História O amor não é doença e sim uma cura - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Hora de Aventura
Visualizações 4
Palavras 327
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Aventura, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Survival
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 5 - Da proxima vez não tem volta ...


Marshall Lee on ~

Eu acordei Abraçado com o Flame eu me soltei dos braços dele ainda estava de dia eu tinha perdido duas aulas mas não tinho problema nenhum eu peguei o livro que o chiclete tinha deixado cair e sai do quarto e fui pegar a minha merenda o Chiclete estava na fila eu não tive medo e fiquei atrás dele ele sussurrou bem baiixo mas eu consegui entender 

 C : me desculpa por mais cedo - ele disse isso com a cabeça baixa mexendo em um livro que ele estava na mão. 

M : Me desculpa pelo o que aconteceu - eu falei isso enquanto o cutuvava para ele pegar o livro que ele tinha deixado cair.

Ele virou e disse 

P : Ah! Você achou ele eu achava que alguem tinha pegado o livro e ter colocado nos achados e perdidos - ele falou isso com a voz serena e um sorriso doce ele estendeu a mão e pegou o livro.

M : porque eu ia colocar nos achados e perdidos se eu sabia que era seu ? - Eu não sei o que aconteceu mas acho que foi por empulso mas eu o beijei na frente da escola toda mas ele não disse nada só ficou calado.

P : Por que você fez isso ? - ele disse com um olhar sério e todo corado.

M : Porque eu te amo. Me desculpe pelo o que aconteceu na quela noite horrivel voce não me deixou explicar- quando eu disse isso tinha alguem me cutucando quando eu virei eu vi a Fionna apontndo para a fila pedindo para o Chiclete andar porqöue ele estava engarrafando a fila .

P : Ai ! Me desculpa hahaha - ele colocou a mão na cabeça e riu nervoso e continuou andando - ok Marshall eu te desculpo mas nunca mais faça isso eu não vou aguentar na próxima vez 

M : Obrigado - eu abracei ele por trás com força. 

Continua ...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...