História O Amor De Mesmo Nome - Capítulo 27


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Originais
Visualizações 35
Palavras 1.121
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Famí­lia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Saga, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Pansexualidade, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Ola Caro ser do universo
Aqui quem vos fala é
Luck Snowyowl
e hj irei lhes contar
mas um cap dessa história

Capítulo 27 - Brigas e Decepções (Revisado)


 

DIA SEGUINTE-SÁBADO

 

POVS.Lucas

 

Eu acordo, e viro pro lado, e tem uma cabeça me olhando, é o idiota do Jacob, acho que ele tá tentando me assustar, eu digo:

-Olá caro humano

-Ah, que droga, voce não se assusta com nada

-Não, não tenho medo de nada, o que voce ta fazendo aqui essas horas?

-Nossa, como voce é fofo

-Minha fofidão super aumenta quando eu acordo e tem alguém olhando pra mim, cade minha mãe?

-Foi trabalhar

-Porque ela foi trabalhar hoje? É o sabado que ela fica de folga

-É que apareceu uma emergencia, um gatinha atropelado

-Ah ta, tadinho

-Sim, tadinho e sem casa

-É de rua?

-Se ele não tem casa é de rua né Lucas

-Verdade

-De que é essa blusa?

-Que blusa?

-Essa que voce ta segurando?

Eu olho e vejo que realmente estou segurando a blusa do Lucas ainda,ele continua:

-Voce deve gostar mesmo dela, se agarrou nela a noite inteira, sua mãe até tentou pegar pra lavar, mas voce não largava

-Ah, dormi com ela sem querer

-De quem ela é?

-Nossa, perdi o resto da tarde toda,e a noite também, to morrendo de fome, vou descer pra comer algo, mas vou tomar um banho primeiro

Rapidamente pego minha toalha, roupas para vestir e vou pra dentro do banheiro, o Jacob diz:

-Não acredito que voce tem vergonha  ainda de mim, a gente até transou

-Que dia foi isso? Nem nunca vi

-AHAHHHAHAHA, até voce falando isso?

-Sim

-Porque voce tem vergonha de mim?

-Eu não tenho vergonha

-Então abre a porta

-Ela está aberta

Então ele abre a porta, e se aproxima de mim, e eu viro de costas, caraca, me recuso a falar que to apaixonado pro Jacob, ele vai ficar jogando na minha cara quando eu zuava ele dizendo que tava apaixonado pelas meninas, Lady Gaga me livre, odeio que joguem as coisas na minha cara

Eu termino o banho, e passo direto por ele, me visto e vou comer, resolvo comer panetone e chocolate quente, hmmmm, delícia, o Jacob chega e também come comigo, nós ficamos quietos, espero que ele pare de me perguntar de quem é a blusa, com o tédio minha mente começa a viajar, e logo eu começo a pensar no Lucas, o dono do lugar para onde meus pensamentos vão

 

HORAS DEPOIS

 

O dia está quase acabando, acabei revelando para o Jacob quem é o dono da blusa, ai acabei exagerando e contando tudo, achei estranho porque ele fez umas caras estranhas em certas partes, mas ignorei

Ele me convidou para andar de bike, mas eu não aceitei, odeio bike, depois me convidou para tomarmos um sorvete, acabei aceitando, fomos tomar sorvete naquele mesmo lugar que eu encontrei aquele casal gay, minha meta ainda é vir aqui com o Lucas,

Será que é errado vir num lugar com uma pessoa, sendo que eu não paro de pensar em outra? Acho que não, a gente veio como amigo, depois de pegar os sorvetes, vamos nos sentar num banco, e novamente eu fico pensando como queria vir aqui com o Lucas

Lucas,que nome lindo(nele, porque em mim eu odeio), como é possível amar um homem tão puramente? Como um homem pode ter mudado tanto minha cabeça assim? Antes eu só pensava em dinheiro, livro, séries, etc, mas agora eu penso mais nele

 

Eu jurei nunca me apaixonar

Mas então ele apareceu

Por esse motivo eu quis te odiar

Mas isso nunca aconteceu

 

Foi numa manhã

Não me lembro a hora,

não me lembro o dia

Só me lembro que voce sorria

E quando voce passou

Meu coração se acelerou

 

Minha amiga disse que eu tinha me apaixonado

Eu ri da cara dela e disse que não era retardado

Mas depois de um tempo comecei a aceitar

Que eu estava começando a me apaixonar

Eu até tentei encontrar um defeito

Mas não deu, porque pra mim voce é um ser perfeito

 

O Jacob estala os dedos na minha frente, eu olho pra ele e vejo que ele está com uma cara meio brava, eu falo:

-Que foi?

-Como assim o que foi? Eu to a horas falando com voce e voce não presta atenção em mim

-Desculpa, tava pensando no Lu..

Quando eu digo isso a cara dele fica mais brava ainda, ele diz:

-Cara, eu cansei, sério, fica ai pensando nele que eu vou embora

-Que? Como assim?

-Voce sai comigo,e  não para de falar dele, o dia inteiro voce tá falando dele

-Mas foi voce que perguntou

-Mas eu não sabia que voce ia ficar falando dele o dia todo, pra mim chega, os outros meninos não ficaram assim ontem

-Aé, é assim? Vai lá com eles, seus amigos héteros, To pouco me fudendo então, porque quando voce ficou depressivo por causa daquela mina lá, foi eu que tive que ficar te aguentando, enquanto seus amigos hetéros ficaram tirando uma com sua cara, fui eu que levei bebado pra minha casa quando voce bebeu todas naquela festa enquanto a Fernanda tava fazendo beijo triplo com os caras, fui eu, não eles, fui eu, fui o único que te aguentei quando voce precisou, ninguém mais quis te aguentar, sabe porque? Porque voce estava insuportavel, minha Mother Monster, voce não sabe como eu queria que voce calasse a boca, falando não sei quantas vezes que queria se matar, porque vopce nunca mais amaria outra menina igual ela, e eu tive que ficar quieto, porque voce estava frágil demais para ouvir a verdade, mas agora eu vou falar o que eu queria ter te falado na hora: VAI SE FUDER, SE QUISER SE MATAR SE MATA, MAS PARA DE EXCHER MEU SACO COM ISSO CARALHO, A MINA NÃO TÁ NEM PENSANDO EM VOCE, DEVE TÁ DANDO PRA UM CARA, E  A FERNANDA TAMBÉM DEVE TÁ NESSE EXATO MOMENTO

Ele congela quando eu digo essas palavras, ele chega perto de mim, eu falo:

-Nem agora aguenta a verdade, pensa que eu vou ficar com medo de voce? Se quiser bater bate filho da puta, olha minha cara de quem tem medo de macho

Ele me olha com uma cara de magoado e diz:

-Eu nunca seria capaz de bater em voce, é bom saber o que voce queia ter falado pra mim, to indo embora

Ele anda mais uns passos e diz:

-Só pra voce saber, não é pela Fernanda que eu to apaixonado agora, mas essa pessoa que eu to apaixonado, é pior do que ela, seu poder de destruir o coração das pessoas é muito maior, tchau Lucas

Então ele vai embora, me deixando sozinho, nem ligo, eu não preciso dele, mas se eu não preciso dele, porque minhas lágrimas estão insistindo pra cair pelo meu rosto?

 

CONTINUA...


Notas Finais


Gostaram?
Doeu em mim
fazer essa cena


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...