1. Spirit Fanfics >
  2. O acaso do destino >
  3. Passado... parte final

História O acaso do destino - Capítulo 25


Escrita por:


Notas do Autor


Em minha legítima defesa eu ia postar ontem mas acabei dormindo em cima do celular. Fora que a Minha amada e querida escola mandou dever pro 1 trimestre de todas as matérias; texto (explicação), exercícios e trabalhos. To com dever até na alma T~T e esse capítulo foi chantinho de escrever, tipo não sei porquê mas eu demorei demais a escrever porque eu escrevia um pouco e depois parava... ão demorei mesmo sabendo o que iria escrever... bom peço desculpa mais uma vez (e com essa ja se somam 18 pedidos de desculpa ao longo da fanfic ksks).
Prometo tomar vergonha na cara e ser mais comprometida com as minhas coisas, vou ver (NÃO PROMETO MAIS PROMETO NÃO FICAR NO YOUTUBE, LENDO FIC OU MANGÁ, OU VENDO ANIME... bom se bem q to acompanhando uns animes ai com a minha mãe. Nanatsu no taizai (a pedido dela) Kakegurui, Noragami (acho q se escreve assim =_=)) mais vou ver se posto na segunda que vem (por que to meio sem inspiração, ai vou ver direitinho o que botar pra dar as 1000 palavras).
Amo vocês meus anjos viciados em Yaoi OwO ♡ e feliz 17 de Maio atrasado TwT (dia Nacional contra homofobia ♥✨)

Capítulo 25 - Passado... parte final


Quem ai curte Nanatsu No Taizai? (Minha mãe me chamou pra ver, e tipo um dos personagens parece gay kkkkkkk isso me persegui vey)

— T-Tsuny… tenho uma coisa pra te contar… eu lamento muito…

 

Olhei pra ele meio sem entender e em seguida olho pro Kakashi.



 

— S-Seus… Seus pais eles… mataram eles Tsuny… – não tinha caído a ficha ainda,tipo eu tinha visto meus pais a algumas horas não tinha como isso ser possível. Ou tinha…?– estão investigando, o veterano Uchira Itachi está na frente da investigação, ele disse que pelo carinho que sente pela senhorita está ajudando pra prender os culpados. –ele me olha meio triste– bom se me derem licença. Eu sinto muito Tsuny…


 

Não podia acreditar no que ele havia dito, eu os vi a algumas horas atrás não tinha como isso ser possível! Ou tinha…?

 

—Tsuny eu… 

 

Kakashi me abraça forte e eu fico parada… sem expressão… aquele dia era o pior da minha vida, superando o dia em que eu tinha perdido o Kakashi. Ele viu que eu não reagia e me olhou de um jeito preocupado, como se tivesse visto um fantasma… 

 

—Pelo menos é o Itachi que está de frente na investigação… 

 

Ele deu um pequeno sorriso e então eu lembrei de quando o encontrei no corredor. Ele estava cheio de sangue e nos esbarramos na virada do corredor quando eu estava indo ver meus pais, eu estava indo e ele voltando… eu não tinha uma explicação melhor para ele estar cheio de sangue. Já tinha tempo que pararam de mandar "crianças" para as Missões de assassinato, por questões psicológicas. Eu tinha certeza de que ele era o culpado e pra não ser suspeito ja que ele me "adorava" resolveu ajudar nas investigações…AS INVESTIGAÇÕES DO HOMICÍDIO QUE ELE COMETEU!......... Só tinha um jeito de saber, mas eu precisava da ajuda de alguém mais sabia que não podia contar com o Kakashi ja que por ser amigo (além de ter uma leve queda) do Itachi ele poderia contar para o mesmo e isso era muito arriscado. Mas conheço duas pessoas que com certeza me ajudariam em tudo, nem que fosse para matar alguém. Afinal eu faria o mesmo por eles… 

 

[...] 9:00 PM

 

— KIBA, SHIKAMARU! -- invado o dormitório deles e felizmente eles só estavam jogando um RPG qualquer. Entrei e contei as minhas suspeitas e Kiba resolveu olhar as câmeras de segurança para conseguirmos provas. Passamos 2 horas olhando as filmagens quando vimos a parte aonde Itachi me empurra no chão e Kiba voltou 20 minutos indo para a sala da coordenação aonde meus pais estavam e eu pude ver tudo… vi como o Uchira matou eles sem sentir nada, sem pena… acho que pra ele foi até divertido fazer isso. Eu vi e revi aquela cena várias vezes sem piscar, Kiba falou que não era bom pra mim afinal eram meus pais.

 

—Kiba… não tem problema… eu… não sinto nada vendo isso… eu to me sentindo vazia… minha cabeça ta pesada e meu rosto ta formigando. --falo ainda encarando a tela que repetia a cena pela vigésima vez.

 

— está difícil de respirar? --Kiba põem a mão na minha escosta (N/A: essa palavra ta certa? =_=)  e me olha meio preocupado.

 

— … mas está tudo bem… --respondo de um modo calmo.

 

—bom então o que acham de levarmos isso para o Kakashi? --sugere Shikamaru.

Noragami...? (Sou apaixonada pelo Yato ♡)

—que mané levar pro Kakashi o que Shikamaru! Vamos levar para a direção isso sim! --impõem Kiba.

 

—ou, nós podemos nos vingar, matar ele e sumir com o corpo sem deixar rastros… -- dou um sorrisinho enquanto vejo Shikamaru e Kiba me olhando com os olhos arregalados-- e se algo der errado nós dizemos que só estávamos nos defendendo e como álibi usamos as gravações de segurança…! --eles ficam em silêncio enquanto me encaravam fixamente.

 

—Você… essa não é a Tsuny Walker que eu conheço… a que eu conheço é doce, gentil e inocente! Jamais faria mal a alguém… ou pensaria assim! --Kiba estava desesperado e parecia com raiva também… nunca que ele havia falado assim comigo, mas eu não me importava…

 

—Não… não é como se isso me importasse… 

 

eu olhei nos olhos dele e acho que ele viu que eu não estava bem. Então sinto um abraço forte por trás de mim e quando eu viro vejo Shikamaru chorando, aquilo me fez ficar com um aperto no peito e quando direciono meu olhar para Kiba ele também já estava me abraçando e eu acabei retribuindo o abraço. 

Mostramos as filmagens pra direção e eles tomaram as devidas providências, mas quando iam levar ele para uma prisão mas segura ele já havia fugido e eu fiquei com raiva. Queria que ele pagasse por tudo! Por ter tirado meus pais, por ter me feito chorar, por ter me machucado e ter feito o Kakashi não acreditar em mim… eu fiquei decidida a caçar ele a onde fosse nem que eu precisasse ir no inferno pra matar ele eu iria…

 

[...] 5 anos depois...

     ...Em uma floresta qualquer durante o crepúsculo (N/A: crepúsculo significado anoitecer, é o período em que o sol se põe)

 

Eu estava em cima das árvores perseguindo Itachi sem que ele nem se quer percebesse. Passei todo esse tempo melhorando minhas habilidades e me esforçando cada vez mais nas Missões da Anbu, por isso com 10 anos ja sou uma dos melhores ninjas só perdendo para outros 4 ninjas e claro pra Kakashi que é o melhor ninja da Anbu. Assim que ele entra na clareira eu pulo em cima dele fazendo o mesmo cair de cara no chão e coloco seus braços na sua escosta as prendendo com os joelhos. Ainda em cima das suas costas ponho minha Kunai em seu pescoço e pressiono fazendo sair um pouco de sangue. Ele da um sorriso mas seu olhar é mal.

 

—então a pequena Tsuny Walker melhorou suas habilidades…? --ele me olhava sem o menor medo e isso me deixou com raiva fazendo eu apertar mas a kunai contra seu pescoço e logo ouvindo um pequeno gemido de dor vindo do maior-- pena que continua sendo uma pirralha --ele deu um pequeno riso e minha paciência evaporou, então quando levantei a kunai pra cortar sua artéria sinto meu braço ser puxado e a kunai tirada da minha mão. Olho pra ver quem era o filho da puta e logo vejo Kakashi com seu rosto sério como de custume; de máscara, usando a bandana para cobrir seu olho esquerdo e pra completar com o uniforme da Anbu assim como eu.

E Kakegurui? (É meio pesado mais é legal)

—Você sabe que não vai adiantar matar ele, não vai trazer seus pais de volta… --ele usava um tom calmo-- temos que prende-lo e levar pra Anbu la eles vão saber o que fazer. --eu o olho por um momento depois olhando para o Uchira e mesmo com raiva e relutando saiu de cima de Itachi, e me aproximo mas de Kakashi.


 

—Mesmo que ela quisesse não conseguiria, ela não tem coragem de matar alguém afinal ela é só uma pirralha medrosa que não agrada ningu- --eu fiquei morrendo de raiva e ja estava pronta pra mostrar pra ele que ele estava errado, mas antes de fazer qualquer coisa ou até mesmo antes dele terminar a frase Kakashi ja havia dado um chute na boca de seu estômago fazendo ele cair de joelhos.

 

—NUNCA MAIS FALE ASSIM DELA ME OUVIU?! EU NÃO ADIMITO QUE NINGUÉM FALE OU FAÇA ALGO COM ELA! --Raramente vi Kakashi alterado dessa maneira e isso acabou me assustando um pouco.

 

—Ah Kakashi não me diga que virou o irmão protetor? Você nunca se importou com ela, as pessoas tratavam ela como bem entendiam e se não fossem aqueles amiguinhos dela, ela não teria chances pois dês de sempre nunca conseguiu se defender e sempre dependeu dos outros… --Itachi parecia feliz por me atingir, eu estava de cabeça baixa tentando não chorar mas acabou sendo em vão-- ah, tadinha dela já tá chorando? Pena que seus amiguinhos não estão aqui pra te abraçar…

 

—MAIS EU ESTOU AQUI E NÃO VOU DEIXAR ELA POR NADA! --Kakashi se aproxima dele e põe a mão em um ponto vital na região do pescoço e logo da um "choque" fazendo o Uchira cair desacordado.

 

[...]

 

Depois que levamos ele pra Anbu Kakashi me leva até o dormitório.

 

—Olha, eu sei que não fui o melhor dos amigos ou dos irmãos… mas eu vou te defender de tudo e todos, não vou te abandonar e vou ser mais presente na sua vida… eu prometo que nada e nem ninguém vai chegar perto de você, enquanto eu estiver vivo vou te proteger e fazer o que seus pais fariam por você… --ele põe a mão no meu rosto com gentileza-- de agora em diante você é minha família e assim como quando tínhamos 6 anos-

 

—corrigindo quando VOCÊ tinha 6 anos, porque eu tinha 3! --falo levantando uma das sobrancelhas.

 

—Haha… ok ok, assim como quando eu tinha 6 anos e eu te protegia de tudo, vou voltar a fazer como antes. Eu prometo ta? --ele da um beijo em minha testa e me chama para dar uma volta… depois de alguns dias ele decidiu que deveríamos nos afastar da Anbu por um tempo por questões de ficar lembrando do que aconteceu, e assim viemos para o Colégio da Folha…

 

           °•°• FLASHBACK OFF •°•°

 

 (N/A: Quem não lembra dessa parte direito, volta no capítulo anterior e le o começo pra fazer mais sentido (foi o que eu fiz ksks))

 

Eu ja estava pronta pra enfiar a minha kubai em seu pescoço e acabar de vez com ele mas assim que virei a kunai pra enfiar em seu peito sinto minha mão sendo segurada...

 


Notas Finais


Bjs até a próxima~ prometo ser mais rápida com as postagens (como antes) toda semana pode ser?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...