História O Casal do Ano - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Minjoon Mention, Sobi, Sope, Sugahope, Vkook!mention, Yoonseok
Visualizações 588
Palavras 1.457
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Famí­lia, Festa, Ficção Adolescente, Fluffy, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shounen, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Eo n to bem com essa foto do Yoongi! Nem ia postar cap mas achei q seria errado ja qnfaz tempo q n att...
Eh issu boa leitura :^v

Capítulo 7 - Um chorão sem correção;


Fanfic / Fanfiction O Casal do Ano - Capítulo 7 - Um chorão sem correção;

Distribuí as folhas que continham os trechos de cada casal. Hoseok ainda me encarava como se fosse me matar. Acho que isso iria afetar sua sexualidade, pobrezinho...

– Você escolhe quem começa, MiCham. – Falei para a única outra mulher da sala.

– O diálogo do lemon, eu acho... Tentei escrever um e queria ver como essas escritoras o fazem.

Então Yoongi começou a ler tudo sem a menor expressão facial, quase como aquela moça do Google tradutor. Foi realmente decepcionante. E até mesmo o Jung, que era totalmente contra isso, ficou incomodado.

– Okay, Yoon, pode parar com isso aí. – Falei séria. – Vamos fazer assim: eu dou meia hora pra vocês lerem os diálogos, depois desse tempo vocês atuam como se realmente fossem os personagens.

– Não me sinto motivado e não faço as coisas assim de graça. – Disse Jungkook, para variar.

– Eu achei que isso pudesse acontecer e, por acaso, eu tenho uma boa recompensa – Falei apontando para meu melhor amigo, que entendeu o que eu queria dizer com aquilo.

– Eu não acredito! Não faz isso, Sete vidas! – Exclamou o loiro ao lado de Hoseok.

– O que o Yoongi-hyung tem a ver com a recompensa? – Questionou Jimin, que mantinha a cabeça escorada no ombro do meu irmão.

– Eu perdi uma aposta há muito tempo, achei que a Sete Vidas já tinha esquecido! – Explicou o Min.

– E o que você apostou, Hyung? – Foi a vez de Taehyung perguntar.

– Meu cabelo. – Respondeu o mesmo em um tom triste, parecia que tinha acabado de ver seu irmão morrendo.

– Isso mesmo! Então quem atuar melhor pode fazer o que quiser com o cabelo do leite desnatado esse verão. – Concluí.

– Eu não me sinto motivado, muito pelo contrário, estou até pensando que deveria ter ficado na cama ao invés de vir até aqui. – Reclamou meu melhor amigo fazendo seu típico biquinho de insatisfação.

– Se você ganhar pode fazer o que quiser com qualquer um da sala. – Rebati.

O piolho de camelo pareceu satisfeito com o que eu lhe propus.

No tempo em que as duplas tentavam se organizar, eu contei o contexto de cada uma das histórias para a senhora Jung, que parecia muito mais interessada em como meu irmão e seu namorado se comportavam.

– Okay! Tempo esgotado. Vamos começar. – Falei enquanto expulsei Taehyung e Jungkook do sofá. - Vocês começam.

– Ah, Noona, é muito pouco tempo! – Reclamou o maknae.

Dei de ombros e me acomodei no espaço ao lado da mãe de Hoseok. A dupla Taekook se sentou um de frente para o outro, bem no meio da sala, já se preparando para começar.

– Amor! – Disse meu primo já entrando em seu personagem.

– O que foi, bebê ? – Respondeu meu amigo fingindo ler um jornal imaginário.

– Vamos ter um bebê! – Exclama TaeTae se sentando no colo de Jeon. O pintor pareceu repentinamente incomodado com o contato.

– Ah! Assim não consigo! – Grita Kook empurrando o Kim, que cai de bunda no chão.

– Kook! Por sua culpa já perdemos! Eu queria raspar os cabelos de palha desse Min Azedo! – Reclama Taehyung todo emburrado.

Jeon se prepara para rebater o amigo porém Namjoon é mais rápido.

– Minha vez! – Exclama o mesmo puxando o namorado pelo pulso.

Jimin, por sua vez, me parecia bem nervoso. Ele era o tipo de pessoa que consegue ser bem extrovertido, mas somente com quem ele já conhece. Esse desafio seria ainda mais difícil para o Park.

– Podem começar! – Ordenou MiCham animadamente.

Namjoon abraçou o namorado, fazendo com que a cabeça do mesmo descansasse confortavelmente em seu ombro direito, começando sua parte da atuação.

– Eu te amo. – Disse em um tom sincero, não porque ele era um bom ator, mas sim por ele realmente amar o garoto em seus braços. Jimin corou levemente, para depois continuar o diálogo.

– E-eu sou um garoto e garotos não podem amar outros garotos... – Continuou o Park.

Percebi uma pontada de verdade e melancolia em sua voz, o que não me surpreendia, já que Namjoon namorava Jimin às escondidas. Meus pais sabiam do relacionamento dos dois. No começo minha mãe não foi muito a favor, mas depois acabou se conformando. Já a família do Park é extremamente religiosa, e com toda certeza iriam surtar se descobrissem sobre a escolha sexual de seu primogênito. Mas ele bem sabe que os Kim estarão de portas abertas se os Park não o aceitarem mais.

– Mas eu te amo! – Continuou Namjoon, me tirando do momento reflexivo e sentimetal que eu estava passando. – Te amo como eu amo os poucos dias quentes no inverno, como eu amo os morangos que nascem fora da época, te amo como eu amo as madrugadas estreladas e frescas, e acima de tudo...

Namjoon parou um pouco para respirar. Eu sabia que fluffy seria bem fácil para eles, mas acho que escolher a parte em que os personagens descobriam sobre seus sentimentos não foi uma boa ideia. Visto que meu irmãozinho estava quase chorando sem mencionar os olhinhos já marejados de seu namorado.

– E, acima de tudo, – continuou Namjoon – eu te amo como um garoto ama outro garoto. E sei que apesar do que as pessoas possam pensar ou dizer; isso não torna meus sentimentos sujos​, muito menos errado.

A esse ponto até mesmo Jungkook estava chorando. Vi Yoongi passando levemente sua mão nos cabelos de Hoseok, que mantinha seu rosto abaixado enquanto soluçava baixinho, tentando esconder o choro.

Era a vez de Jimin continuar o diálogo, mas tudo o que o baixinhos conseguia fazer era abraçar ainda mais o namorado enquando chorava compulsivamente. Eu fiquei olhando todos tão sentimentais com minha cara de tacho. Deveria ter posto o fluffy para o casal Yoonseok, aí eles teriam tido uma conexão mais forte ou sei lá!

Se passou quase uma hora até que todos já estivessem totalmente estáveis. Meu melhor amigo ficou o tempo inteiro acalmando o Jung, que pareceu extremamente tocado por um motivo desconhecido pela minha linda pessoa.

– Agora que estamos todos mais calmos, vamos para o último casal. Opa! Dupla, dupla! Foi mal. – Falei, chamando a atenção de todos.

– Mas o nosso não tem quase nada de diálogo! – Reclamou Hoseok, ele parecia totalmente desconfortável com o que teria de fazer, o que era compreensível. Acho que eu deveria ter pegado um pouco mais leve com eles...

– Começa logo, filho! Já são dez da noite e eu quero ir pra casa! – Reclamou a senhora Jung, pegando seu caderninho para recomeçar suas anotações.

Yoongi foi o primeiro a se levantar do sofá, ele seguiu calmamente até os interruptores da sala onde estávamos e apagou duas das três lâmpadas do local. Logo depois, meu melhor amigo caminhou lentamente até o Jung, que permanecia sentado no mesmo lugar desde o momento em que entrou na minha casa.

O Min puxou Hoseok pela mão, o levando para o centro da sala, aparecendo bem no meio desta. Yoongi aproximou seus lábios rosados da orelha esquerda de seu vizinho. Me fazendo ter pequenos ataques cardíacos. Suas ações eram exatamente iguais às que estavam escritas no diálogo que eu lhes havia passado.

Observei Hoseok suspirar e levantar uma de suas mãos as dirigindo para os fios loiros do Min.

– O que você quer? – Disse Yoongi em um tom sedutor. Era estranho e hipnotizante a forma como os dois realmente pareciam desejar um ao outro.

– Eu quero... – Antes que Hoseok pudesse continuar sua frase, meu amigo tapado – o mais lerdo e irritante – começou a rir loucamente.

Sim, Min Yoongi começou a rir, cortando totalmente todo e qualquer clima que pudesse ter sido construído.

– Ei, Yoongi! Seu brochador de foda! – Reclamou Taehyung, manhoso.

MiCham não pareceu se incomodar com o jeito que a última atuação foi interrompida, esta apenas se levantou, juntou seus poucos pertences e disse:

– Vamos, Seok, acho que tenho material suficiente.

Hoseok parecia resistente em ir. Eu bem que entendia ele, ir pra casa sabendo que sua alma gêmea vai estar rodeada de garotos bonitos deve ser bem difícil.

Eu estava pensando em uma maneira de fazer o futuro marido do meu melhor amigo ficar por pelo menos mais uma hora, quando meu amado irmão, Kim Namjoon, finalmente colocou seu plano em prática.

– Senhora Jung, Hoseok não pode passar a noite aqui? – Perguntou meu irmão formalmente. – Nós pretendemos fazer uma festa do pijama e seria uma ótima maneira de conhecer nosso mais novo vizinho.

MiCham pareceu meio relutante de início, mas acabou aceitando com a condições de que Hoseok a levasse até em casa antes. O que era até bom, pois dessa forma poderíamos nos organizar e discutir melhor sobre o plano.

– Eu vou com você. – Disse o Min repentinamente, um segundo antes dos Jung passarem pela porta.

É... Parece que meu melhor amigo não consegue se separar de seu mais novo-vizinho-barra-futuro-namorado.

Essa noite vai ser longa, espero que tudo saia como o planejado.


Notas Finais


Eh issu
Foi issu
Falem o que acharam eu AMO quando vcs comentam amo msm


Meu twitter caso queria mandar um "iai pitel": https://twitter.com/sopecool?s=08
e o da batata p mandar um "iai cremosona" : @hoziys
minha fanbase caso queria saber sobre Yoonseok: @PortalSope (sou a Cham lah)

Minhas outras fics caso queiram ler:

Yoonseok- one shot
https://spiritfanfics.com/historia/there-for-you-9790828

Taekook- Comédia
https://spiritfanfics.com/historia/police-man-9077466

E duas one que são interligadas:
https://spiritfanfics.com/historia/strong-9332661
https://spiritfanfics.com/historia/send-my-love-9328180

Taekook - oneshot
https://spiritfanfics.com/historia/do-re-mi-9683860

Yoonseok- Anjos e Demônios
https://spiritfanfics.com/historia/meaningless-8590047


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...