História O amor impedido. - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Agust D / Suga
Visualizações 5
Palavras 700
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Ficção Adolescente
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Estupro, Insinuação de sexo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Vamu lá..

Capítulo 2 - O AMOR IMPEDIDO.EP2


Fanfic / Fanfiction O amor impedido. - Capítulo 2 - O AMOR IMPEDIDO.EP2

*quebra de tempo*
-Duas semanas se passaram, e nessas duas semanas não sai de casa,Nem para a Escola e nem para o Shopping, como que alguém consegue viver sem shopping??
Estava horrível aquilo! Aa me sentia uma prisioneira!-
S/n: Ah que raiva! Não posso sair pra nada!
S/m: oi minha filha.
S/n: oi omma. *Falo meio desanimada*
S/m: Você quer sair não é?
S/n: sim mais *interrompida*
S/m: Minha filha se você quiser pode passear no Jardim, tem seguranças ao lado então é super seguro não tem risco de...esquece.
S/n: Ah é mesmo como não pensei nisso?!
S/m: agora vai lá!
* fui correndo em direção ao Jardim, alguns minutos depois começou a tocar uma música meio lenta, mas depois ficou rápida. Eu estava com medo até mas eu me despreocupei porque tinha um com seguranças ao lado, Mas de repente os seguranças sumiram do nada! Eu fiquei com medo e resolvi voltar para casa, quando estava no caminho um homem me parou, ele tava com capuz mas dá para ver a boca dele.. e estava sorrindo aquele sorriso tá me apavorando eu estava assustada minha mão estava Tremendo, e eu fui tentar desviar mas ele chegou com pano,e esse pano Parecia ter álcool e ele colocou em meu rosto e eu desmaiei e vi tudo preto..*
- acordei e um galpão e com muita dor de cabeça, e aquele mesmo homem, estava na minha frente parado me olhando.. e tinha mais dois lado dele, eu fiquei com medo então não falei nada.-
???: oolha parece que a princesinha acordou!
??2: tava bom o sono?!
- o outro que estava com eles não falou nada, ele apenas me olhava e aquele olhar dá para transmitir a tristeza dele.. será que está com pena de mim? não se estivesse com pena não teria me sequestrado.-
??3:esta com fome?
S/n: *fiz sinal positivo com a cabeça.*
??3: vou preparar algo.
S/n: obrigada..
???4: OQUE VOCÊ ESTÁ FAZENDO?!
-Chegou um garoto aparentemente da minha idade, e da idade daquele outro que saiu, eu fiquei até curiosa.. e o homem que estava parado na minha frente me olhando, olhou para ele e ficou com cara de assustado.-
???4: de novo pai, de novo fazendo pessoas de refém, você não tem cérebro né! O senhor pode ser preso junto com esse seus amigos aí!
???: filho eu posso explicar..
???4: SOLTA ELA.
???: Eu não vou!
???4:se você não vai eu vou!
* o garoto me solta, e saímos correndo.. ouvimos os gritos aparentemente do pai dele, que estava se aproximando.. a gente começou a correr muito rápido, mas depois foi se distanciando.*
S/n: o-obrigada. *digo ofegante*
???4: de nada. Qual é seu nome?
S/n: S/n.
Tae: meu nome é Taehyung mais pode me chamar de Tae.
S/n: Prazer Tae. *me curvo*
Tae: s/n, prazer só na cama..*me olha malicioso*
S/n: *coro* é.. agora pra onde eu vou?
Tae: Você não sabe onde é a sua casa?
S/n: Tae, meu pai é Prefeito daqui mas eu não conheço muito a cidade.. então eu não sei onde a gente tá sabe você poderia me dar uma informação?
Tae: Seu pai é prefeito de Busan?
S/n: não, de Seul,mais...
Tae: nós não estamos em Seul..
S/n: grrr, não acredito! *sento num banco ali próximo.*
Tae: se você quiser pode ficar na minha casa..
S/n: obrigada.. claro se não for incômodo.
Tae: que nada! Moro sozinho..
S/n: Ah sim..
Tae: mas antes, Temos que passar no shopping, porque enquanto você vai ficar lá em casa.. eu vou numa festa hoje à noite, se tu quiser ir comigo é só tu falar que a gente passa no shopping .. e compra uma roupa legal.
S/n: não Tae.. mais obrigada.
Tae: bora s/n!
S/n: eu tenho trauma de festas, eu não quero ir não.. mas muito obrigada pelo convite, mas eu prefero ficar em casa mesmo.
Tae: se você que diz..
~Quebra de tempo~
-O Tae tava demorando para voltar da festa, eu estou ficando um pouco preocupada.. QUE?!
preocupada eu mal conheço ele,e eu estou preocupada por favor não me diz que eu tô apaixonada!-
* Sou tirada dos meus pensamentos com a porta se abrindo.*
Relevando ....
==CONTINUA==







Notas Finais


Gente se eu demorar para postar a outra Fanfic que a do Jungkook é porque eu tô ocupada demais porque voltou as minhas aulas, então não se preocupe na próxima vai ter muita coisa para ver.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...