1. Spirit Fanfics >
  2. O desabafo de uma adolescente >
  3. Mentira

História O desabafo de uma adolescente - Capítulo 3


Escrita por:


Capítulo 3 - Mentira


Sabe, eu sempre odiei mentiras, o que é muito engraçado, uma mentirosa que odeia mentiras. Eu menti tantas vezes, mesmo sendo mentiras pequenas e insignificantes, coisas como "Estou bem", "Estava chorando porque vi um filme triste". Poderia dizer a mesma coisa que alguns dizem, "Eu não menti, apenas ocultei a verdade". Para ser sincera, quando mais nova, eu achava que mentir era algo chique e legal, poder esconder algo que você não quer que ninguém saber, sem ser descoberto, era incrível.

Mais com o tempo, eu percebi, que as mentiras, nem sempre eram legais, descobri, que mentiras escondiam coisas ruins, verdades tristes.

Começou com formas de me ignorar, "Desculpe, tenho dever de casa, não posso brincar com você" ou "Desculpe, estou ocupada, não poso sair com você hoje", ah mais isso é normal, eu dou desculpas assim, eu não ligava, apesar de que hoje isso machuca.

Com o tempo mentiras se tornaram rotina, seja coisas idiotas, ou mentiras para machucar mesmo.

Já recebi varias mentiras vindo de amigo, mais as que mais machucaram, é aquelas vindo da minha mãe. Mãe a primeira mentira que recebi dela que machucou, foi algo bobo, mais me entristeceu, "Precisamos passar mais tempo juntas, vamos sair nós duas amanhã", e logo depois, "Oh, não vou poder sair com você hoje, irei sair com o seu padrasto".

Recentemente, ela disse, "Você não gosta de sair comigo", e eu respondi, "Não é que eu não goste, mais da ultima vez que marcamos de fazer isso, você disse que não podia", e como resposta eu recebi, "mais aquele dia eu estava sem dinheiro", sem dinheiro para sair com sua filha, mais com dinheiro o suficiente para sair com seu namorado.

Para ser sincera, mentiras como essa, machucaram sim, mais a que mais me destruiu, foi o dia em que ela estava ao telefone com meu "pai", falando sobre o divorcio.

Eu entendo, que quando você quer se divorciar de alguém, você sente raiva, mais ainda se essa pessoa machucou sua filha, mais descontar a raiva em mim, eu merecia isso? Nesse dia, eu descobri, que minha família inteira mentia pra mim.

Conversando com meu "pai", ela se irritou, e me chamou, e jogou na minha cara, que durante 13 anos da minha vida, ela mentiu, e que aquele que eu tanto chamei de "pai" não o era na verdade.

Eu poderia ficar feliz com isso, eu não tenho laços sanguíneos com aquele monstro que um dia chamei de "pai", eu poderia, mais, me afetou o fato de ter acreditado tanto em uma mentira, uma mentira, machucou bastante, sabia que ia me machucar, e mesmo assim o fez, eu tinha a culpa dela estar irritada? Então porque descontar em mim? Porque mentir pra mim?



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...