1. Spirit Fanfics >
  2. O Anjo das Sombras >
  3. Festa - parte III

História O Anjo das Sombras - Capítulo 11


Escrita por:


Notas do Autor


Hey Hey amores!! Tudo bom?

Estão se cuidando com essa situação toda? Lembrem-se sempre de lavar as mãos e passar álcool em gel!!

Olha só quem veio com capítulo fresquinho aaaaaa

Enfim, quero muito agradecer todo amor e carinho que estão depositando em O Anjo das Sombras, sério gente, vocês são pessoas incríveis 🧡

Se preparem que agora o fervo começa hihihi

Boa Leitura 🧡

Capítulo 11 - Festa - parte III


Fanfic / Fanfiction O Anjo das Sombras - Capítulo 11 - Festa - parte III

O Anjo das Sombras


Festa - parte III


.-*-.


Salão de festas - Centro de Tóquio 


A gritaria era alta e pessoas corriam para todos os lados. 


Naruto e Hinata saíram do quarto correndo logo depois de Temari, tudo estava um caos, fumaça para todos os lados, explosões e submundanos mortos. 


Naruto não demorou para ver Shikamaru, Sasuke e Gaara já em posição de batalha, Sakura e Hanabi cuidavam da retaguarda enquanto Temari também já se preparava, por instinto, o Uzumaki colocou a Hyuuga atrás de si. 

 

—Conheço esse estilo de ataque - o loiro disse com frieza e então olhou Hinata. —São os homens da Akatsuki, fique atrás de mim. 


—Naruto… - a Hyuuga tentou. 


—Atrás de mim - o loiro mandou e os dois correram em direção aos amigos. 


As armas dos caçadores já estavam em punhos. 


—Há demônios aqui - Gaara avisou. —E caçadores também. 

 

—Vamos proteger aqueles que não podem se defender - Naruto disse firme. —Sasuke avise Kakashi que vamos precisar da ajuda dos lobos dele e Shikamaru avise Sai. 


—Certo - os dois assentiram e correram pela fumaça. 


—Sakura e Temari cuidam de Hanabi e Hinata - Naruto continuou com firmeza. —Gaara e eu vamos fazer a limpa. 


Antes que o loiro pudesse avançar com o ruivo, Hinata segurou o pulso de Naruto e o olhou nos olhos. 


—Cuidado - pediu. —Por favor. 


—Vou me cuidar - disse e saiu em direção a confusão. 


Hinata sentiu um aperto no peito e observou Naruto ir, Temari então chamou sua atenção. 

 

—Hinata, punhais prontos - a Nara mandou e a Hyuuga assentiu se despertando de seu medo. 


Não poderia vacilar. 


.-*-.


Naruto e Gaara estavam no centro do lugar, haviam demônios por todos os lados assim como caçadores, o Uzumaki estava furioso, afinal, como diabos a Akatsuki estava ali? Como sabiam que justo naquele dia as princesas do clã Hyuuga estariam lá? 


—Atrás de você! - Gaara o despertou e Naruto se virou à tempo de acertar um demônio no peito. 


Os dois caçadores estavam lutando com afinco, Gaara enfrentava um demônio oni, o ser sombrio era alguns centímetros mais alto, tinha a pele verde, a boca larga, as mãos como espadas e os chifres brotavam de sua testa o deixando completamente bizarro na visão do Sabaku. 


Com um rosnado, Gaara saltou e ergueu sua lâmina e em seguida decepou a cabeça do demônio que queimou com um grunhido. 


Naruto acertou outro demônio com raiva e viu lobos e vampiros chegarem para ajudar, Kakashi Hatake e Sai Yamanaka lutavam lado a lado, deixando todas suas rivalidades de lado apenas para protegerem aqueles que não poderiam lutar, o loiro se surpreendeu. 


—Uzumaki - uma voz grossa chamou e o loiro se virou. 


Havia um caçador parado ali, seu sorriso era maligno e Naruto teve certeza de que já havia visto aquele rosto alguma vez então colocou sua lâmina em posição. 


—Como sabiam dessa festa? - o Uzumaki rosnou e o homem sorriu. 


—Estamos nos reerguendo - ele sorriu maligno. —Chegou a hora de dar a cartada final. 


E sem dizer mais nada o homem partiu para cima do loiro, Naruto saltou e se defendeu de um golpe com sua lâmina, começaram a trocar socos e chutes, Naruto era habilidoso e veloz mas o homem não ficava para trás e devolvia os golpes com maestria. 


Naruto rosnou e sacou sua lâmina novamente, o homem fez o mesmo e atacou, Naruto gritou e devolveu o golpe com intensidade, a fúria fluindo em suas veias, com certeza iria querer saber o que diabos era aquilo e com certeza faria o culpado pagar. 


—Vou te matar seu desgraçado - Naruto avisou e desferiu um soco contra o homem. 


O homem sorriu e devolveu o soco, Naruto cambaleou e cuspiu sangue. 


—Faça o que quiser, as Hyuuga vão comigo - ele disse e Naruto observou um demônio correr na direção das mulheres. 


—Não - o Uzumaki disse e saltou na mesma direção.  


Ergueu sua lâmina pronto para acertá-lo mas então gritou quando algo queimou em suas costas, a dor foi instantânea e o loiro caiu gemendo, havia sido acertado por outro demônio, um da mesma espécie com a que Gaara lutava. 


—NÃO! - ouviu Hinata berrar e assistiu com dificuldade Temari e Hanabi matarem o demônio. 


—Naruto fale conosco - Sakura se ajoelhou em sua frente. 


O Uzumaki nada conseguia dizer, seu corpo queimava, o efeito do veneno demoníaco começando a dominá-lo, o sangue se impregnava em suas roupas e a dor era como o inferno. 


Hinata chorava enquanto observava o Uzumaki, seu coração batia acelerado e aquela bagunça toda não parecia mais fazer sentido algum, viu Sasuke correr em direção ao melhor amigo e ajudar Sakura a estabilizá-lo, Temari partiu com Hanabi em direção a confusão para matarem o resto de demônios que estavam ali, alguns caçadores inimigos permaneceram e a morena sentiu seu sangue queimar. 


Uma fúria tremenda tomou conta de si, a morena se focou no homem que sorria enquanto observava Naruto caído e se encaminhou até ele, seu corpo tremia, suas mãos abriam e fechavam constantemente, ouviu gritarem por seu nome mas ignorou e foi até o homem. 


—A herdeira do maldito Hiashi - o homem sorriu debochado e a olhou. —Não sabe o prazer que é conhecê-la pessoalmente, uma pena que viemos aqui só para deixar um avisinho. 


Eu vou matar você - Hinata respondeu cega pelo ódio. 


O homem sacou sua lâmina. 


—Tente princesinha - ele sorriu mas parou quando o corpo de Hinata se ergueu do chão em alguns centímetros. 


Seus olhos estavam num tom mais escuro, veias sobressaltadas os rodeavam, a morena conseguia ver cada ponto vital do caçador, de suas mãos faíscas roxas saíam, a raiva lhe dominava e a morena se sentia como uma bomba prestes a explodir. Então tudo se silenciou, tudo ficou quieto quando uma voz feminina ecoou em sua cabeça. 


"Deixe queimar, querida".


E aquele foi o estopim para tudo, Hinata gritou e prendeu o homem num círculo de fogo, ele gritou quando as chamas cresceram e Hinata sussurrou com o tom de voz completamente diferente. 


Arte das Sombras: Rainha da Noite.


O homem tentou recuar assustado perante a figura em sua frente, seu olhar era mortal, sua beleza mostrava o quão perigosa era e sua força poderia ser comparada com a da natureza, parecia um anjo, o anjo que traria seu fim. 


Várias pétalas de cor rosada surgiram cercando o homem que gritou, sua visão havia sido tomada, estava cercado e completamente desnorteado, Hinata estalou os dedos e as chamas ali presentes o queimaram. 


Lentamente Hinata foi retornando ao chão completamente sem forças, antes que caísse com tudo, braços firmes a seguraram, seu corpo doía, seus olhos mal conseguiam ficar abertos por segundos, era como se toda sua força fosse sugada. 


—Naruto - sussurrou.


"A perdição de seus inimigos e a luz que habita nas sombras, a escolhida para fazer a paz reinar, o anjo das sombras".


Foi a última coisa que ouviu e então a Hyuuga se entregou a escuridão. 


.-*-.


2 dias depois 


ANBU - Sede dos Caçadores de Sombras. 


Hinata acordou assustada, os acontecimentos da festa rondavam sua mente, a última coisa que se lembrava era de ver Naruto caído no chão sangrando com um grande corte nas costas. 


—Tá tudo bem - a morena ouviu a voz de Hanabi. 


Piscou algumas vezes e se focou na irmã mais nova, que tinha um sorriso pequeno e olheiras. 


—Quanto tempo eu apaguei? - sussurrou se levantando com dificuldade. 


—Dois dias - Hanabi respondeu calma e estendeu um chá para a irmã. —Se lembra de tudo? 


—A última coisa que me lembro é de ver Naruto caído - Hinata confessou e Hanabi sorriu. 


—Você surtou depois disso - a mais nova falava calma com a mais velha. —Despertou o byakugan e seus poderes, matou o homem que havia lutado com Naruto e Gaara lhe amparou quando você estava próxima de cair, sussurrou o nome de Naruto antes de apagar. 


—Eu matei um homem… - Hinata sussurrou perdida. 


Hanabi segurou suas mãos. 


—Se acalme - pediu a morena. —Sabe que fez o certo, não se culpe com isso, era a gente ou ele, então a culpa não foi sua e você fez certo. 


—Tudo bem - Hinata assentiu e uma súbita preocupação lhe dominou. —E você? Se machucou? Está bem? 


Hanabi sorriu e bagunçou os cabelos da irmã mais velha. 


—Matei meu primeiro demônio - a Hyuuga sorriu orgulhosa. —E sim eu estou bem, zero ferimentos. 


Hinata respirou aliviada e abraçou sua irmã mais nova, as lembranças que Tsunade havia recuperado tomaram suas memórias e a morena se segurou para não chorar. 


—Me desculpe por não ter feito nada - a morena sussurrou e Hanabi entendeu que falavam sobre a mãe. 


—Você era uma criança e a mamãe jamais iria deixar você se meter naquilo - Hanabi disse com calma. —O que importa é que estamos juntas aqui. 


—E sempre vamos estar - Hinata garantiu com firmeza enquanto Hanabi sorria. 


—Precisa ir ver seu Naruto - a mais nova disse e Hinata corou até seu último fio de cabelo. 

 

—Ele não é meu - a morena repreendeu. 


—Ah é sim - Hanabi sorriu travessa. —Naruto sofreu de febre devido ao veneno demoníaco em suas veias, ele só chamava por você nos delírios dele, você era a preocupação dele. 


—Meu Deus - Hinata sussurrou. —Ele já está acordado? 


—Sim - Hanabi sorriu e estendeu a mão para a irmã. —Quer ir vê-lo? Depois aviso aos outros que acordou. 


—Por favor - a Hyuuga suplicou e a mais nova sorriu. 


Hanabi ajudou Hinata a levantar e as duas seguiram em silêncio até o quarto do loiro, a Hyuuga mais nova deu duas batidas na porta e quando ouviu um entra, abriu a porta e ajudou Hinata a entrar. 


—O motivo dos seus delírios acordou - Hanabi avisou e colocou Hinata sentada ao lado do Uzumaki deitado de bruços. 


—Hanabi! - Hinata repreendeu com as bochechas queimando. 


—Falei a verdade - disse e saiu do quarto. 


Os dois permaneceram em silêncio por alguns instantes e então para a surpresa de Hinata, foi Naruto quem o quebrou. 


—Como está, Hyuuga? - perguntou e a morena suspirou. 


—Fisicamente e mentalmente exausta mas bem - respondeu com cautela. —E você? 


—Do mesmo jeito - o loiro disse calmo. —Fico feliz que tenha acordado, fiquei preocupado com você. 


Hinata sorriu com calma. 


—Eu agradeço - disse simples. —Como se sente? Precisa de algo? 


Naruto suspirou e analisou o rosto delicado da morena, não precisava de nada somente da presença dela ali e era como se tudo estivesse em seu devido lugar, um sentimento estranho para o loiro mas aceitável. 


—Preciso que fique - seus lábios o traíram. 


Hinata corou e assentiu de cabeça baixa. 


—Fiquei desesperada quando te vi machucado - confessou baixinho. —Uma fúria me dominou e eu perdi o controle de mim mesma, nada mais importava, eu apenas queria vê-lo seguro e bem. 


Naruto sorriu fraco. 


—E quase nos matou do coração - o Uzumaki sorriu. —Quando acordei me disseram que ainda dormia, então pedi para Hanabi que eu fosse o primeiro a vê-la já que só saio dessa cama amanhã. 


—Já? - Hinata se assustou e Naruto riu um pouco. 


—Nós nos curamos com nossas marcas, lembra? - lembrou e a Hyuuga assentiu. —Vou ficar com uma cicatriz catastrófica nas costas, me sinto arruinado. 


Hinata riu e timidamente tocou as costas do Uzumaki, não sabia exatamente o que estava fazendo mas traçou com exatidão a linha da cicatriz enquanto a observava sumir com o toque. 


Naruto tinha seus olhos fechados aproveitando o toque delicado da morena, jamais havia permitido que alguém se aproximasse daquela forma mas com Hinata era diferente, tudo com aquela garota funcionava de uma forma diferente. 


—Não vai mais ter cicatriz - a morena sussurrou. 


—É uma mestiça - Naruto disse e a morena suspirou. 


—Não sei como lidar com isso, não sei lidar com o fato de que tenho poderes instáveis - confessou e Naruto respirou fundo. 


Conhecia bem a sensação. 


—Vai se acostumar e Tsunade pode lhe ensinar a lidar com isso, estávamos te esperando para finalmente podermos falar de tudo o que aconteceu naquela festa - Naruto foi sincero. —Grandes coisas estão vindo por aí, temos uma caçada pra começar. 


Hinata o olhou nos olhos. 


—Quem vamos caçar? - foi direta. 


A Akatsuki. 


Notas Finais


Haaaaa acabou!!! E ai? Gostaram?

Eitaaaa que a cobra fumou pra todo mundo meu povo!!

HINATINHA PISTOLOU LEGAL NÉ NÃO?

Nossa Hyuuga é muito forte gente ai ai só orgulho dessa bebê 💜

Ansisos para vê-la treinando com Tsunade???

E esse momento de irmãs? Ai simplesmente amo muito muito 💜

Hinata é literalmente os motivos de delírio do Narutinho gente KKKKKKKKK

E esse momento final Naruhina??? Hihihih foi só pra deixar vocês na vontade mesmo rs

A caçada vai começar galera rs

Enfim amores, espero que tenham gostado e me perdoem por qualquer errinho!!

Se cuidem e até a próxima 🧡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...