1. Spirit Fanfics >
  2. O brilho da noite >
  3. Tensão

História O brilho da noite - Capítulo 4


Escrita por:


Notas do Autor


Esse capítulo tá top

Capítulo 4 - Tensão


Fanfic / Fanfiction O brilho da noite - Capítulo 4 - Tensão

* P.O.V Raquel *

Acordo depois de muito tempo que o meteoro atingiu o chão, uma boa noite de sono sempre é boa. Me sento na cama. Júlia é a única que está dormindo. Olho no meu celular e já são umas 10:30 da manhã. Penso no meu futuro. Quero trabalhar com desenho. Depois de um tempo juntando coragem me levanto, faço todas as necessidades e vou até Tenshi e Juan.

- Bom dia capivara - diz Juan.

- Bom dia baleia - o respondo - Você não consegue ficar um dia sem causar um terremoto?

- Vai se ferrar.

- Bom dia, Raquel - Tenshi fala - Você vai querer ir buscar o Super no aeroporto? 

- Pode ser, mas vamos para lá de uber ou o que?

- Eu tava pensando em esperar a Jooj acordar para perguntar se ela pode emprestar o carro dela

- Por que não acorda ela?

- Porque estava esperando você para acordar ela

- Ótimo - digo sorrindo 

Vou até ela na maior calma do mundo, pego alguma coisa que pareça barata e joga nela. Ela imediatamente sai da cama rapidamente gritando. Sinto que meus ouvidos sangraram depois dos gritos. Ela olha em volta da cama.

- CADÊ ESSA MERDA? - Júlia pergunta.

Pego a folha e mostro para a minha prima linda e maravilhosa que quase me deixou surda.

- Vagabunda, eu tava dormindo de boas, suave na nave, e você faz uma parada dessas.

- Porque você vai levar a gente para o aeroporto. Temos que buscar o Super - falo.

- Então é melhor eu me trocar. - ela diz.

Júlia está com o cabelo todo bagunçado e com uma cara mau humorada. A mesma vai em direção ao banheiro se arrumar. Depois de um tempo ela sai do banheiro, ela está com uma cara um pouco melhor, só um pouco, com os cabelos arrumados, um macacão verde escuro e um all star. Tenshi está usando uma camisa xadrez vermelha, um jeans e um sapato, ele parece um cowboy que perdeu o chapéu. Eu estou uma calça preta, uma bota preta e uma camiseta de mesma cor.

- Juan não vai pois ele vai quebrar meu carro - Júlia diz

- Além de quebrar vai entalar. - Tenshi zomba também 

Eu, Tenshi e Júlia saímos do quarto e vamos em direção ao estacionamento.


* P.O.V Lucas *

Fico mexendo no meu iPhone 11 deitado ao lado de Igor esperando o mesmo acordar. Eu deveria ter levantado e ir fazer alguma coisa mas é confortável estar nos braços de Igor sem que Super interrompa. Eu amo Igor mas não tenho certeza se ele me ama de volta por isso ainda não falei meus sentimentos por ele. Dou uma olhada em volta e não vejo Kalel e Onix. Decido acordar Igor, o balanço com cuidado e ele me olha.

- O que foi? - ele pergunta

- O Kalel e o Onix sumiram. - respondo

- Eles devem ter ido no quarto do Juan

- Então vamos para lá? - pergunto 

Igor concorda, se levanta e começa a se arrumar. Faço o mesmo. Saímos do quarto e batemos na porta ao lado. Onix abre para nós. Cumprimentamos ele.

- Onde está Tenshi? - Igor pergunta

- Ele saiu junto com a Jooj e a Raquel para buscar o Super no aeroporto. - responde Juan

Congelo. O Super está vindo aqui também...? Eu não gosto dele, porque ele fica dando muito em cima de Igor, e teve uma vez que ele quase abusou do meu amado. Tenho medo de Igor e Super sozinhos de novo. Olho para Igor e vejo que ele está pálido.

- Quem chamou ele?! - pergunto

- A Jooj - Juan diz

Fico extremamente irritado, como ela ousa convidar aquele merda?! Bom, o que me resta é não deixar ele se aproximar de Igor porque se ele se aproximar Igor pode acabar gostando dele e não quero que isso aconteça. Começo a conversar com o pessoal para me acalmar um pouco.

* P.O.V Davi *

Olho para o relógio no meu pulso várias vezes. Não me importo de esperar mais um pouco desde que eles venham. Estou feliz por poder ir passar um tempo com o pessoal, principalmente Igor. Sinto vontade de chamar ele para trabalhar comigo. Eu trabalho como ator de conteúdo adulto pois sou lindo e maravilhoso. Meu sonho é fazer parte da playboy. Olho para o lado e vejo Tenshi, Jooj e mais alguém vindo em minha direção. Cumprimento Tenshi e Jooj e me apresento para a prima de Jooj que nunca tinha visto antes.

- Por que vocês demoraram?

- É que a Jooj quase atropelou, 7 crianças, uma idosa e dois gatos. - Tenshi responde.

- Ela vai dirigir de novo? - pergunto.

- Vou.

- Não - Eles falam ao mesmo tempo - Você é péssima dirigindo, a Raquel que vai dirigir.

- Tá bom... - ela diz

Nós conversamos um pouco e fomos para o estacionamento. Só espero que Raquel dirija bem.

* P.O.V João *

Bebo um copo de água. Sinto que estou mais próximo do kalel, mesmo que ele seja maconheiro e faltando um parafuso na sua cabeça é legal de conversar com ele. Escuto um barulho na porta, olho na direção e ela se abre. Todos olham para quem estava entrando. De repente sinto uma tensão no ar.

- Eae - diz Super

Todo mundo fica em silêncio. Me sinto desconfortável. Olho em volta e vejo Wesley com uma cara de ódio. Aparentemente aconteceu algo entre ele, Super e Igor. Ele vai até Jooj e a leva para longe. Finalmente decido quebrar o silêncio e falo:

- Eae Super, como você tá?

- Estou bem - ele responde.

- Você tá fazendo conteúdo para o Xvideos né? Eu vi um vídeo e fiquei traumatizado pelo resto da minha vida.

Todo mundo começa a me zoar por causa que fui no Xvideos e então o clima volta ao normal. Agora eu me pergunto o que será que wesley foi falar com a Jooj.

* P.O.V Júlia *

Wesley me arrasta até um par que tem ao lado do hotel. Fico confusa por ele me arrastar assim do nada. Ele para quando está em baixo de uma árvore.

- Como você ousa chamar aquele verme para cá? - ele pergunta furioso.

- Ele faz parte do grupo, não tem sentido excluir ele.

- Você sabe o que ele pode fazer com o Igor? Ele já quase abusou do Igor!

- Abuso..? Você tá falando de quando o Super abraçou ele ano passado? Aquilo não foi abuso. E espera... você tá querendo excluir ele só por que ele tava perto da sua princesinha? Sério? 

Ele fica quieto. Suspiro fundo.

- Eu não vou deixar você excluir ele só por causa de um motivo bobo.

Começo a sair de lá até que ele fala e paro.

- Eu tenho dó de você. Eles sempre esquecem de você quando vão fazer algo juntos e nunca ligam para o que você fala.

- Eu não preciso que você tenha dó de mim, aliás, isso que você falou não é verdade e você só está tentando me deixar mal pois está irritado.

Saio de lá, volto pro hotel e vou até a piscina. Fico sentada molhando apenas os pés. Sei que o que Lucas falou não é verdade mas acabou me afetando um pouco. Fico pensando sobre isso por um longo tempo até alguém me interromper.

- Eae sumida - diz tenshi.

- Oi Gabriel - digo.

- Tá tudo bem? Do nada o wesley te arrastou - ele se senta ao meu lado.

- É que ele tava bravinho porque eu chamei o Super e o Super ia roubar o Igor dele e um monte de bosta.

- Entendi.

Nós ficamos em silêncio por bastante tempo.

- Você gosta da minha companhia? - pergunto.
- Claro que gosto, por que?
- Eu tô um pouco mal, sabe?

Ele me abraça para me confortar. Ficamos em silêncio novamente, olhando em volta até anoitecer. Me levanto.

- Acho que está na hora do jantar, você quer ir comigo? - pergunto.

- Pode ser - ele se levanta e vai até o salão de jantar comigo.


Notas Finais


Opa meu consagrado. Obrigado por ler.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...