História O Cristal - Capítulo 22


Escrita por:

Postado
Categorias Eldarya
Personagens Ezarel, Jamon, Keroshane, Leiftan, Miiko, Nevra, Personagens Originais, Valkyon
Visualizações 20
Palavras 1.610
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Fantasia, Misticismo, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 22 - O Rapto



A casa dela era bastante pequena apesar de se localizar na grandiosa Lothus. Era muito humilde aquela casa. Ela era feita de madeira mágica tipico das feiticeiras e toda a sua mobília era feita de madeira ou ferro ou veludo da era passada. A cor que ali predominava era sem dúvida nenhuma o azul marinho e o branco...as cores que Alyssa mais odiava. No entanto, apesar das diferenças de crenças entre ela e Melody, havia descoberta uma amiga na feiticeira da Luz...O que não era nada bom. 


O plano tinha sido tratado pela manhã daquele dia. Já estavam em Lothus há uma semana e Alyssa estava sendo uma grande amiga da feiticeira da Luz o que também fazia parte do plano, originalmente. Will juntou todos os seus Companheiros Afortunados e explicou toda a sua táctica para assassinar aquele ser mágico.


-Já sabemos onde a bruxa mora e já se passou uma semana desde que estamos aqui, por isso vamos ter de começar a trabalhar realmente.


-Pois...É que só eu e a Alyssa é que estivemos trabalhando nesses dias vocês estiveram somente a beber e se divertir nos bordéis - disse Todd Field e com razão. No entanto o seu tio o achou demasiado insolente e o olhou como se dando de um sermão.


-Continuando... -prosseguiu Will - Alyssa como você já ganhou a confiança da bruxa você vai hoje mesmo a visitar como nos dias anteriores só que Jack Bones vai com você...claro que ele não vai entrar com você - Will olhou para Bones o que fez com que este lhe prestasse mais atenção - Você. Você vai estar no telhado da casa da bruxa e quando achar pertinente você entra discretamente na casa e prende ela - Jack Bones assentiu e Will retornou o olhar para Alyssa - Alyssa. Você por a caso sabe alguma mágica que ponha a bruxa dormindo?


-Claro que sim. É só utilizar um encantamento de repouso nela...uma simples Erva-da-Tarde poderia resultar numa pessoa comum mas numa feiticeira é necessário ter outros cuidados.


-Sim claro, faça de conta que nós entendemos tudo o que disse para aí - Will desviu o olhar de Alyssa e deu por encerrada a reunião. Jack Bones se aproximou dela e fez sinal para caminharem até perto da casa da feiticeira da Luz.


Sairam da Chama Pura por volta do meio dia. Todos os Companheiros Afortunados já tinham tomado a sua refeição exceto ela. Afinal Alyssa não tinha qualquer necessidade de comer ou beber para sobreviver pois ela era uma feiticeira. Enquanto percorriam o grande caminho de mármore onde só era permitido caminhar pessoas, Jack Bones questionou ela sobre Melody. 


-Como é a aparência da nossa bruxinha?


-É uma feiticeira...e ela é mais alta que eu, mais velha que eu, é loira e tem olhos cinza quase brancos.


-Parece que tem uma beleza incomum...ma maior que a sua não deve ser - disse sussurrando no seu ouvido.


-Você não perde uma oportunidade...


-Desculpe. Mais forte que eu.  Continuando...e ela é legal? - disse curioso.


-Muito legal por sinal...me custa acreditar que ela assassinou uma família inteira...! - realmente era um choque se lembrar desse fato.


-Bem, a maldade nunca se mede pelo rosto de alguém. 


-Isso é verdade...mas mesmo assim. Você já pensou se nós matamos ela e afinal ela é inocente? Não sei não me parece bem...


-E porque você tem tanta certeza de que ela é inocente?


-Sentido de Feiticeira.


Continuaram a caminhada até a casa de Melody. Na entrada antes que Alyssa batesse na porta, Bones subiu no telhado  que tinha perto uma janela por onde ele poderia saltar para dentro da casa. Quando ele fez sinal de que estava pronto Alyssa bateu na porta e logo veio uma criança que ela já conhecia. Troy era o filho de Melody, apenas mais alguém que iria sofrer nesta história.


-Mamãe é a sua amiga nova! - gritou o menino para o interior da habitação.


-Olá Troy! - disse beijando o menino na testa - A sua mãe está? - e antes que pudesse responder Melody apareceu na porta.


-Alyssa! Troy deixe a Alyssa entrar - Melody se dirigiu para a sua pequena sala de estar e apontou o sofá para que Alyssa se sentasse - Então minha amiga. Continua pela cidade pelos jeitos.


-Sim por enquanto não penso em seguir viagem.


-E posso saber para onde minha amiga tem ideia de ir? - disse com a sobrancelha inclinada como se desconfiasse de algo.


-Nada de mais. Pretendo passar pela Grande Capital pois há muitos anos que não vou lá. E você? Não pretende sair de Lothus?


-Porque haveria de querer sair de Lothus? Afinal, essa é a cidade da Luz. É aqui que pertenço, com meu filho e com a minha Luz.


-Nossa Luz - exclamou Alyssa.


-Alyssa...vamos. Não precisa de continuar esse teatrinho...


-O que você tá falando Mellody?


-Eu sei que você não é uma feiticeira da Luz. Se fosse você nunca me chamaria somente de Melody. Todos os feiticeiros da Luz se tratam por irmãos...para a próxima tente fazer a lição de casa direito.


-Mas...Você soube desde sempre?! - disse Alyssa incrédula com a sua máscara ser revelada.


-No início pensei que fosse uma de nós realmente...mas desconfiei um pouco com a sua aparência: o seu cabelo estava claramente pintado, acredite porque eu própria já pintei o cabelo dessa mesma cor e essa tinta é vendida no mercado daqui da cidade; depois a sua pele muito clara que não é típica de alguém que nasça em Lothus logo aí desconfiei mas nem liguei tanto. Mas quando você só falava comigo no Templo da Luz...Aí entendi que não estava só batendo papo por acaso. No entanto eu vi suas capacidades mágicas isso não havia como negar...por isso se você não é uam feiticeira da Luz só pode ser da Sombra.


Antes que Alyssa conseguisse responder aquela afirmação, fo piso superior veio Jack Bones correndo e indo para cima de Melody. A feiticeira da Luz lutou no chão com Bones tentando se desvencilhar do seu corpo. Ela conseguiu então pontapear Bones deixando o no chão gemendo de dor. Troy edtava no canto da sala aterrorizado com a situação e quando Melody tentou chegar no seu filho Bones pegou seu pé a derrubando no chão. Para se defender Melody lançou um feitiço de fumaça branca para a vista de Bones o cegando. Ele gritou de dor e Alyssa interviu finalmente.


Alyssa lançou pó negro para  a feiticeira da Luz que gemeu de dor pois não conseguia enxergar nada. Ela se aproximou de Bones e lhe lançou um feitiço de cura o deixando a enxergar novamente. Alyssa não se tinha apercebido de que Melody estava atrás de si pronta para dar o golpe final dela mas Bones se apercebeu primeiro, a agarrou e rolou para longe da feiticeira da Luz. Os dois estavam no chão quando viram que Melody se preparava para fugir só que ela estava tentando convencer o seu filho a ir junto. O menino estava aterrorizado por isso não se movia do lugar. Jack Bones aproveitou e caiu na feiticeira tentando imobilizá-la novamente. Alyssa se aproximou e para ajudar lançou um encantamentode repouso em Melody fazendo com que a mulher deixasse de se debater contra Bones. Ela estava inconsciente e Bones rapidamente a amarrou com cordas que tinha trazido consigo. Troy estava apavorado e Alyssa não era capaz de o deixar ali por isso o levou consigo para a Chama Pura.


Assim que chegaram na taberna todos os Companheiros Afortunados viram o sucesso que aquela missão estava sendo. Bones levou o corpo inconsciente da mulher para o seu quarto e Will se aproximou dos dois para os felicitar do sucesso da missão. Ele olhou para a criança e entendeu o que se passava.


-Então menino - disse bagunçando os cabelos de Troy - a sua mãe está em boas mãos garoto. Não se preocupe. Vá ter ali com meu sobrinho Todd! - disse apontando para Todd fazendo com que ele se apercebesse da situação - Ele adora crianças! 


-Não adoro nada!


-Não ligue para o que ele diz. Vá ter com ele que ele toma conta de você - o pequeno saiu correndo até Todd e este expressava no seu rosto o descontentamento daquilo.


-Parabéns Alyssa. Agora quero que vigie a mulher. Nós amanhã vamos interrogá-la para saber se esta é mesmo a feiticeira que procuramos.


-Sim senhor.


Alyssa subiu para a zona dos quartos e se dirigiu para o quarto de Jack Bones. Na porta estava Gal Woods que parecia sair do quarto. Assim que a viu ela mostrou um rosto cheio de fúria. 


-Você Alyssa tem de parar agora! Você não vai entrar nesse quarto! - gritou Gal Woods se aproximando dela.


-Me impeça então.


Ela ignorou por completo a Humana e entrou no quarto. Melody estava deitada na cama dormindo e ainda com as cordas presas a seu corpo. Jack Bones estava na beira da cama olhando próximo o rosto da feiticeira da Luz. 


-Ela é bonita não é? - disse Alyssa quando viu aquele momento fofo. Jack se assustou com a chegada dela.


-É sim. Muito bonita mesmo. Pena que vai morrer em breve.


-Você não sabe. Will disse que vai interrogá-la amanhã para saber se essa é mesmo a feiticeira de que procuramos - Alyssa se aproximou da cama e se sentou ao lado de Jack - Pode ir dormir no meu quarto.


-O que?! - disse Jack interpretando Alyssa mal.


-Will disse que eu deveria ficar vigiando Melody. Pode ir dormir no meu quarto. Você não vai ficar aqui a noite toda!


-Eu vou sim. Ficamos os dois. Imagina que ela acorda e te ataca? - Alyssa revirou os olhos e não insistiu mais - Ficamos os dois.


-Tudo bem Bones...parece que agora já me esqueceu de vez...


-O que? 


-Parece que o seu novo amor também é uma feiticeira...Só não é da Sombra.



Notas Finais


Espero que curtem a fic está sendo escrita com muita dedicação :)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...