História Nunca mais a mesma coisa - Capítulo 22


Escrita por: ~

Postado
Categorias Tekken
Personagens Asuka Kazama, Jin Kazama, Personagens Originais
Tags Brigas, Família, Kazamas, Maldição
Visualizações 20
Palavras 611
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Musical (Songfic), Romance e Novela, Violência
Avisos: Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Pessoas peço desculpas pela minha demora
Eu poderia estar aqui dizendo o motivo mas não acho que vocês queiram saber
Enfim... Boa leitura

Capítulo 22 - Ling Xiaoyu


Pov Asuka

Acordo e sinto um peso em cima de mim... Jin... Jin esta em cima, ou melhor, esta dentro de mim. Não acredito que passamos a noite toda fazendo amor; sinto minhas bochechas queimarem com esse pensamento pervertido... Deliciosamente pervertido...

- (bocejo) Bom dia meu amor – amo esse sorriso sonolento é lindo

-Bom dia – ele me beija... delicia. Aprofundamos o beijo e...

Vocês sabem o que acontece...

Depois do banho...

Depois do banho e café-da-manhã reforçado. Saímos do hotel e seguimos em direção da Zaibatsu; Jin me disse que seria bom eu aprender algumas coisas sobre a empresa. Chegamos na empresa e somos recebidos por Nina que trabalha como guarda-costas e ajuda na parte da diretoria

-Olá Jin

-Nina – continuamos andando para sei-lá-onde

-Ela é...?

-Prazer, sou Kazama Asuka – ela me olha espantada

-Kazama? Vocês são parentes? – antes que eu pudesse responder, Jin toma a dianteira

-Se somos parentes ou não, não é da sua conta. Faça apenas o seu trabalho – ele é tão gentil às vezes!

-Jin!

-É verdade Asuka. Ela não é paga pra cuidar da minha vida

-Tudo bem menina, já me acostumei com as sutilezas dele – Nina parece ser uma pessoa legal

-Não tenho obrigação nenhuma de ser educado com você, Nina – ele é tão diferente com as pessoas, tão frio e rude. Com meus pais e eu, ele sempre foi respeitoso. A loira segue seu caminho e nós seguimos o nosso. Entramos no elevador que em questão de segundos nos leva para o andar; entramos numa sala linda e ao mesmo sombria, deve ser a sala de Jin

-Não precisava ser rude com ela Jin – ele agarra minha cintura

-E quer o que? Que eu seja bonzinho com ela?

-Não precisa ser bonzinho, só menos mal educado – ele ataca minha boca com ferocidade e logo parte para meu pescoço

-Não quero ouvir você falando merda. Quero ver você gritar meu nome – sussurra em meu ouvido

-Mestre Kazama, eu... – somos interrompidos

-Jiiiiiiiiiiiiin – a Ling se joga para o meu Jin

-Olá Ling – achei que ela tinha desistido de ter Jin...

–O que você quer? Não vê que estou ocupado?

-Eu queria ver você

-Eu não – como Jin consegue ser tão frio?

-Nossa Jin... Isso magoa – posso até não gostar muito da Xiao mas sei que quando Jin quer magoar alguém, ele consegue

-Jin... – tento interceder por ela mas

-Não se meta nisso Asuka. Porra, anos correndo atrás de mim. Xiaoyu, eu te disse que te via apenas como uma irmã, lamento por não querer te foder até não poder mais mas essa é a realidade. Arranje outro pra você torturar - a menina começa a chorar, isso realmente foi desnecessário da parte de Jin

-Desculpa Jin, prometo não te incomodar mais

-Até que enfim ouvi algo útil vindo de você

-Para com isso Jin, ta realmente pegando pesado – ele parece pensar por uns instantes

-Tem razão. Ling peço desculpa, não foi minha intenção ser tão rude – ela enxuga as lagrimas

-Desculpa Jin, eu não queria ser tão chata assim

-Tudo bem apenas... – suspira –Não fique tão grudada comigo

-Ta legal. Amigos? – ela sorri e estende a mão

-Ta, amigos – ele aperta a mão dela –Sabe que se me aborrecer vai ouvir, não sabe?

-Sei

-Ótimo. Vem cá – ele abraça ela. Passamos o dia conversando tranquilamente nós três, parece que finalmente Xiaoyu aceitou que eu e Jin estamos juntos e não vamos não separar tão cedo

-Bom gente, a conversa ta muito boa mas preciso ir

-Ta legal Xiao

-Ah! Última coisa. Vocês viram o que aconteceu com a Lili? – agora fiquei curiosa, espero que ela se foda bastante, puta do caralho

-Não, o que?

-Bem ela...
 


Notas Finais


Se der tempo eu posto mais um hoje ou amanhã mesmo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...