História O demónio e a fada - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Visualizações 25
Palavras 1.112
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Hentai, Lemon, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 2 - Agora as coisas vão mudar


Autora on:

O reino oeste é um lugar calmo e pacífico, ao contrário do reino do norte, neste predominavam as cores azul, verde e roxo dos mais variados tons. O reino era cheio de "água":cascatas, rios, lagos e lagoas estavam espalhados por aquele local junto de várias plantas diversificadas.

Não era para menos visto que a população era 97% fadas, elfos e sereias apesar de costumarem usar a sua forma humana.

A realeza é composta por uma família de fadas, inclusive a nossa protagonista da história Gabbie Tanaka, uma garota de 16 anos, cabelos azuis e olhos da mesma cor, corpo avantajado para uma fada e pele clara.

Por falar nela, a mesma estava no seu quarto junto da princesa Susan do reino do Sul e o príncipe Gary do reino Este.

Gabbie: Pq eu tenho de ir? Pq não convidaste o Gary?-perguntou para a princesa Susan, uma garota de 16 anos, anjo, com cabelos rosa e olhos verdes e com um corpo tbm avantajado. A rosada se olhava no espelho.

Susan: Pq o Gary ia ficar de gracinha com o primo do príncipe!- falou enquanto ajeitava sua roupa e sorria se olhando.

Gary: Em minha defesa, o príncipe Adam é um pedaço de mau caminho!- sorriu malicioso mordendo o lábio fazendo Susan e Gabbie rirem.

Susan: Ei, o que acham do meu look?- perguntou sem desviar os olhos

Gabbie: Linda!- diz olhando ela.

Gary: Perfeita! Arrasou viada!- diz e Susan ri.

Susan: O único viado aqui é você Gary. Mudando de assunto, o que vocês vieram aqui fazer? Quer dizer, não que a tua companhia seja ruim mas a do teu irmão é insuportável!- a rosada se senta na cama junto dos seus amigos.

Gary: Aquele desgraçado nunca desiste. Ele se casar com a Gabbie a todo o custo. AFF, odeio ele! Homofobico nojento, só não o chamo de FDP pq a mãe tbm é minha.- o loiro falou, a relação com o seu irmão mais velho era horrível.

Gabbie: Você é muito cruel Gary!

Gary: Falou a garota "eu sou melhor do que os homens"!- a anjo apenas ria daquela conversa, seus amigos eram um pouco brutos e grossos para alguém da realeza.

Gabbie: Bom, de qualquer das formas vai visitar-nos no reino do norte!

Gary: Eu já ia sem teres de pedir.- todos riram, de facto Gary era uma bicha e não tinha vergonha disso, apenas escondia da maioria das pessoas para não ter de morrer, até pq seu irmão tinha mandado caçar todos os que não fossem heteros, ou pelas palavras dele, todos que fossem monstros.

A conversa dos 3 é interrompida por batidas na porta.

Gabbie: Entre...

A porta é aberta por um mordomo da casa, Albert.

Albert: Majestades, as carruagens vos esperam lá fora!

Susan: Chegou a hora!- a rosada da um suspiro junto da princesa do reino do oeste.- o mordomo se retirou após o aviso com uma vénia de respeito.

Gary: Bom, vou sentir saudades!- falou quase chorando e fazendo biquinho.

Susan: Se você continuar com esse biquinho eu vou te morder!- falou brincando.

Gary: Haaa, sabes como é! Se eu não gostasse da mesma fruta que tu, eu te pegava!- falou segurando a cintura da garota e colando os corpos.

Susan: São apenas promonores!- deu um sorriso de canto.

Gabbie: Haaa gente, assim eu fico com ciúmes posha!- disse brincando e os dois riram puxando ela para o novo abraço triplo.

Susan: Vamos ter saudades! Você é o nosso viadinho, não podemos viver sem você e suas crises do "crush não me nota".

Gabbie: Vdd, quem nos vai dar dicas de como passar maquiagem corretamente? Quem nos vai dizer se a roupa combina ou não connosco?

Gary: Eu sei que eu sou tudo para vocês, afinal eu sou incrível! Mas vai passar! O aniversário do príncipe Fogo está chegando não tarda, e talvez eu vos vá visitar antes.- eles separam o abraço e dão risada.

Os três vão para o exterior encontrando uma carruagem esperando as 2.

A azulada e a rosada se olham e caminham até a locomotiva sempre se despedindo do seu amigo.

Marc: Perfeitas não são?- o loiro ouviu a voz do irmão ecuar atrás de si e se virou vendo o garoto de cabelo moreno e olhos azuis sorrir.

Gary: Claro!- Gary tinha de fingir estar apaixonado pela princesa Susan pois não podia deixar desconfiar ser gay e se não estivesse apaixonado, seu irmão ia obriga-lo a tranzar com alguma prostituta, como sempre.

Autora Off.

Gabbie on:

O clima no reino do norte era quente, muito quente! Era uma forma de identificar os reinos, o reino do norte pelo seu calor, parece que o sol dava mais atenção a esta zona, o reino do este pelos seus desertos, o calor lá era ainda mais quente que aqui mas de noite ficava bastante frio, mais até que no reino do sul onde o frio é o tempo ideal para fazer praia e viajar. No contrário, o meu reino era um pouco mais como um local tropical, eu gosto disso, estou acostumada.

Tínhamos acabado de descer da nossa carruagem e estávamos em frente ao castelo onde um empregado deles já nos esperava.

Gilberto: Majestades, os príncipes e o rei estão à vossa espera na sala do trono, queiram me acompanhar.- confirmamos mas antes de darmos qualquer passo ouvimos gritos.

???: MEXE-TE FDP!- olhamos para o lado e quem gritava era um soldado do reino com um escravo.

Susan: Lindo...- vi ela olha fixamente para o soldado e o escravo, estes, quando perceberam estarem ser observados nos olharam e vi a minha querida amiga corar.

Não acredito que ela se apaixonou por um nojento daqueles, odeio escravidão.

Ao olhar melhor vi que o soldado era bonito, cabelos pretos e olhos negros para além de um bom físico.

Olhei o soldado e vi que ele não era do reino. Provavelmente um simples garoto pobre que estava de passagem e foi apanhado, ou então filho de alguma escrava e está aqui desde então. Seus cabelos eram róseos e seus olhos verde onix, seu físico tbm não ficava muito atrás do soldado.

Gilberto: Me perdoai por isto Majestades, venham por favor!- falou chamando a minha atenção e a da Susan.

Enquanto os grandes portões se abriam aproveitei e olhei para trás vendo o escravo sendo levado para sabe se lá onde.

Ouvi passos à minha frente olhei o mordomo começar a caminhar para o interior, dei uma olhada para o meu lado e, pelo que parece, eu não fui a única a ter a vontade de olhar para trás.

Susan se virou para a frente e juntas seguimos o nosso "guia".

Chegamos as portas que davam acesso à sala do trono e o homem à nossa frente bateu nelas logo abrindo e se pronunciando.

Gilberto: Majestades! As princesas Susan do reino do sul e Gabbie do reino do oeste chegaram!- e assim nos deu espaço para entrarmos.

Agora nossa vida vai mudar!



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...