1. Spirit Fanfics >
  2. Num Passo de Dança Para o Amor >
  3. Me Entreguei Por completo...

História Num Passo de Dança Para o Amor - Capítulo 16


Escrita por: e _Nolan


Notas do Autor


A capa agora irá ser assim, porque irá ser os últimos capítulos.
Tomara que estejam animados...
(Eu tô hehe!!)
Bom mais um capítulo, estamos no décimo sexto neh? Ksksksk é muito capítulo, já tô ficando meio perdidinha já....
Beijos e boa leitura!

Capítulo 16 - Me Entreguei Por completo...


Fanfic / Fanfiction Num Passo de Dança Para o Amor - Capítulo 16 - Me Entreguei Por completo...

    Todos pareceram prender a respiração para saber o resultado.

Apresentador: então quem vai para a final do concurso desse ano é o Grupo........ Das integrantes, Victoria, Mariana, Carolina, Gabriela e Ana Laura. GRUPO SUL!!!

Eu só conseguia ouvir os gritos da plateia batendo palmas e sorrindo como se amanhã nem existisse. Eu realmente olhava para os lados tentando raciocinar o que estava acontecendo, isso quer dizer que estamos na final?! pela primeira vez na minha história de vida irei para a grande final desse concurso.

Então lembrei que existiam pessoas além de mim nesse grupo e quando olhei para o lado assustada todas me devolveram esse mesmo olhar. Nós rimos, choramos e até tivemos um ataque do coração.

Jonn veio correndo me abraçar e disse milhares de vezes parabéns para mim que as meninas até pediram para me soltar, porque queriam comemorar com todos juntos.

Depois do concurso acabar, à meia noite, fomos para um pizzaria de posto que por milagre ainda estava aberta. Estava eu e as meninas, o Jonn e o seu grupo, totalizando dez pessoas. Pela minha opinião, demos um belo desfalque no estoque de ingredientes da pizzaria. Comemos muito. Rimos muito. Nunca me senti tão feliz em toda a minha vida. Estava tão realizada.

Saímos de lá obrigados, porque a pizzaria fechava á uma da madrugada. E você quer saber das novidade?! o Luiz e a Carol se entenderam. Ela contou que não gostou da minha atitude porque era responsabilidade dele e se errasse era porque o luiz não se dedicou o suficiente, aí eles começaram uma pequena discussão, nada de mais. De repente estavam rindo e conversando sobre a vida. Vai entender essas pessoas de hoje em dia.

O Marcos (um garoto muito querido, amigo do time de futebol do Jonn) ficou batendo papo com a Vicky (ela não é tão querida assim, mas vai saber não é?!). A Gabi se acertou com Felipe (ele é aquele cara piadista, o humor do grupo e a Gabi é meio "mal-humoradinha") e o olhinho dela brilhou tanto ao conversar com ele que até eu fiquei com inveja. A Laura infelizmente estava virada naquele dia e a única coisa que ela conseguiu foi uma discussão absurda com o Alex (o "esquentadinho" do grupo) sobre biscoito e bolacha, qual era a forma certa de se falar. Realmente esses dois não prestam, mas uma coisa que vai ficar só entre a gente, teve um momento em que estávamos tão envolvidas em falar do concurso, que os dois sumiram. Quando eu percebi isso e fui atrás discretamente, vi os dois perto do banheiro na maior agarração. Eu voltei de onde eu vim e disse que o banheiro estava lotado. Pela surpresa de todos sabem com quem eu fiquei?! Imagino que você nem sabe quem! Eu fiquei com o Jonn, tadam!!

Eu e o Jonn nos despedimos de todos e fomos aproveitar a noite e as estrelas, que eram poucas, mas ainda brilhavam. Jonn de vez enquando fazia cosquinha em mim para eu parar de ficar calada e rir um pouco, mas eu estava pensando no concurso.

Jonn: pensando no Ben?!

Ele jogou as palavras no ar olhando para frente.

Mari: não, estava pensando no concurso.

Jonn: tem certeza?!

Mari: sim!

Falei calmamente, eu dei muitos motivos para ele desconfiar de mim e não vou brigar por coisa à toa.

Jonn: eu fico feliz que você está se desprendendo um pouco dele.

Continuávamos andando e eu olhei para ele curioso:

Mari: eu sei que é difícil para você!

Jonn: não vou negar isso, é difícil ainda te ver sofrendo por alguém que nem está aqui.

Pela primeira vez eu não me senti melancólica ao lembrar que o Ben não estava vivo.

Mari: não acredito!!!!

Dei um sorriso malicioso

Jonn: o que?!

Mari: você com ciúmes de alguém que nem vivo está!

Ele riu e bagunçou meu cabelo (viu ele incomoda!)

Mari: aí para!!

Afastei a mão dele do meu cabelo e cutuquei suas costelas que imediatamente deu um pulo rindo.

Jonn: ahhh é tão bom ver você....

Ele passou a mão em volta dos meus ombros e eu o interrompi:

Mari: eu sei que eu sou linda!

Jonn: assim.... Pera o que?!

Ele não conseguiu ficar sério e começou a rir olhando para o céu.

Jonn: me fala Ben, como você aguentava?!

Uma estrela "pisca" bem nessa hora.

Mari: é mais certo falar que eu aguentava ele....

Jonn riu e me olhou duvidando.

Jonn: você se olha no espelho todo dia neh?!

Mari: sim por quê?!

Jonn: é bom que você se enxergue, porque não é querer falar, mas já falando, tu é chata para caramba!

Eu comecei a rir, mas deixei quieto se não essa discussão duraria a madrugada toda. Falar em madrugada eu tenho que ir descansar porque amanhã tem programa e eu ainda preciso ensaiar.

Mari: Jonn?!

Ele parou de analisar o céu e me encarou:

Jonn: hm?!

Mari: preciso te falar uma coisa!

Ele ficou assustado:

Jonn: fala logo que você ta metendo um medo bem real em mim.

Fiz uma cara triste e de culpa no cartório:

Mari: me perdoa eu não queria, desculpa mesmo....

Jonn: o que voce fez Mariana....

Mari: me perdoa, mas eu te... Eu te.... AHHH EU TE TRAÍ!

A cara de Jonn foi de choro, de Raiva, de arrependimento e de todos os adjetivos sentimentais que podemos falar de uma pessoa.

Jonn: Como você pode, como Você teve coragem Mariana.... Pera?!

Eu estava tentando não rir, mas era impossível!

Jonn: aí meu Deus!! Você não presta.

O garoto bravo, agora olhava indignado para o céu e reclamava:

Jonn: ve se eu mereço alguém assim em?!

Eu fiquei brava apesar de estar ainda rindo.

Mari: peraí... Eu tinha que te dar o troco, porque você fez a mesma coisa comigo seu chato!!

Ele chegou mais perto e deu um sorriso malicioso:

Jonn: agora eu sou o chato?!

Ele me agarrou de uma forma selvagem e me encostou no muro que estava do nosso lado.

Mari: Aham, você é um chato sim, irritante e muito criança!

Eu comecei a analisar o botão da jaqueta dele e a tocar também, foi quando ele chegou mais perto e me fez o encarar nos olhos.

Jonn: mas eu sei que sou o chato, irritante e criança que você mais ama, agora, nesse mundo!

Mari: hmm, tem certeza, porque também tem o purgante, piadista....

Ele revirou seus olhos.

Jonn: ah para!

Com mais cuidado tirou uma mecha do meu cabelo, alisado com chapinha, que caiu na frente do meu rosto e deu um sorriso.

Jonn: você não sabe quantas vezes eu já sonhei com você sendo minha!

Jonn chegou mais perto e com cuidado beijou meu pescoço, depois minha Buchecha e por fim minha boca. Ele estava tão calmo, tão leve que acho que podia flutuar.

Jonn me beijava com vontade, apertava minha cintura e me pressionava contra o muro. Sua língua dava voltas em minha boca, seu coração batia no mesmo compasso do meu. A gente estava numa linda e pura sintonia. A medida que nos beijavamos perdiamos o compasso do mundo, o tempo parava, os carros travavam no meio da pista, a lua parava de girar e demorava para dar lugar ao sol. Eu a cada intervalo de beijo respirava fundo porque sentia falta de desejar alguém que me amasse como ele me amava.

Chegamos no hotel de mãos dadas, quando o porteiro de idade olhou pra mim com seus olhos cansados e deu a chave confiante.

Ao entrar no quarto e trancar, Jonn me agarrou por trás e afastou meu cabelo para beijar minha nuca. Me virei e tentava não tirar a minha atenção de seus olhos enquanto ele tirava a jaqueta. Então ele me beijou intensamente. Ele me beijou o máximo que pode e aproveitou que nesse momento eu era só dele. De mais ninguém! ME ENTREGUEI POR COMPLETO.....

[...]

Quando acordei ele estava me observando. Estava me olhando com um sorriso. Me espriguicei na cama e gemia querendo dormir mais.

Mari: que horas são?

Ele olhou no relógio de pulso:

Jonn: exatamente... Hora de tomar café, estou morrendo de fome!

Eu ri.

Mari: bobo, que hora é agora? Números sabe? Um, dois, três...

Jonn: ahta sim, tem que explicar, as vezes não entendo!

Bati nele fraquinho e comecei a rir.

Mari: você é um debochado sabia?!

Jonn: sabia! Agora é dez e vinte cinco da manhã! (10:25 am).

Arregalei meus olhos assustada.

Mari: ta muito tarde, preciso tomar banho e ir ensaiar.

Ele me observou sair da cama e colocar meu roupão. Fui correndo pro banheiro.

Ben: viu, por isso que eu não queria te contar, você fica toda preocupada.

Gritei dentro do banheiro e quase fechando a porta.

Mari: se você não me contasse de qualquer forma eu ia ver no meu celular. Aliás você viu ele?

Voltei para o quarto e procurei nos bolsos da calça que estava jogada ao chão, mas só o encontrei em cima da mesinha do lado da porta. Alguém bate nela, então amarrei o roupão e abri uma fresta.

Mari: sim?!

Vicky: ta ocupada?

Mari: mais.... Ou menos!? Por quê?

Vicky: o Guto está lá em baixo fazendo um escândalo dizendo que se você não descer ele vai subir e já não ouvi mais nada porque vim te procurar.

Encostei minha cabeça no marco da porta e suspirei. Jonn ao ouvir isso, saiu da cama e apareceu na porta.

Vicky: Jonn, que surpresa agradável. Ah acho que eu atrapalhei neh?

Mari: não...

Jonn: sim!

Eu olhei para ele.

Jonn: ainda bem, ela estava louca dizendo que estava atrasada e corria de um lado para o outro, já estava ficando tonto.

Ela riu.

Mari: amiga, obrigado por me avisar! Eu já desço.

Vicky: tabom!! Tchauzinho....

Ela desapareceu dentro do elevador e eu olhei para o Jonn.

Mari: eu mando o encosto embora, mas o encosto não desgruda, aff, mereço!

Jonn: eu vou lá falar algumas poucas e boas...

Eu segurei o braço dele o impedindo de fazer alguma besteira.

Mari: não vai, deixa que eu resolvo isso, vai tomar café que eu já desço.

Jonn: mas e você? E ele?

Mari: deixa comigo amor, desce que eu já vou!

Ele me deu um beijo e desceu.


Notas Finais


Até eu me irrito com o Guto (ksksksk)
E ai?! Ficaram felizes que elas passaram, bom! Agora é cada um por si e vamos ver quem vai ganhar essa final....
Todos convidados ouviram (leram neh😎😉) para ler os últimos capítulos!!
Essa é minha primeira história postada, então conto com o apoio de todas e com suas opiniões!😊💖
Se cuidem e cuidem do próximo!
Lavem bem as mãos e se puder fica em casa!
😚😚!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...