História NyLa - Capítulo 6


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Abo, Bts, Jeon!top, Jungkook!alfa, Tae!bottom, Taehyung!ômega, Taekook, Vkook
Visualizações 31
Palavras 1.653
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Universo Alternativo, Yaoi (Gay)
Avisos: Adultério, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


boa leitura¡desculpa qualquer erro
[nao betada]

nome do cap: eu conheço seu corpo

Capítulo 6 - I know your body


Fanfic / Fanfiction NyLa - Capítulo 6 - I know your body

Faltavam exatamente uma semana para o noivado, tão esperada, ou seja, faltavam dois dias para o meu cio e eu estava muito nervoso com a chagada desse dia 

Eu não havia dito a Taehyung, estava com certo receio de conta-lo, afinal ele ainda estava comprometido ao alfa

Hoseok me alertará diversas vezes, dizendo que o cio do Min poderia chegar no mesmo dias que o meu, e que por certa "obrigação", o Kim aceitasse passar o cio com o mesmo, acarretando, talvez por preocupação, à marcação do ômega

O beta conseguiu encher minha cabeça com tantas coisas que neste momento eu estou sentado em minha cama, a espera do outro, para alertá-lo sobre 

Cinco minutos passados, e eu escutei batidas fracas no pedaço de madeira, que estava sendo encarado por mim, a tempos

Levantei-me e segui à mesma, assim que aberta senti braços finos circularem meu pescoço e meu rosto ser enchido de beijos carinhosos 

— Eu senti tanta sua falta! — o ômega deixou mais um selar em minhas bochechas e eu circulei sua cintura

— Tae, você veio aqui ontem a noite — sorri — Não tem como você sentir tanta saudade assim, amor! — o ômega fechou a cara na mesma hora e afrochou o abraço

— Foram seis meses ok, Jeon Jungkook! — beliscou meu braço — Seu insensível — deu um tapa em meu peito, tentando me afastar de si 

— Não teriam sido seis meses, se você não tivesse se apresentado tão teimoso Kim Taehyung, era só você ter me escutado e nada disso teria acontecido — debochei, o que não foi uma boa ideia, já que o ômega fez a pior carranca que conseguia e cruzou os braços

— Com licença Jeon, eu fui traído! Posso ter meu momento para pensar se chuto as bolas do meu namorado ou não?

— Nesse momento não, estou feliz com as minha "bolas" intactas — Taehyung revirou os olhos e foi em direção a cama, deitando na mesma

Fui até ele e deitei meu corpo sobre o do outro, suas pernas abriram para uma encaixe melhor e confortável, passei minha mão direita por todo seu corpo, desde da cintura até a coxa, onde fiquei com a mão repousada. 

Beijei seu pescoço e senti os fios da minha nuca serem puxados — G-Ggukie o que você queria falar co-comigo — chupei a pele clarinha de sua clavícula e escutei um arfar sair da boca do ômega 

Continuei beijando, ora seu pescoço, ora sua clavícula, até criar coragem o suficiente para falar o que principal motivo da chamada deste

— Amor? — chamei

— Hm 

— Meu cio está chegando, será daqui dois dias — suas mãos afastaram bruscamente meu rosto de seu pescoço e quando olhei em seus olhos, eles estavam arregalados — Se você não quiser passar comigo tudo bem, eu te entendo, de verdade. Não se sinta precionado a nada ok? — selei nossos lábios, de modo singelo 

— Junggukie, eu quero passar seu cio com você! E eu meio que já sabia — agora foi minha vez de arregalar meus olhos — Primeiramente, quando você vai aprender que não consegue esconder nada de mim? ; Segundamente, seu cheiro está mais forte, mais tentador e gostoso pra caralho, seu corpo está mais forte, sua presença da para ser facilmente sentida, você realmente achou que eu não perceberia? Qual é Jeon, eu passei muitos cios com você, eu conheço seu corpo ; E terceiramente, Hoseok não sabe guardar segredo — riu 

Suspirei frustado, coloquei meu rosto na curvatura do seu pescoços — Eu vou matar o Jung — beijei o local 

O ômega mudou nossas posições rapidamente, fazendo eu dar um pequeno sobressalto, ficando por cima — Eu vou te matar Jeon, por que não quis me contar? 

— Sei lá, você ainda está comprometido com o Min, não sei ok, eu achei que era melhor eu passar sozinho, não criaria problemas e eu posso acabar fazendo uma besteira nesse cio — posicionei minhas mãos em seu quadril pressionando o mesmo para baixo, enquanto mexia este para cima e para baixo. Fechei os olhos 

Taehyung apoiou as mãos em meu peito e se inclinou para frente, friccionando nossos membros de leve, gemi — Qual besteira você poderia fazer Jeon? 

— Eu poderia acabar de marcando amor, e eu não sei se você quer isso, tanto quanto eu quero — Taehyung parou os movimento e saiu do meu colo, remunguei pela falta de contato e abri os olhos, encarando as orbes castanhas que me olhavam de maneira cética

— Você só pode estar de brincadeira! Jeon Jungkook eu te amo e eu quero que você me marque, sempre quis, e você sabe muito bem disso! Então pare de ser frouxo e vire alfa — isso foi o estopim para eu perder meu juízo 

Eu não era um alfa que se achava, que gostava de mostrar superioridade, mas também odiava quando os outros falavam algo do tipo, dizendo que eu era frouxo ou covarde. Isso me irritava profundamente e Kim Taehyung sabe disso

Empurrei o ômega na cama, abrindo suas pernas de forma brusca, me encaixando entre estas, simulei uma estocada e vi o sorriso cínico brotar nos lábios do mais velho

— Fala que eu sou frouxo de novo Kim, fala que eu não sou um alfa de verdade — desafiei simulando mais estocadas e apertei suas nádegas 

— Ohh Jeon, vo-você — arfou — Puta merda isso é muito bom! 

Sorri malicioso, senti as mãos do mesmo na barra da minha blusa, que logo foi retirada do meu corpo e jogada em qualquer canto do quarto. Suas unhas curtas faziam desenhos nada coerentes em minhas costas. Levei minhas mãos para a barra de seu moletom, retirando o mesmo, dando a ele o mesmo fim que minha blusa teve 

Beijei seu peitoral, parando em seus mamilos, os quais eu suguei e mordisquei. Olhei para cima e tive certeza de que visão mais bela não existia, o ômega estava com a cabeça jogada para trás, com a boca em um perfeito "O". 

Continuei meu trajeto até chegar no cós de sua calça, abri o zíper desta e tirei a mesma do corpo do bronzeado, a ereção marcada na box preta era evidente e isso me deixava mais que satisfeito, já que eu não estava diferente

Subi meu corpo novamente, ficando frente a frente, puxei seu lábio inferior, prendendo-o entre os dentes. — Ggukie, tão bom — falou entre arfadas, por conta dos movimentos que eu fazia com o quadril

Adentrei minha língua em sua boca quente, sem pedir permissão, iniciando um beijo agitado e cheio de luxúria, minha apertava suas coxas e bunda, enquanto sentia as unhas fazerem rastros em minhas costas

Taehyung entrelaçou suas pensar em torno a minha cintura, fazendo com que eu gemesse, após sentir sua entrada, mesmo por cima da cueca box 

— Muita roupa amor, tira — falou levando os dedos longos e finos até o cós da minha calça moletom cinza, tirando a mesma que foi jogada, também, pelo chão do quarto

Eu me movimentava de cima para baixo, de baixo para cima, friccionando nossas ereções e marcando todo seu pescoço. 

O ômega inverteu as posições, e começou a rebolar em meu membro, fazendo eu sentir novamente sua entrada. Gemidos saíram da boca de ambos, por conta do contato

Taehyung abaixou o corpo até ficar com o rosto rente a minha ereção e por cima da box, chupou a glande. O ômega adentrou os dedos gelados, me causando arrepios, na box pegando meu membro em mãos e fazendo uma masturbação lenta 

— GENTE ANDA LOGO TEMOS QUE IR AO PARQUE , TAETAE O MIN FALOU QUE ESTÁ DE ESPERANDO, ELE QUER FAZER UM TAL DE PASSEIO ROMÂNTICO — eu definitivamente vou matar Jung Hoseok 

Bufei alto e o Kim começou a rir histericamente, rolei os olhos, a cara dele fazer isso nessas situações

— Broxei — remunguei quando escutei o ômega rir ainda mais

— E-eu tam-também

— Pare de rir Kim, você sabe que eu odeio isso, não se brinca com sexo — coloquei o braço no rosto, fechei os olhos e suspirei pesado

— Des-desculpa amor de verdade — falou depois de controlar a respiração e deitou ao meu lado, passando o braço pela minha cintura e apoiou a cabeça em meu peito — Amor? 

— Hm — tirei o braço do rosto e encarei o ômega

Eu te amo — sorri

— Eu também de te amo TaeTae — selei nossos lábios

🎡🎠🎡🎠🎡

Nós demoramos vinte minutos para nos arrumar e assim que saímos do quarto recebemos olhares maliciosos de todos presentes na sala, até Jimin, que resolveu ir ao parque conosco 

Taehyung me olhou desconfiado e ficou de bico o caminho ao lugar de encontro todo, era engraçado ver ele com ciúmes e não poder fazer nada. Ele bufava de cinco em cinco segundos, frustrado. E quando eu ria ele me olhava com as orbes queimando de raiva. Jimin havia percebido e sempre que o ômega bufava, ria

Quando chegamos ao parque, Min abraçou a cintura do noivo e o beijou. Já eu, estava com os punhos cerrados e tentava controlar meu lobo que queria decapitar o alfa ali mesmo

Por incrível que pareça quem segurou minha mão, para me acalmar, foi Jimin, e funcionou. O ômega sorriu terno em minha direção e se aproximou

— Vai dar tudo certo, se controla — sussurrou

— Do que está falando Jimin? 

— Você e o Tae é claro, vai dar tudo certo entre vocês dois! — sorriu novamente e se afastou 

O ômega foi em direção ao casal que ainda estava aos beijos e cutucou o alfa 

— Parem de se beijar, vocês vão poder fazer isso daqui para frente! Agora eu quero aproveitar o dia todo neste parque. Vamos TaeTae, quero ir na montanha-russa — falou puxando a mão do ômega para longe e antes de se afastar totalmente piscou para mim

É impressão minha, ou Park Jimin está pensando em algum plano? O que esses meninos tanto me escondem? Céus




Notas Finais


tá curtinho msm, só pq eu não queria que vocês ficassem tanto tempo sem att

meu ChimChim apoiando vkook é minha religião com licença!!

será que o próximo capítulo vai ter cio do Jungkook?? será???

dois beijos♡até o próximo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...