História O Conto de Laitoste e Erunde - Capítulo 9


Escrita por:

Visualizações 12
Palavras 552
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Ficção Adolescente, Ficção Científica, LGBT, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Saga, Sci-Fi, Sobrenatural, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Cross-dresser, Estupro, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Mutilação, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


HEYY! NOTAS FINAIS EASTER EGG SOBRE O SOL E A LUA! Negocio de sol e lua....negocio de camren. Enfim, me diga o que voces acham dessa história do sol e da lua.
*****COMENTEM******
DIVIRTAM-SE!!!!!!!!!!!!!!!

Capítulo 9 - IX - A Batalha Sob as Estrelas


Fanfic / Fanfiction O Conto de Laitoste e Erunde - Capítulo 9 - IX - A Batalha Sob as Estrelas

    Após a chegada da casa de Fingolfin a Terra-Média, eles seguiram seu líder até as planícies ao norte, nas terras de Anfauglith, onde Fëanor havia guiado seu povo contra a fortaleza de Angband. Morgoth fora informado da chegada dos elfos por seus espiões, e logo despejou toda suas forças contra eles, antes que eles se acomodassem e se organizassem. Fëanor e seus homens derrotaram com facilidade os orcs que estavam patrulhando as redondezas atrás deles, pois eles tinham sido os elfos eldar, aqueles que viram a luz de Valinor, o poder daquele lugar e sua força ainda corria em suas veias, e os orcs foram logo rechaçados. Entretanto, o ódio de Fëanor o levou a perseguir aqueles que fugiam da fúria dos elfos, até as fortalezas de Angband. Assim que se aproximaram da passagem norte, os orcs se encontraram encurralados entre o exercito de Fëanor por trás e o exercito de Fingolfin que vinha descendo as montanhas geladas na direção deles, e, apesar de terem enfrentado uma longa e árdua jornada, os elfos da casa de Fingolfin também eram eldar e a luz dos Valar corria neles também, e assim que se deparam com o inimigo, todos desembainharam suas armas e se preparam para o combate a luz das estrelas, e  por dez noites, elfos e orcs lutaram.

    E, encurralando os orcs, os elfos conquistaram a vitória, mas com enormes perdas. A vitória não fora completa devido a um pequeno grupo de orcs que conseguiu fugir para Angband. E, novamente, a fúria de Fëanor o guiava em perseguição, dessa vez, sozinho, pois seu povo estava machucado e em lamento pelos mortos, mas a ira de Fëanor o mantinha de pé, e decidido a destruir tudo que Morgoth havia criado. Assim, o elfo se dirigiu até os portões de Angband e lá, Fëanor se deparou com centenas de balrogs que deixavam as profundezas da fortaleza para se juntarem a batalha. A luta entre o elfo e esses colossais seres malignos fora lendária. E chegando na retaguarda, os elfos da casa de Fëanor vinham liderados por seu filho mais velho, Maedhros, acompanhados dos elfos de Fingolfin, e logo se viram cercados de balrogs. E, mais uma vez, após muitas baixas, os elfos conquistaram a vitória, e os balrogs bateram em retirada de volta as profundezas de Angband.

      Depois do fim da batalha, os sete filhos de Fëanor, o acharam caído no chão se arrastando em direção a eles. O elfo estava gravemente ferido. O corpo do elfo reluzia uma luz intensa e avermelhada, seu espírito de fogo agora queimava sua pele. E em seu leito de morte, Fëanor fez com que seus filhos repetissem o juramento maldito que ele havia proferido em Tirion. O juramento que ligava os sete a, a qualquer custo, vingarem a morte de Finwë e recuperar as silmarils. E após proferirem as palavras, o espírito de Fëanor deixou, violentamente, seu corpo, em uma explosão de fogo e um longo urro de dor e agonia. E seu filho mais velho e herdeiro, Maedhros, foi sucumbindo por uma onda de ódio incontrolável que o guiou até as planícies que rodeavam Angband. E avançando, inconsequentemente, para cima da fortaleza de Morgoth, o novo jovem líder foi capturado por um batalhão de orcs e fora acorrentado no topo de um dos vulcões das Thangorodrim.     


Notas Finais


EASTER EGG >>> Após a Batalha sob as estrelas, cada uma das árvores de Valinor, mesmo murchas, deram um fruto cada uma, um prateado e o outro dourado. então, Yavanna ( a Valor criadora das plantas e animais), pediu que dois de seus Maia pegassem um fruto cada um e levassem até o firmamento ( céu/universo). e então, dessem voltas alternadas em torno de Arda. E foi assim, junto com a chegada dos elfos, que o primeiro raio de sol tocou Beleriand. Os Maia designados para guiarem os frutos eram apaixonados, e dos dois, a Maia designada para cuidar do fruto prateado era a que mais sentia falta de seu amado, por isso, muitas vezes, era alterava seu ciclo, se apresentando em pleno dia, só para ter uma chance de ver seu amado.
ATÉ O PRÓXIMO!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...