1. Spirit Fanfics >
  2. Nunca é Tarde >
  3. Vinho e Carícias

História Nunca é Tarde - Capítulo 5


Escrita por:


Capítulo 5 - Vinho e Carícias


Fanfic / Fanfiction Nunca é Tarde - Capítulo 5 - Vinho e Carícias

Lili: Não, espera! - Lili fala antes de Germano abrir a porta -

Germano: Algum problema?

Lili: Eu sei que você ta de saída, mas eu quero conversar com você. Você me faz bem

Germano: O que você precisar. - Germano falou se sentando no sofá junto com Lili -

Lili: Desculpa! Eu to parecendo uma garotinha

Germano: Foi bom você ter falado isso, porque pra mim você ainda é aquela garotinha que me fazia perder a linha

Lili: Tenho boas lembranças dessa garotinha com você

Germano: Eu então! Você lembra que você ficava piscando pra mim na frente do seu pai?

Lili: Claro! Você suava frio - falou rindo -

Germano: Eu morria de medo do seu pai perceber

Lili: Ele ja sabia

Germano: Como?

Lili: É isso mesmo! Quando eu fui embora, ele me perguntou se eu gostava de você

Germano: E o que você respondeu? - Ele falou se aproximando ainda mais de Lili -

Lili: Acho que a verdade. Eu gostava de você, mas éramos jovens e eu tinha outros sonhos, não só de um amor

Germano: E você realizou seus sonhos?

Lili: Eu pensava que sim, mas recentemente vi que um deles está pendente

Germano: É pra eu ficar feliz com isso?

Lili: É - falou aproximando seu rosto do de Germano

Eles ficaram se encarando por alguns segundos, até que Germano iniciou um beijo calmo mas cheio de desejo.

O beijo foi interrompido por uma ligação no celular de Germano, era Carolina. Ele puxou o celular do bolso, desligou o aparelho e voltou seu olhar para Lili.

Lili: Não vai atender?

Germano: Não é nada importante

Lili: O que você acha da gente sair pra jantar?

Germano: Sair? Agora que eu to aqui eu não quero sair

Lili: Vou pedir algo pra gente

Germano: Ta! Enquanto você pede, vou pegar uma coisinha na minha sala

Lili: Ta bom - falou sorrindo -

Germano voltou com uma garrafa de vinho e duas taças.

Germano: Ainda lembro da sua bebida preferida

Lili: Um bom vinho me ganha

Germano sentou no sofá com Lili enquanto tomavam o vinho e conversavam

Germano: Eu to feliz de estar aqui com você

Lili: Eu também estou, mas pra mim foi tão rápido! Quando eu vi você na maior intimidade com a Carolina eu fiquei possessa

Germano: Você sempre bem ciumenta! Mas eu entendo sua situação, e de verdade, sempre senti algo por você.

Lili: Eu não vou mentir pra você Germano! Eu ainda tô muito confusa, ainda tem o Pedro ne, não dá pra esquecer do meu noivo. Não é nem certo o que estamos fazendo

Germano: Não é certo, mas também não é errado se apaixonar

Lili: Não é tão simples

Germano: Ei!! Não vamos pensar nisso agora, vamos pensar que estamos aqui e está ótimo

Lili: Ta maravilhoso - Lili falou se acomodando nos braços de Germano -

Germano: Eu não quero te apressar, ta? Tudo no seu tempo!

Lili: Obrigado por entender.

Com pouco tempo o jantar chegou e os dois passaram um bom tempo conversando e trocando carícias deitados no pequeno sofá do escritório da Lili. Até que ela se surpreendeu com a hora

Lili: Nossa!! Ja vai dar 01:00 hora!

Germano: Mais uma vez não vimos o tempo passar, sempre acontece quando estamos juntos

Lili: É uma pena essa noite ter que acabar

Germano: Ja ouviu falar que a noite é só uma criança?

Lili: Adoraria passar essa noite com você. Mas não quero ir rápido demais, ainda não é hora

Germano: Tudo bem! Eu entendo

Lili: Quero te pedir uma coisa. - Lili fala se levantando -

Germano: Qualquer coisa!

Lili: Vamos ir com calma, ainda tenho que conversar com Pedro, não podemos ter esses momentos sempre, pelo menos não por enquanto. - Lili fala em pé de frente de Germano que estava sentado -

Germano: Ta certo! Eu fico feliz só de ter esperança de ser recíproco o meu sentimento

Lili: Se contenta só com isso?

Germano: Não por muito tempo. - ele fala envolvendo a cintura da amada e lhe dando um beijo cheio de desejo -

Lili: Então a gente se ver amanhã? - fala saindo da sala com Germano a abraçando por trás -

Germano: Sim chefe! - ele fala sorrindo -

Lili: Boa noite e até logo!

Germano: Boa noite! - fala beijando o pescoço de Lili -

Lili: Você não vai me deixar sair?

Germano: Não - fala continuando com os beijos -

Lili: Vamos Germano!

Germano: Tudo bem! Vamos! - falou entrando no elevador junto com Lili -

Os dois seguiram cada um para suas casas, ja que não podiam trocar carícias em público.

Na manhã seguinte Lili acordou assustada com Pedro à encarando.

Lili: Meu Deus! - Ela falou quase caindo da cama quando abriu os olhos -

Pedro: Nossa amor!

Lili: Você me assustou! Estava ai parado me olhando, não imaginava que iria chegar cedo assim

Pedro: Não queria te acordar, você é tão linda dormindo, tão preciosa. - ele falou acariciando o rosto de Lili -

Lili: Estou atrasada, preciso me arrumar para ir para Bastille. - ela falou ignorando o carinho de Pedro -

Lili se levantou e foi direto para o banheiro e Pedro foi atrás

Pedro: Você bem que podia passar a manhã comigo! A tarde você vai para a Bastille, eu juro que deixo.

Lili: Eu tenho tanto trabalho Pedro!

Pedro: Poxa amor, tem tanto tempo que não temos nossos momentos

Lili: A noite quando eu voltar a gente conversa, pode ser?

Pedro: Pode não! Eu quero mais que conversa! - ele falou a abraçando por trás -

Lili se arrumou às pressas e optou nem tomar café da manhã em casa para evitar Pedro. No caminho para Bastille ligou para Luiza.

📱 Lili: Amiga, socorro!!

Luiza: Onde é o incêndio?

Lili: Na minha vida!! Ontem segui seu conselho e tive outro momento com Germano para saber se realmente eu estava afim dele ou se foi só coisa da minha cabeça. E não era coisa da minha cabeça, eu realmente estou apaixonada e o pequeno virou um momento de quase 7 horas!

Luiza: Manaaa! Que fogo era esse?!

Lili: Não! A gente não dormiu juntos, ficamos só conversando, trocando carícias e beijos no meu escritório na Bastille.

Luiza: Aaah sim! Mas qual é o problema?

Lili: O problema é que hoje de manhã acordei com o Pedro me encarando. - Luiza deu altas gargalhadas do outro lado da linha - Não ri palhaça! Fiquei tão nervosa que quase cai da cama! Parecia que ele sabia que eu trai ele a noite passada!

Luiza: Liliane você e seus romances loucos! O que você pretende fazer?

Lili: Eu te liguei para que você pudesse me responder essa pergunta!

Luiza: Eu?!! Coitada de mim! Não sei nem o que fazer com os meus B.O

Lili: Luiza eu to muita ferrada!

Luiza: Mas você ta realmente afim do Germano?

Lili: Afim? Eu acho que tô apaixonada!


Notas Finais


Logo logo teremos mais momentos gerlili e hot, é claro!!
Tá só começando!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...