História O Apartamento - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Sou Luna
Tags Simbar
Visualizações 32
Palavras 743
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oi galera! Estou muito feliz de estar aqui começando essa fanfic desse casa que eu amo tanto! Espero que gostem! Beijos! Até lá em baixo!

Capítulo 1 - Deve ter havido algum engano!!


Fanfic / Fanfiction O Apartamento - Capítulo 1 - Deve ter havido algum engano!!

O Apartamento

Capítulo 1 - O Engano

 

Pronto! - Âmbar Smith acabara de assinar um contrato de venda, ela havia comprado um apartamento em NY para residir. Saiu de casa cedo, pois seus pais eram muito exigentes e ela precisava de tempo para decidir o que iria fazer da vida.

Ótimo querida! - a corretora de imóveis pegou papel e a caneta que havia entregado a Smith e observou sorridente. Era uma mulher bem excêntrica e arrumada, com longos cabelos vermelhos e olhos castanhos. Ambar sorriu para ela e foi embora da corretora buscar seus pertences no hotel onde estava para levar a sua nova casa. Pediu um táxi que a deixou em frente a um enorme prédio com a fachada bege e vermelha. Ela entrou carregando sua enorme mala preta e subiu no elevador até o segundo andar a procura do apartamento 23, e quem procura, acha! Ao encontrar o apartamento, ela saiu procurando a chave em sua bagunçada bolsa cor de caramelo. Naquele momento, o elevador se abriu e um rapaz alto, moreno, de grande porte dirigiu-se pelo corredor em direção a Âmbar e parou em frente ao seu novo apartamento:

Boa Tarde! - ele tirou uma chave de dentro do bolso e tornou a tentar abrir o apartamento da moça, que ficou indignada.

O que está fazendo?! - ela perguntou impedindo o rapaz de colocar a chave na fechadura

Estou tentando entrar no MEU apartamento! - ele disse não entendo muito bem a pergunta da moça a sua frente

Não,você deve estar enganado! - ela refutou furiosa - Este é meu apartamento, veja, é o número 23!

Exatamente! Esse apartamento é meu! Fechei o contrato de venda dele semana passada!

Mas eu fechei o contrato de venda dele hoje pela manhã! - ela exclamou embasbacada - Veja, eu tenho a chave! - ela tirou a chave de bolsa e percebeu algo estranho: a chave que ela possuía era exatamente idêntica a do rapaz a sua frente  - Não pode ser…

A chave é exatamente igual… - o rapaz completou e tornou a abrir a porta, eles tentaram entrar ao mesmo tempo e ficar presos a porta, com um pouco de esforço, conseguiram entrar

Você não é nem um pouco cavalheiro, não é?! - Âmbar perguntou se recompondo

Como é?! - ele perguntou um tanto irritado

Todo cavalheiro sabe que uma dama sempre entra primeiro!

Perdão,mas,não tenho obrigação nenhuma de permitir que você entre primeiro, afinal,o apartamento é meu!

Já disse que esse apartamento não é seu! Eu fechei  contrato de venda esta manhã! Veja só! - ela estendeu a ele o contrato que tirara da bolsa

Não pode ser… - ele falou após dar uma boa olhada - É exatamente igual ao meu! - ele tirou a mochila que carregava nas costas e pegou seu contrato que era exatamente igual ao dela

Não é possível! Mas que merda! - ela gritou, o rapaz se assustou com o linguajar da moça, que parecia tão delicada - Rápido,temos que ir a imobiliária agora mesmo! Vamos! - ela estava bem alterada, o rapaz achou melhor não contrariá-la e a seguiu!

 

 

Os dois chegaram a imobiliária e logo que entraram, Âmbar avistou uma atendente que havia conhecido naquela manhã:

Ana? - ela perguntou a chamando - Oi! Sou eu, Âmbar! Estive aqui esta manhã para fechar um contrato de venda! Sabe onde posso encontrar a Vanessa? É que houve um engano e preciso falar com ela urgentemente!

Perdão, mas, nos conhecemos? - Ana parecia confusa

Claro que sim! -Âmbar disse sorrindo nervosa

Não me recordo.

Deve se lembrar de mim? - o rapaz interviu - Sou Simon Alvarez, eu estive aqui semana passada

Também não me lembro de você - Ana estava constrangida

Tudo bem! - Âmbar completou - Deixe para lá!  Sabe onde posso encontrar a Vanessa?

Que Vanessa? - Ana perguntou confusa -tem certeza de que estão na imobiliária certa?

Sim! - eles disseram em uníssono.

Sinto muito, mas essa funcionária não trabalha aqui!

Ambos saíram decepcionados da imobiliária e pegaram um táxi até o apartamento:

O que faremos agora? -Âmbar perguntou frustrada

Eu tenho um cartão com o endereço,amanhã podemos ir a sua casa e tentar esclarecer tudo! - Simon disse esperançoso

Mas o que faremos agora? - Âmbar perguntou estressada - Não tenho para onde ir a não ser o apartemento!

Então acho que vamos ter que… - Simon deu uma pausa - Morar juntos…

Oi?! -Âmbar perguntou indignada


Notas Finais


E ai? Gostaram? O que será que vai acontecer com esse dois hein? Até a próxima!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...