História O Caso Jones - Interativa - Capítulo 3


Escrita por:

Visualizações 48
Palavras 369
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Famí­lia, Festa, Ficção Adolescente, Policial, Romance e Novela, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


E os aceitos foram:

@SrtArminA
@amadurecer
@Miss-Suicidal (os dois personagens)
@youthyouth
@KimYongeHee

Se você não foi aceito como um dos pricipais, fiquei tranquilo, pois os seu personagem ira aparecer, é só ter paciência que ele ira ter grande importância também.

Capítulo 3 - Capítulo 1


Luto, era o que resumia Angel Pine, a cidade não ficará calada mesmo diante da morte de Martin Jones, típico de um lugar pequeno e fofoqueiro. A polícia já havia interrogado quase todo mundo que viu Martin pela última vez na festa de Kurt Maddox, mais um riquinho sem noção que deu uma festa cheia de drogas e bebidas alcoólicas dois dias antes das aulas começarem,  o dia em que o herdeiro Jones desapareceu. Enquanto digitava em meu notebook, na biblioteca, escutei a voz do diretor Rider na rádio da escola dizendo:

-Atenção alunos, por favor reunam-se no ginásio da escola, temos alguns avisos a dar.- Logo depois, o rádio desligou e todos os alunos que se encontravam na biblioteca se levantaram e sairam as presas para o ginásio, esses novatos, eu não estava nem ai e continuei a digitar em meu notebook, mas fui, novamente, interrompida  por Ethan que se levantou bruscamente para chamar minha atenção.

-Quer que a bibliotecária nos castigue por um mês sem entrar na biblioteca, porque não escutamos o diretor Rider?- Ethan disse com seu tom cínico, não dei importância a ele, já que eu estava acostumada com seu jeito. Me levantei e fomos ao ginásio e ao chegarmos lá, vimos Mercedes se preparando para dizer mais alguma mentira, me sentei no último banco e vi Ethan se sentando em minha frente, ao lado de Kate. E sem mais demora Mercedes começou a falar no microfone de um jeito dócil como se fosse outra pessoa:

-Agradeço a presença e amor de todos, sei que pensaram que o baile de boas-vindas iria ser cancelado por conta da morte de meu irmão Martin, mas os que tiveram a sorte de conhecê-lo, sabem que ele não gostaria que ficassemos de luto, mas que ele adoraria que o baile fosse como uma forma de cicatrizar o que aconteceu e por isso convenci o diretor Rider a fazer o baile como uma homenagem  a meu irmão que estara sempre vivo em todos nós.-Todos se levantaram e começaram a aplaudir de pé.

-Quem era esse tal de Martin?- Uma garota novata de cabelos ruivos perguntou e eu respondi:

-Um verdadeiro filho da puta.-Começei a bater palmas também olhando para Mercedes.


Notas Finais


Me desculpem pelo atraso S2
Ainda não sei quando o próximo capítulo sai, me desculpem de novo. E agradeço a todos que se esforçaram para fazer essa fanfic se tornar real.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...