História *o brilho na escuridão (imagine namjoon) - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Visualizações 17
Palavras 1.969
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção Adolescente, Magia, Sobrenatural, Terror e Horror
Avisos: Álcool, Linguagem Imprópria, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


boa leitura*

Capítulo 1 - Dias após dias


Fanfic / Fanfiction *o brilho na escuridão (imagine namjoon) - Capítulo 1 - Dias após dias

olá me chamo (s/n) e eu não ou humana nem nada do tipo eu sou... eu sou um demônio bom vou ser mais específica eu sou a princesa do submundo ,e eu odeio isso primeiramente por que todos acham que vou fazer o mal segundamente eu queria ter uma vida normal terceiramente eu queria poder ter sentimentos, bom eu tenho 18 anos amanhã vou fazer 19 e bom quando as princesas do submundo fazem 19 anos podem escolher o que querem ser tipo ,um anjo,um demonio,um lobisomem e um vampiro bom eu vou fazer um pedido diferente de todos vou pedir que eu possa ir para o mundo humano e que eu tenho uma vida normal

eu estava sentada em minha cama e logo aparece um pássaro ele pousa em minha janela e logo vem em minha direção e ele vira um humano 

(s/n)-QUE SUSTO DEMONIO-eu caio da cama 

Mark-hahaha desculpa vc sabe que eu amo de dar sustos-ele me ajuda a levandar 

(s/n)- na próxima vez eu vou mandar prender vc-eu me sento em minha cama do lado dele

bom o mark e meu melhor amigo e ele e um librito a mãe dele e una humana e o pai um demônio,a mãe dele morreu quando ele nasceu,ele viveu no mundo humano um tempo mais teve que voltar para o submundo quando vez 10 anos,ele e um Príncipe também mais de outra parte do submundo ele tem 18 anos também e ele me falou que vai comigo para o mundo humano 

Mark-e ai animada para amanhã-

(s/n)-mais ou menos-me deito- acho que meu pai não quer perder a "princesinha" dele 

Mark-eu acho que ele vai deixar-ele sorri-e se deixar me fala pois lembra que eu vou junto com vc

ele vem até mim e me abraçar 

(s/n)-ok eu falo-a gente se separa 

ele vira um passaro e logo sai pela minha janela ,eu como já estava de pijama me arrumo em minha cama e fico pensando no que meu pai ira falar, fico pensando nisso e logo adormeço 

dia seguinte 

acordo com uma das empregadas me acordando e falando parabéns eu sorri me sentei na minha cama e me espreguiçei,me levandei fui até o banheiro tomei um banho e fiz minhas higienes matinais e logo me visto minha roupa(um vestido preto,uma coroa preta com um rubi,e um salto) eu saio de banheiro vou até minha cama e me sento nela começei a cantarolar uma musica que minha mãe cantava pra mim quando ainda estava viva, sem notar estava chorando e minhas asas estavam expostas limpo minhas lágrimas arrumo minhas asas que por sinal eram bem grandes que nem de minha mãe,saio de meu quarto e desço as escadas chegando na sala do trono onde não vi meu pai 

(s/n)-pai você esta aqui-ouso um barulho no teto quando olho pra cima era meu pai 

eu dou um risada e logo tou um impulso e começo a subir o fato de minhas asas serem grandes sem quere quebrei a janela 

(s/p)- eae filhota -ele vem até min e me abraça-parabéns já e quase uma adulta-ele sorri 

(s/n)-obrigada papai-eu também sorri-que horas os convidados iram chegar 

(s/p)-daqui a pouco, agora vamos descer daqui antes que quebramos mais algo

eu começo a rir e logo começamos a descer, a só por falar só os demônios de sangue real tem asas eu sempre pergunto a o meu pai o por que de minhas asas serem tão grandes ele fala que e por que puxei isso de minha mãe mais acho estranho pois minhas asas são maiores ,por que sei disso bom meu pai ten as asas de minha mãe quando ela morreu mandaram achar o corpo dela e pegar as asas, eu nunca acretido em meu pai de mim ter puxado minha mãe pois quando eu era pequena aconteceu uma coisa meio traumática 

flashback on

eu tinha 10 anos e bom eu queria muito conhecer a vila dos trovões e então sai do Castelo sem meu pai deixar começei a andar pela vila e todos me olhavam estanho eu não entendi até um menino ele era estranho não parecia vim do submundo,ele vê que eu estou olhando pra ele e sai corrento deixando cair um livro,eu olhei nesse tal livro e na capa estava escrito  diário de demônios eu guardei esse ta diário em minha bolsa eu dei meia volta e começei a andar de volta a o castelo mas sinto alguém pegar em minhas asas eu me assusto

(s/n)-ME SOLTE-eu tentava me soltar mais sinto que uma coisa foi colocada uma coisa em minhas asas que me deu uma dor horrível 

quando olhei era uma faca eu começei a chorar e gritar de dor o tao demônio tirou a faca e colocou de novo só que em outra parte eu só conseguia chorar 

Xxx-VOCÊ E UM ANJO O QUE ESTA FAZENDO AQUI SUA VADIAZINHA- eu só chorava eu sempre odiei ter asas brancas -RESPONDA

(s/n)-EU SOU DAQUI EU SOU QUE NEM VOCÊS-eu chorava muito mais ainda tinha forças para falar

Xxx-SOLTEM MINHA FILHA SEUS DESGRAÇADOS-todos se assustam e olham pra frente 

logo sou solto e vejo todos se curvarem e quando olho era meu pai ele corre até mim e me pega no colo 

(s/p)-por que saiu do castelo sem minhas permissão

(s/n)-de-desculpa- quando termino de fala logo desmaio pois estava fraca 

flashback off

quando vou ver sinto uma lagrima em meu rosto mas passo a mão em meus olhos pois não queria chorar de novo me sento no meu trono junto de meu pai e logo começo a ver os convidados entrando todos me deram parabéns e vejo Mark e vou correndo até ele e logo o abraço (autora:num sei porque  mais já estou shippando) 

Mark-calma menina assim me mata-ele retribui o abraço-a e parabéns 

(s/n)-obrigada Mark-eu sorri 

eu e ele ficamos conversando coisa ben aleatóriaas sobre o que meu pai iria dizer ,e ele me contou como era a vida no mundo humano, ate meu pai começar a reunir todos para o meu pedido 

(s/p)-POR FAVOR QUERO A ATENÇÃO DE TODOS POIS AGORA E A HORA DE MINHA FILHA FAZER O SEU PEDIDO-eu vou até o lado de meu pai e todos ficaram me olhado 

(s/n)-olá a todos aqui bom o meu pedido sera diferente de todos em anos -todos me olham curiosos, eu suspiro-o meu pedido e poder ir para o mundo humano-todos me olham com cara de "como assim e isso memo"

(s/p)-E O QUE-olho pra ele assustada-VOCÊ NÃO IRA PARA O MUNDO HUMANO DE JEITO NEM UM ,JA PERDI SUA MÃE NAQUELE LUGAR NÃO VOU PERDER VOCÊ TAMBÉM 

eu o olho surpresa 

(s/n)-EU VOU PARA LÁ SIM

(s/p)-EU JÁ FALEI QUE NÃO (seu nome completo)

(s/n)-ENTÃO QUER QUE EU TENHA UMA VIDA INFELIZ ESCOLHENDO O QUE NÃO QUERO SER , ESCOLHENDO SER O QUE EU NÃO SOU-eu começo a chorar e vejo que eke também 

(s/p)-eu desisto ok você podera ir mais você vai ir com alguém e sempre voy mandar um guarda para ver como você esta-eu sorri e logo o abraço 

(s/n)-obrigada pai-eu começei a chorar de alegria 

eu falei para meu pai que o Mark iria comigo, quando acabou o baile todos foram embora menos o Mark eu levei ele em meu quarto e já começei a arrumar minhas malas coloquei muitos vestidos meus, fui até minha antiga bolsa a peguei e a abri lá tinha aquele tal diário que nunca abri então o abri e começei a ler a 1 página 

" olá meu nome e kim namjoon tenho 10 anos eu adoro coisas sobrenaturais e tudo nesse diário irei relatar todos os acontecimentos bizarros que já aconteceram e vão acontecer em minha vida "

o Mark começou a falar tirando minha atenção do livro 

Mark-e ai esta animada para ir a o mindo humano

(s/n)-estou muito animada-fechei o diário e coloquei em minha bolsa 

meu pai nos deu uma pedra nela a gente pode se telepordar para onde a gente quiser então usaremos ela para ir ao mundo humano, o Mark já arrumou sua mala e tudo meu pai aparece em meu quarto 

(s/p)-adeus filhota-ele me abraça e eu retribuo-cuide bem de minha filha garoto-ele bagunça o cabelo de mark 

mark-pode deixar senhor -ele me abraça de lado

(s/n)- tchau pai-eu sorri

pego a pedra e falo o encantamento e ela logo nos teleporda para um lugar bem estranho,o Mark falou que era uma casa eu entro nessa tal casa e ela era bem bonita amei ela começo a subir as escadas abro uma porta e lá era meu quarto eu amei ele, fui até minha mala peguei uma poção e a tomei o que fez minhas asas sumirem  estava de manhã então o Mark falou para mim me trocar que a gente ia sair eu coloquei a roupa que ele me deu (um short preto, uma blusa branca com uma rosa no meio, e um tênis da puma branco) eu sai de meu quarto e desci as escadas e vi o mark na porta 

Mark-vamos?-ele me pergunta e eu balanço a cabeça como sinal de sim

a gente sai de nossa casa e começamos a andar na tal rua , Mark me falou que estavamos em um pais chamado Coreia e que ele ia me levar em um Park, a gente chegou nesse tal Park era bem bonito eu começei a olhar em volta até ver um garoto sentado em baixo de uma árvore lendo um livro 

(s/n)-Mark que tal fazermos mais amigos-olho para o Mark 

Mark-você quer memso fazer amizade com essas pessoas nem as conhecendo direito-ele fala bem sério 

(s/n)-então bobo eu vou fazer amizade com elas e vou a conhecendo a o longo do tempo- eu sorri-e vou tentar fazer amizade com aquele garoto ali-aponto para o garoto que estava sentado em baixo da árvore 

Mark-hmmm ok ok mais tenha cuidado-ele sorri e se senta em um banco

eu começo a ir até o tal garoto chegando lá me sento em sua frente

(s/n)-oi -balanço a mão 

Xxx-oi-ele fala sem tirar o olho de seu livro 

(s/n)-e prazer meu nome e (s/n) -eu sorri e ele olho pra mim

namjoon-prazer me chamo kim namjoon- ele sorri sem mostrar os dentes 

(s/n)- o que vc esta lendo-me sento a o sei lado

namjoon-a um livro de coisas sobrenaturais

nem pensa logo lembro daquele tal diário que eu tinha e bom eu estava com ele,e percebi que era desse garoto 

(s/n)-por acaso isso e seu-mostro o diário a ele 

namjoon-e-e sim como vc achou ele

(s/n)-achei na rua jogado no chão então o peguei-ele pegou o diário 

namjoon-vc leu algo daqui por acaso 

(s/n)-não só a primeira página-eu sorri

namjoon-a que bom se você lê-se esse diário iria rir de mim que nem todos-ele abaixa a cabeça 

(s/n)-claro que não eu também acretido que pode axistir outro mundo com demônios e monstros-ele me olha e sorri mostrando suas lindas covinhas 

eu e ele conversamos mais um pouco até o Mark aparecer 

Mark-(s/n) temos que ir-eu ne levando e o namjoon também 

(s/n)-ok, a Mark esse e o namjoon e namjoon esse e o meu melhor amigo o Mark 

namjoon-oi prazer em conhecelo Mark-namjoon fala sério e estranho 

Mark-o prazer e todo meu namjoon-ele também fala sério 

(s/n)-bom tchau namjoon- eu sorri

namjoon-tchau (s/n)- eu começo a andar junto de Mark acenando para o namjoon 

começo a coversar com o Mark sobre umas coisas aleatórias e logo chegamos em casa, entramos eu não estava com sono então logo subi para meu quarto e fui no banheiro, tomei um banho e coloquei meu pijama , sai do banheiro  e de meu quarto e desço as escadas chegando na sala Mark estava vendo tv então me perguntou se eu queria ver um filme eu aceitei, eu sabia dos nome das coisas pois o Mark me falou de tudo daqui, ele fez pipoca e começamos a ver o filme no meio dele eu começo a ficar com sono e acabo dormindo.


Notas Finais


oi gente espero que tenham gostado

se teve muitos erros me desculpa
😘tchau povinioooo😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...