1. Spirit Fanfics >
  2. O alfa e o ômega (ABO) >
  3. O primeiro dia

História O alfa e o ômega (ABO) - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


OIIII pessoas do mundo (ノ◕ヮ◕)ノ*:・゚✧

Eu estava essa semana relendo alguns manhwas e os dois últimos foram: Killing Stalking e Night portrait (Pintura noturna)
então eu estava na cabeça com relacionamentos tóxicos e resolvi trazer algo nesse estilo, só que tentando deixar ainda sim em um estilo shoujo, ou seja espero que o casal no fim seja saudável, queria um casal diferente mais só me veio em mente Tododeku, e como eu queria uma fic Omegaverse teria que ser yaoi, então optei pelo meu casalsinho mesmo.

Espero que quem leia gosteee, mal qualquer erro ヾ(•ω•`)o

Capítulo 1 - O primeiro dia


Fanfic / Fanfiction O alfa e o ômega (ABO) - Capítulo 1 - O primeiro dia

֍ Midoriya ֍

Estou bem adiantado para o trabalho, não me importo de acordar cedo, pelo menos assim eu posso andar pelas ruas sem pressa e cada dia descobrir coisas novas na cidade, hoje por exemplo descobri um café novo e estou me deliciando com um grande copo de chocolate quente, estou usando uma camiseta branca, por cima uma blusa de frio também branca com mangas pretas e com a gola com um tom de verde e preto(roupa da capa), e uma calça preta, estou quase chegando no escritório e para ser sincero estou bem confiante, a entrevista foi melhor do que eu achava que seria, tinha quase certeza que teria problemas por ser um ômega, meu chefe é um alfa peculiar, tanto na aparência quanto no jeito, ele tem o cabelo dividido em duas cores, vermelho e branco, oque me chamou atenção, seus olhos são heterocromáticos e do lado esquerdo de seu rosto uma queimadura que particularmente acho que o deixa mais bonito ainda, é sério e quieto, bom deve ser por que era uma entrevista, realmente é uma pessoa que eu passaria o dia inteiro olhando.

 

 ꙳ Quebra no tempo ꙳   

 

Hoje o dia até parece ter passado rápido, de tarde Sr.Todoroki  apareceu no escritório mais saiu logo em seguida dizendo que teria que tratar de algumas coisas cartório, então passei o dia apenas com a Kyouka que aparentemente é uma beta bem divertida mesmo estando no trabalho, o dia passou sem nem um problema, não posso reclamar de nada, são cerca de 6 horas da tarde, e estou apenas indo até a casa de Shouto estregar um processo em especifico, amanhã como ele não estará na cidade precisava dele impresso hoje, e não me custava nada o levar para o Todoroki  pois não faria diferença para mim já que no caminho de volta para minha casa passo sempre na frente de seu condomínio. 

Chegando na portaria me deparo com o primeiro problema do dia, estava com medo de deixar os papeis com o guarda, o processo era importante, e se acontecesse algo?

-Você não pode entrar~

O guarda fala revirando os olhos por minha insistência.

-Se eu não posso subir peça para ele descer! 

Peço batendo o pé no chão.

-Nem pensar!

O homem responde rápido.

-Não te custa nada, por favor~

Falo apontando para o interfone.

-Dá ultima vez que interrompi Sr.Todoroki me dei mal e levei uma bom sermão do sindico, então, não!

Já estava sem paciência, coloco minha mão no bolso tirando meu celular, abro a lista de contatos.

-Sr.Todoroki, Sr.Todoroki. Sr.Todo... Achei!

Clico no número e balanço o celular de uma lado para o outro na frente do guarda.

-Hum, boa sorte.

O mais velho fala enquanto disfarçadamente mostro a língua para o mesmo, um...dos...trê toques e nada, logo a chamada cai na caixa postal.

-Certo agora me entregue os papeis.

O guarda fala esticando a mão, nego com a cabeça insistindo em ligar de novo.

-Sr.Todoroki?!

Pergunto quando a chamada é aceita, um silêncio prevalece por um bom tempo, não consigo ouvir nada que está do outro lado da linha.

-Sr.Todoroki?

Pergunto de novo ao não receber resposta.

-Hum?

Ouço sua voz rouca arrastada como alguém que tivesse acabado de acordar.

-Estou aqui na portaria com o processo impresso que o senhor me pediu, queria te dar pessoalmente pra não ter nem um problema.

De novo o silêncio. Olho com uma cara confusa para o guarda que da de ombros, agradeço aos céus ao ouvir sua voz de novo.

-Certo Izuku, eu já...

Ouço um longo suspiro do outro lado da ligação e em seguida alguns cochichos que mais parecia alguma briga.

-Eu já estou descendo Izuku.

Desligo o celular um pouco confuso, ele não estava sozinho? Bom não é da minha conta.

-Me de os papeis.

O guarda pede de novo.

-Ham?? O Sr.Todoroki já esta descendo!

Falo apertando a pasta contra meu peito dando um passo para longe da cabine.

-ELE OQUE??!!

-Está descendo! Não precisa gritar eu estou do seu lado! 

Falo sem entender o porque daquele escândalo.

-è cada uma, aquele homem não sabe oque faz da vida...

Ouço o segurança resmungando pra si mesmo, não consegui ouvir o final pois o mesmo abaixou mais ainda o tom de voz.

-Ele oque?

Pergunto chegando mais perto.

-Nada....hum até que você é bonitinho mesmo.

Olho confuso e solto um  "Eca" oque faz o mais velho dar risada me deixando mais confuso. Ok eu só quero sair daqui chegar em casa tomar um banho e passar o resto da noite assistindo!

-Midoriya!

Me viro sentindo um arrepio que não deveria ao ouvir Shouto me chamando pelo primeiro nome, sua voz é tão bonita....ok ok ok eu realmente preciso dormir. Olho para o portão do condomínio vendo Todoroki enrolado em uma blusa de frio bem maior do que o seu corpo, obviamente aquela blusa não era dele, seu cabelo estava bagunçado misturando mais ainda as duas cores.

-A...Aqui!

Entrego a pasta pelo portão balançando a cabeça afastando qualquer pensamento estranho.

-Obrigado. Boa noite Midoriya.

Ele fala já se afastando e....e sorrindo!!!Meus olhos estão me enganando! Todoroki esta sorrindo? Pra mim? Bato a mão na testa com força enquanto suspiro, é óbvio que ele sorri né seu tonto? Ele é uma pessoa que tem boca e dentes, porque não sorriria? Nem conheço ele direito, com certeza estou apenas me iludindo com a sua beleza assim como me iludo com a de todos os alfas, uma coisa que vai passar ao convivermos mais juntos.

-Não vai falar boa noite? Que sem modos!

O guarda fala zombando me trazendo de volta a realidade.

-BO...BOA NOITE!

Merda de dicção! Porque eu gaguejei? Vejo o homem acenando com a mão já longe do portão, me viro de volta para a rua já me preparando para voltar para casa.

-E o meu boa noite?

O guarda pergunta, nós nos conhecemos só a 10 minutos atrás! Solto uma baixa risada.

-Você não merece!

Corro para a rua ouvindo o outro reclamando enquanto dou risada, finalmente o dia chegou ao "fim", agora só me resta comer e assistir.

-AAA não~ TENHO QUE AGENDAR OS PAGAMENTOS!~

Falo parando no meio da rua vazia e brigando comigo mesmo. E lá se vai por água a baixo a minha noite de filmes!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

!...Continua...!

 

 

 

 


Notas Finais


Então foi isso kk sério deu muito trabalho o(* ̄▽ ̄)ブ

Estou com varias ideias para a história, então é bem provável que durante os cap eu va tendo novas ideias e o final n seja igual ao que eu estou planejando, bom espero que essa n tenha sido a pior fic q vc ja leu, obg por ler até aq S2
Mal qualquer erro e até o próximo cap ( não sei se posto hj)ヾ(•ω•`)o

Tchau pessoas do mundooo (ノ◕ヮ◕)ノ*:・゚✧


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...