1. Spirit Fanfics >
  2. Now United- Chained Up -Krystoah >
  3. Goodbye

História Now United- Chained Up -Krystoah - Capítulo 2


Escrita por:


Notas do Autor


Mais um capítulo para vocês, lembrando que krystoah pode demorar um pouco para acontecer, porém eles sempre estarão juntos um ajudando o outro na alegria e na tristeza 😍 prontos?

Capítulo 2 - Goodbye


Fanfic / Fanfiction Now United- Chained Up -Krystoah - Capítulo 2 - Goodbye

Krys 👑

Tudo o que eu sempre quis era ter uma vida instável, sem ser clichê. Tudo o que eu queria era me sentir amado, alguém que fizesse cafuné em mim quando estiver triste, alguém para chamar de "amor". Mas infelizmente isso foi por água a baixo, outra vez.

...................................................

A ambulância e a polícia chegam imediatamente, Savannah continua a derramar uma poça de sangue em todo o salão. Nessa balada havia 13 pessoas, o lugar era pequeno e naquela noite as ruas de Nova Iorque estavam vazias, Krystian vê sua única amiga sendo levada à ambulância, quando já era tarde. Pois ela estava morta. Ele se derrama em lágrimas, Noah o abraça muito forte dizendo: "Eu tô aqui", os dois se abraçam enquanto Krys continua chorando nos braços de Noah, todos que estavam ao redor ficaram espantados, se afastando da cena do crime. A polícia chega e ordena a todos ficarem no mesmo lugar.

Policial: Nós vasculhamos o lugar todo e não encontramos indícios de um homicídio. Sendo assim, até ser provado o contrário, vai ser dado como suicídio. 

Krystian: Que?? Ela não teria motivos pra tirar a própria vida desse jeito, alguém a empurrou de lá de cima e exijo que vocês encontrem o culpado! É o trabalho de vocês né? - Krys, calma. Deixa o policial falar... 

Policial: Tomaremos nossas previdencias, mas por enquanto quero todos na delegacia agora. Serão levados por viaturas e eu vou interrogar UM por UM. - O policial sai e se dirige à delegacia. 

Noah: Krys, vai ficar tudo bem, tá? Eu não vou desgrudar de você... - ele fala enquanto faz um cafuné em krystian. 

Krys: Obrigado... mas acho que agora nada vai mudar o que eu sinto. 

Noah: E o que você sente? 

Krys: Ódio. Somente ódio. 

Os pais de Krys chegam em casa e ligam a TV no canal 5, onde o jornal está sendo transmitido ao vivo.  

Pai: Mas o quê... Krystian? Krystian Wang?? - sua mãe sobe e não o encontra em seu quarto. 

Mãe: O que aconteceu, meu bem? Acabei de ver lá em cima e o Krystian não está lá. Ah meu DEUS! - ela vê a notícia sobre Savannah e vê Krystian. 

Pai: Nosso filho está metido em um problema sério... e ele vai ter que nos ouvir. 

Enquanto isso, todos que estavam na balada chegam a delegacia. O suspeito n1 se senta à frente do policial/detetive, em uma sala isolada de todos. O detetive começa a ler sua ficha. 

D/P: Any Gabrielly Rolim Soares, 17 anos, brasileira. O que pode me dizer sobre isso, Any? 

Eu... eu não tenho nenhuma ligação com a Savannah. 

Tem certeza? 

Eu era muito amiga dela, mas ela acabou tendo um namorado e esqueceu totalmente que eu existia. Eu fiquei com muita raiva naquele dia... mas não seria capaz de fazer algo tão brutal. São mágoas passadas. 

Any, olha em meus olhos. Você matou Savannah Clarke? 

Eu não seria capaz de matar ninguém... eu juro. - a sessão termina.

Enquanto isso, os pais dos suspeitos estão todos lá fora querendo seus filhos de volta. 

Suspeito n2.

P/D: Joalin Viivi Sofia Loukamaa, 18 anos, filândesa. Joalin, você tinha alguma ligação com Savannah Clarke? 

Não me recordo muito bem. Porém nós somos colegas de classe, ela era super adorada na sala, o centro das atenções. Era a mais inteligente, e eu, só era considerada bonita e nada mais. Queria que eles enxergassem minha inteligência. Mas não, só olhavam para minha aparência. Eu adorava os dias em que ela faltava, mas acho que agora não vai ser a mesma coisa.

E você ainda guarda rancor? 

Até alguns minutos atrás, sim. Eu guardava.

Olhe para meus olhos. Você matou Savannah Clarke? 

Não. Eu não matei a Savannah. 

Suspeito n3.

D/P: Sina Maria Deinert, 21 anos, alemã. Sina, vou ser bem direto, você matou Savannah Clarke? 

E-eu não teria coragem...

Conhecia ela? 

Não. Apesar de já ter visto ela por aí, nunca a conheci.

Suspeito n4

D/P: Joshua Kyle Beauchamp,19 anos, candense. Josh, você tinha alguma ligação com Savannah Clarke? 

Não! 

Suspeito n5

D/P: Noah Jacob Urrea, 18 anos, estadunisense. Conhecia Savannah Clarke? 

Sim, ela era a melhor amiga do meu... do meu amigo. Mas acabei de conhecê-la e não tenho nenhuma ligação com o que ocorreu.

Suspeito n6 

D/P: Krystian Wang Nanjun, 20 anos, chinês. Krystian, conte-me tudo. 

Bom... eu sou... era, o melhor amigo dela. Hoje ela me convidou pra ir à uma festa e... - Krystian se desmorona e não aguenta completar a frase, então sai. 

Suspeito n7

D/P: Bailey Thomas Cabello May, 17 anos, filipino. O que você viu essa noite? Conhecia Savannah Clarke? 

Eu fui namorado dela, mas ela me traiu ano passado e terminamos. Eu já superei total, e não fui eu quem a matei. Estava no mais ou menos no centro da pista de dança. 

Das 13 pessoas, quem não estava no centro? 

Eu não me lembro, não vi.

Suspeito n8

D/P: Diarra Sylla Diongue, 19 anos, francesa. Como tudo aconteceu? 

Eu estava na pista de dança, que eu saiba todos estavam lá. Ouvi um barulho e...

Suspeito n9

D/P: Hina Yoshihara, 18 anos, japonesa. O que você tem a ver com tudo isso? 

A-absolutamente nada. Eu nem conheço ela... 

Suspeito n10 

D/P: Shivani Paliwal, 18 anos, indiana. Shivani, poderia me dizer se viu alguém lá em cima além da Savannah? 

Não, na verdade nem ela vi. Estava dançando de boa e de repente BUUUM!!!! 

Suspeito n11

D/P: Lamar Morris, 20 anos, Reino Unido. O que você tem a ver com a vítima?

A gente dançou, ai ela disse que ia lá em cima pegar bebida e... 

Suspeito n12 

D/P: Maria Sabina Hidalgo Pano, 20 anos, mexicana. Sabina, você viu algo esta noite? 

Sim. Eu vi a Savannah conversando com um cara lá em cima, ela tava segurando 2 bebidas... e depois eu não vi mais nada. O cara que tava lá em cima com ela já estava em baixo quando ela caiu. 

Suspeito n13 

D/P: Sofya Plotnikova, 17 anos, russa. Sofya, você é a última. Me conte tudo com detalhes. 

Eu sou uma das melhores amigas dela. Ela pegou 2 caras só essa noite, nos primeiros 10 minutos a ví, mas... ela sumiu da minha vista, pensei que fosse ficar com alguém, então deixei ela ir lá pra cima. Ela tava muito feliz e, digamos que não dá pra alguém pular barreira sem querer, ela não se matou. Alguém a empurrou. Um dos 13. Não tem câmeras naquela boate?

Não, é uma boate pequena e longe dos comércios, ou seja, sem câmeras. Porém obrigado.

Krys: E aí, o que aconteceu? 

D/P: Nossa equipe está investigando, aconselho irem para a casa. 

Krys: Noah, você quer dormir lá em casa? Acho que não vou conseguir...

Noah: Claro! Estarei sempre quando precisar. - os dois se abraçam.

Todos saem para fora. Noah faz uma ligação aos seus pais avisando tudo e Krys se encontra com seus pais. 

Krys: Pai, Mãe?? - o garoto dá um abraço neles. 

M: filho, você ta bem? 

Krys: sim mãe, amanhã eu conto tudo...

P: Você é um irresponsável, quem deixou você ir pra uma BOATE?? 

Krys: Calma pai... eu.. 

Noah: Sr e Sra Wang, o seu filho não é o culpado, ele só aceitou o meu pedido! A gente marcou de ir la, se tem um culpado é o assasino, não ele. 

P: E quem é você? 

Krys: Pai, ele é meu amigo Noah, e vai dormir lá em casa... pode ser? 

M: Claro filho! Depois de tudo isso vai precisar de companhia. 

Todos se abraçam, e retornam para suas casas.





Notas Finais


QUEM SERÁ QUE ESTÁ MENTINDO? E PORQUÊ ESTARIAM MENTINDO??


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...