper após alguns segundos quieto.

- Não, apenas o rei, eu, o Stan e seus pais sabem disso. Bom, agora vocês sabem.

Mabel saiu correndo para seu quarto chorando. Dipper criou forças e tentou se levantar, quase caiu, mas se segurou na poltrona e foi se segurando na mesma até a porta da cabana. Ele saiu e se sentou na varanda, ficou olhando as estrelas, já que já estava de noite e ficou chorando.

Uns 10 minutos depois, Mabel aparece e se senta ao seu lado.

- O que foi? -Pergunta com uma voz triste sem a olhar.

- Olhe. -Disse lhe entregando seu álbum de fotos.

- O que tem? -Pergunta sem entender.

- Quando eu fui pro quarto, eu estava muito triste, foi quando eu vi nosso álbum. Foi aí que percebi.

- ? -Ele a olhou confuso.

- Mesmo que não sejamos irmãos, crescemos juntos e tecnicamente temos o mesmo sangue. Desde que me lembro você está comigo e só por não ser meu irmão gêmeo não vou te deixar.

- Mabel...

Os dois se abraçam chorando.

- Aí... -Dipper dá um gemido pela dor que sentiu ao abraçá-la.

- Temos que curar seus machucados antes. -Ela para de chorar e limpa as lágrimas que caiam do rosto de seu irmão.

- Eles não terminaram de explicar. Vamos lá.

Os dois se levantam e voltam a sala, com Mabel ajudando Dipper a andar.

- Dipper... -Diz Ford.

- Mabel... -Diz Stan.

- Continuem, o que isso tem a ver com me curar e ampliar meus poderes?

- Nesse mundo as pessoas são muito sensíveis a dor, por isso eles aumentam seus poderes, para diminuir suas fraquezas.

- Ou seja...-Dipper começa a entender.

- Se você aumentar seus poderes, vai ser mais tolerante as dores e poderá resgatar o Bill.

- Como eu faço para aumentar meus poderes?

- Você vai precisar de um professor, um que tenha conhecimento de poderes. -Diz Ford.

- Mas quem? -Pergunta Mabel.

- Eu

...


Notas Finais


Fiz uma capítulo único yaoi de Ao no exorcist, se alguém quiser conferir é só ir nas histórias que eu fiz que irá achar. O nome é Acaso. Espero que gostem :)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...