História O amor se esconde por trás do ódio - Terminada - - Capítulo 18


Escrita por:

Postado
Categorias Eddsworld
Personagens Edd, Eduardo, Jon, Mark, Matt, Patryk, Paul ter Voorde, Tom, Tord
Tags Edd X Matt, Eddmatt, Tom X Tord, Tomtord
Visualizações 154
Palavras 885
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Fluffy, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Yaoi (Gay)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 18 - "Friends again"


Fanfic / Fanfiction O amor se esconde por trás do ódio - Terminada - - Capítulo 18 - "Friends again"

No dia seguinte acordei pelo despertador mais fofo do mundo, Matt estava me chamando baixo e eu abri os olhos dando de cara com aqueles olhos lazulis, ri timido sentindo ele beijar minha testa, me sentei ficando na sua barriga me espreguiçando. 

-..yaawn...que horas são..-cocei os olhos levantando e pegando minha roupa no chão. 

-..sete e meia..-ele levantou também indo pegar roupas no armário, taquei as minhas no cesto e ele riu jogando uma blusa pra mim junto de uma bermuda, os vesti e ele também vindo até mim trocando um selinho demorado, o abracei olhando pra porta vendo ele ficar atrás de mim. 

-..T-todd..eu e..estou com medo..n-não quero levar outro tapa..-ele falou tremulo e eu beijei a bochecha dele. 

-..não se preucupe..vou te proteger..vamos..-segurei a mão dele abrindo a porta e indo pra sala sentando no sofá, um tempo depois Edd e Tom apareceram e Edd chamou Matt. 

-..Matt p-podemos dar uma volta?..quero conversar..-o ruivo olhou pra mim e apenas fiz sim com a cabeça suspirando vendo eles sairem, Tom olhou pra mim sentando do meu lado e eu desviei o olhar virando pro lado. 

-...desculpa commie...aquilo..não era pra acontecer e eu t-te amo..p-por favor..me da outra chance igual eu dei depois de tudo que fez..-senti uma facada atingir meu peito e eu demorei pra virar para ele puxando a gola dele. 

-....eu ainda to com raiva...não beija outra boca além da minha nunca mais se não eu arranco seu pênis com minhas própias mãos...-falei sério e ele riu nervosos soando. 

-..c-certo certo..e você nunca mais transe com alguém que não seja eu por que dava pra ouvir você e o Matt...-ele fez bico e eu que ri nervoso agora, ele começou a subir em cima de mim mordendo meu pescoço e eu arranhei os ombros dele, ele me olhou nos olhos sorrindo sincero e eu sorri também. 

-...aceita voltar a ser meu namorado commie?..-ele perguntou sorrindo bobo agora e eu comecei a rir, ele me olhou confuso e beijei a ponta do nariz dele. 

-..claro que sim jehova estupido..-falei dando tapinhas na testa dele e ele sorriu com malicia, comecei a corar e ele começou a descer o rosto até minha barriga a beijando e começando a ir até minha bermuda. 


















Quebra de tempo



Mais tarde Edd e Matt ainda não chegaram e eu estava deitado no sofá com uma fodida dor na bunda por causa do gigante, mas não era só eu, eu posso ser menor que ele mais quando consigo ir certo já era..hahaha.., agora ele estava deitado no meu peito dormindo quando a porta foi aberta, Matt e Edd entraram rindo e nos olharam e eu fiz "shh" e eles ficaram quietos. 

Ambos vieram até mim e Matt me olhou sorrindo fraco, retribui um pouco e Edd me pediu desculpa pelo ocorrido com Tom indo pro seu quarto e Matt pro dele, comecei a sentir o mamute se mexer e ele começou a resmungar se esfregando em mim, olhei pra ele sentindo ele roçar seu membro em mim e senti meu rosto esquentar. 

-..holly shit-TOM...-falei antes dele me "molhar" e ele acordou olhando pra mim confuso. 

-..ah..q-que?..-ele olhou pra baixo ficando vermelho e eu bati a mão na cara. 

-..eee..ops...hehehe..-ele sentou resmungando de dor e eu ri levantando devagar com um pouco de dor o ajudando a levantar, ele mordeu minha orelha me fazendo arrepiar e dei um pescotapa nele. 

-..tonto..-coloquei minha bermuda e ele a dele, já estavamos de blus então facilitou o trabalho, fomos pro banheiro tomar banho-ou quase isso por causa da taradisse dele e eu fiquei evitando rindo o fazendo fazer bico, acabei ficando destraido com o som da água e não vi ele sentar no meu colo me fazendo arrepiar, segurei o quadril dele ficando vermelho e o maior mordeu o lábio me olhando com desejo. 

-..commie...você me ama?..-ele  agora com o olhar preucupado e eu segurei o queixo dele dando um selinho no maior. 

-...claro que sim..agora vamos..to com fome..-ele bufou levantando e me ajudando a sair, nos trocamos no quarto indo pra cozinha e eu quase tive um ataque. 

-SURPRESAAAAA..-Edd e Matt surgiram do nada com um bolo na mesa e eu cai pra trás sendo segurado pelo Tom que ria. 

-..m-meu deus mais o que é isso tudo?..-falei sem entender nada e eles riram me abraçando com força. 

-..isso é só uma festinha pro nosso melhor amigo..e por termos ele devolta..-Edd falou animado me abraçando muito quase me deixando sem ar, senti meus olhos lacrimejarem e os abracei também sorrindo. 

-..v-valeu...v-vocês são os melhor amigos do mundo..-Tom tossiu falsamente fazendo-nos rir. 

-..e namorado é claro..-ele sorriu orgulhoso e eles me pegaram no colo indo pro quarto me jogando na cama. 

-GUERRA DE TRAVESSEIROOSS..- os três começaram a bater os travesseiros em mim e eu fiquei rindo com eles tentando os acertar também, eles pularam em cima de mim me esmagando e me abraçando outra vez. 

-..sanduichi humanu >:3..-Edd falou alegre e eles beijaram minha bochecha os três me fazendo voltar a lacrimejar, abracri eles com força. 

-..e..eu amo vocês caras..-falei rindo entre lagrimas e eles fizeram cara fofa tipo "ownt" me abraçando mais ainda. 

-..também te amamamos amigo..-Edd falou bagunçando meu cabelo e eu resmunguei, ficamos abraçados por não sei quanto tempo mais não importava eu estava feliz e com meus.. 






Melhores amigos...























Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...