1. Spirit Fanfics >
  2. O bosque... -Sycaro >
  3. -Capítulo 3.

História O bosque... -Sycaro - Capítulo 3



Notas do Autor


Erros serão aceitáveis, pois escrevi isso nessa madrugada.

Fui dormir às 3 e acordei agora, pode apostar que nem tô com sono 😔👍

∆•°•°•°•°•°IMPORTANTE°•°•°•°•°•∆

✨Mas falando de coisa boa, amanhã é meu aniversário. Mas quem vai ganhar os presentes, vão ser vocês ou seja terá atualização de lemons amanhã.

As fanfics que serão atualizadas:

• Saiko, you are ponking me ! - Entre as 8 á 9 da manhã.

• A última noite. - Entre as 13 á 14 da tarde.

• Essa live promete. - Entre as 19 á 21 da noite.

✨ Conto com vocês nesses horários ✨

- Não conhece essas fics?
- Vai ler, depois então. Prometo que não sai tão ruins...



Boa leitura✨

Capítulo 3 - -Capítulo 3.


Fanfic / Fanfiction O bosque... -Sycaro - Capítulo 3 - -Capítulo 3.

VOCÊ LEU AS NOTAS DO AUTOR NÉ?

PORQUE TEM ESCRITO, EM CAPSLOCK 'Importante' E É ALGO BOM ! 

((SE VC  NAO LER, NÃO IRA ENTENDER O QUE VAI ACONTECER AMANHÃ))

ENTÃO VAI LEER...





Pronto já leu né? 

Então vamos começar...







(Pov: Ycaro)

As horas na faculdade passaram voando e quando ycaro menos percebeu já estava na hora de voltar para casa. E isso significava algumas coisas preocupantes, como que já estava anoitecendo e teria que voltar pra casa sozinho e novamente pelo bosque, que no qual tinha certeza que não tinha decorado o caminho.



Será que Saiko, o seu amigo realmente o estaria esperando como o combinado ou será que teria que pedir informações para alguma pessoa, claro, se houver mais alguém lá. Essas eram uma entre suas maiores preocupações, que ficaram em sua cabeça durante todas as suas aulas e até agora não tinha uma resposta ou hipotse do que realmente poderia acontecer, até porquê era de vastas assustador, ainda mais por ser um ômega que até poucos dias atrás não saia de casa sozinho.



Assim que o sinal bateu, sinalizando que já estava na hora de ir para casa. O loiro cuidadosamente arrumou sua mochila em suas costas. E caminhou cuidadosamente em direção ao bosque, muitas das pessoas apenas o olharam e foram pra outras direções, isso causou uma sensação estranha no pequeno ômega, pois realmente ninguém mais iria pelo bosque como ele?



Assim que o mesmo entrou no vasto bosque e foi na única direção possível, na qual era para mais perto daquela densa floresta. Um forte cheiro se fez presente, não era um cheiro ruim, bem, pois muito pelo contrário era um cheiro forte, amadeirado e o estava quase o hipnotizando. O loiro poderia dizer facilmente que o cheiro o estava deixando muito interessado, para descobrir da onde vinha, se era de algum animal ou algo assim.



Quanto mais caminhava mais o cheiro ficava intenso, isso já estava se tornando uma tortura para seu cérebro que fritava tentando descobrir da onde esse bendito aroma intenso vinha. Tão concentrado em seus pensamentos o loiro nem percebeu que uma sombra o seguia por dentro das árvores e das pequenas plantas que tinham densas folhagens.



" E não é que o pequeno ômega voltou por aqui mesmo..." _ Uma voz rouca pode ser ouvida e fez o loiro paralisar. Sentindo seu corpo todo se arrepiar de medo e pelo susto, ycaro começou a procurar o responsável por essa voz, mechendo sua cabeça de um lado para o outro em uma esplêndida velocidade.



Assim que Araújo achou a pessoa que havia falado, o mesmo sentiu todos os seus músculos relaxarem. Afinal era apenas Saiko, e o mesmo era seu amigo não é mesmo ? Mas o que ele fazia no meio das árvores e plantas tão densas como essas ? Era umas das perguntas mais intrigantes que seu cérebro fazia, mas o mesmo se recusava a perguntar, afinal não queira que o outro o achasse tão fuxiqueiro por querer saber de coisas não importantes digamos assim ou infantil por sempre perguntar o porquês das coisas que não conseguia compreender.



" Desculpa pelo susto, hahahahah" _ Mais uma vez falou Saiko, enquanto ia em direção ao loiro que continuava paralisado como pedra.



 " Hahaha.. Mas é sério doido que cheiro é esse ?" _ Perguntou Ycaro enquanto começava a seguir Saiko.



" Já não falei que não sei !?" _ Respondeu Saiko amargamente, enquanto pegava um cigarro em seu bolso.



" Você deve morar pro norte né ? Aonde tem aqueles prédios altos pelo visto ..." _ Perguntou Saiko mais pacificamente enquanto acendido o cigarro e botava-o entre os lábios.



" Eu moro pra lá mesmo, como sabia ?" _Falou ycaro totalmente surpreso, pelo moreno ter acertado tão facilmente.



" Você realmente parece ter sido criado afastado do mundo e por não ter noção do perigo... Hahaha... _ Falou Saiko com uma entonação engraçada antes de dar uma última tragada no cigarro e assoprava a fumaça calmamente.



" Perigo ? Que perigo eu estou correndo ?" _ Perguntou o loiro enquanto olhava para os lados em busca de algum bandido mascarado, como nos quais apareciam em filmes e desenhos.



" Nada não vamos logo que já está anoitecendo..." _ Disse o moreno, enquanto fazia sinal com a mão para Ycaro o seguisse.







 •°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•






Após um bom tempo caminhando, Ycaro começou a estranhar o caminho. Afinal o menso tinha certeza que não tinha andado por aquele caminho não. Havia muitas plantas coloridas, e muito mais trilhas que levavam há mais caminhos diferentes, certamente estavam no caminho errado.



" Tem certeza que estamos no caminho certo?" _ Perguntou ycaro pela milésima vez.



" Claro que estamos no caminho certo, para de perguntar isso... Ham..... Está com sede ?" Perguntou Saiko enquanto mudava de assunto e puxava mais um cigarro.






•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°





Assim que ycaro avistou uma pequena casinha de madeira o mesmo tinha cem por cento de certeza, eles haviam pegado a trilha errada. Mas quando Saiko começou a caminhar em direção a cabana o mesmo estranhou ainda mais. Teorias e mais teorias começaram a passar por sua cabeça mas em questão de segundos sua mente parou, seu pulmão esqueceu de como respirava e suas pernas viraram gelatina, os segundos que o mesmo passou tentando manter o equilíbrio e engolindo uma grande quantidade de saliva que se encontrava em sua boca, pareciam infinitos. 



Mas tudo parou quando a voz do moreno ecoou por aquela parte vazia do bosque, que  fez o mundo parar de girar por um pequenos segundos.



" Entra e não questiona ..." _ A voz rouca, mas forte do alfa ecoou assustadoramente.



Por mais que tivesse vontade, de virar e sair correndo pedindo por socorro. O loiro não conseguiu fazer nada além de obedece em silêncio. O menor sabia que uma voz de um alfa nunca poderia ser desobedecia, e esse era o seu casso. Por mais que o medo o estivesse o deixado paralisado, seu ômega interior o estava movendo automaticamente em direção a pequena cabana.



" Você não tem ideia do quanto eu esperei por isso..." A voz rouca do alfa pode ser ouvida novamente enquanto o mesmo entrava e fechava a porta atrás de si.







O que será que irá acontecer?

Ycaro chegará em casa são e salvo?

• Ycaro chegará em casa ?

• Ycaro sairá dessa vivo?

• Saiko apenas irá conversar com ele dentro daquela cabana de madeira ?

• Saiko realmente irá abusar de Ycaro ?

• Ycaro conseguirá fugir de Saiko? 

• E aquele cheiro lá, provavelmente é de algo importante. Para ser citado tantas vezes não acha?



Aí aí são tantas perguntas...

Quer tentar sua teoria sobre elas ? 

Vai em frente 








Notas Finais


Conto com vocês amanhã quando atualizar essas histórias nesses horários...

Gostaram do capítulo, vai admite você quer saber logo o que vai acontecer...
Até eu quero saber e olha sou eu que escrevo kkk


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...