1. Spirit Fanfics >
  2. O Demônio Tanjiro >
  3. Desculpas

História O Demônio Tanjiro - Capítulo 3


Escrita por: Bliza-

Notas do Autor


Especial de 30 favoritos, gente vocês são muito rápidos. Mas enfim, muito obrigada por essa nova conquista.

Mais um capítulo de comemoração para vocês. ^^

Tentei deixar um pouco mais longo, já que é oficialmente o último.

Capítulo 3 - Desculpas


Zenitsu acorda com os raios de sol fracos batendo levemente em sua cara, teria finalmente ido para o céu?...não, era só a luz da janela da enfermaria. 

Abriu os olhos lentamente, notando seus vários ferimentos agora tratados. Se sentou levemente na cama, com dor. Parou um pouco para lembrar oque teria acontecido ontem...ah sim, lembrou do garoto de cabelos ruivos.

Oque mais queria agora era chegar perto dele, tocar sua pele macia, abraçá-lo e pedir desculpas por ter o machucado tanto, e não estar lá para impedi-lo de fazer a escolha errada.

Viu alguém adentrar o quarto...era Aoi, a garota das presilhas de borboleta azuis. Ela se aproximou da cama calmamente.

- Zenitsu, você não pode se levantar ainda.- Disse e ajudou Zenitsu a se deitar. -

- Cadê o...Tanjiro...- Falou com dificuldade, provavelmente machucou a mandíbula. -

- Está na sala ao lado, se recuperando. 

- Que...Bom...- O loiro disse fechando seus olhos, ficando aliviado. -

Queria que o ruivo aparecesse na sua frente, para o abraçar e não soltar mais. Não demorou muito pra isso acontecer.

Logo três figuras apareceram praticamente arrombando a porta. Ah sim, eram os irmãos que tanto amava, e o javali. Aoi se retirou do quarto, olhando aqueles 4 com um sorriso.

- ZENITSU! - Gritaram práticamente juntos e correram para perto da cama, abraçando o loiro. -

- Nezuko...Inosuke...Tanjiro...-

- Zenitsu, que bom que você está bem! - Disse Nezuko, olhando o loiro com um sorriso no rosto e lágrimas no rosto. -

- Você me assustou, idiota! - Disse Inosuke me abraçando, ele estava chorando também. -

- Desculpa Zenitsu, desculpa pelo oque eu fiz, eu não queria te machucar, me perdoe. - O ruivo disse chorando e abraçando Zenitsu com força. Aqueles três estavam te esmagando. -

- Tá tudo bem...pessoal...estou feliz que vocês...estejam aqui por mim. - O loiro disse com calma, olhando a expressão no rosto de todos ali. -

(...)

3 meses depois, mansão borboleta. Zenitsu estava quase 100% recuperado, e pretendiam partir para a casa dos irmãos quando ele se recuperasse por completo.

Tanjiro e Zenitsu conversavam no jardim da mansão.

- Você consegue andar sozinho agora? - O ruivo perguntou. -

- Sim, minhas pernas estão boas agora, poderemos partir em breve. -

- Isso é bom! - Ele sorriu. -

Um vento fraco passava por alí, levando de leve seus cabelos, as borboletas voavam en volta dos dois. Ah sim, não sentia essas sensações a tempos, mas agora Tanjiro estava consigo.

- Sabe, quando você não estava comigo, eu sentia sua falta Tanjiro. - disse o loiro, vendo o outro ficar meio vermelho. -

- Eu...eu não sei oque deu na minha cabeça para aceitar o pedido daquele infeliz, me desculpa Zenitsu, eu nunca quis te machucar. -

- Está tudo bem Tanjiro, todos esses 3 meses você pediu desculpas pelo mesmo motivo. - Disse e os dois deram risadas fracas juntos. -

- É que eu ainda não consigo me perdoar pelo oque eu fiz. -

Ficaram em silêncio por alguns minutos, apenas apreciando a companhia um do outro que tanto os fazia falta.

- Tanjiro? -

- Hm? -

- Eu te amo. -

...

- OQUE?! - Quase caiu para trás com a fala do loiro, vendo-o dar uma risada. -

- Eu te amo, ruivinho. - Disse tocando a bochecha do outro. -

- Eu também te amo, Zenitsu. - Os dois ficaram extremamente corados alí. A resposta foi inesperada para o loiro. -

Tanjiro se aproximou de leve, segurando os ombros do outro, calmamente aproximando os rostos.

Zenitsu não o impediu, queria a mesma coisa que ele.

Então calmamente os lábios de ambos se tocaram, começando um beijo lento e confortável. 

Ficaram alguns segundos alí, até se afastarem, olhando para ambos e dando uma risada de vergonha.

- Você quer namorar comigo, Tanjiro? -

- Sim. -




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...