1. Spirit Fanfics >
  2. O destino é trapaceiro >
  3. Sinto sua falta

História O destino é trapaceiro - Capítulo 8


Escrita por:


Capítulo 8 - Sinto sua falta


Sakura

Naquele momento eu podia jurar que eu e Sasuke se beijaria,senti meu coração saindo para fora,a vontade de beija-lo era enorme mais o receio dele nunca mais olhar na minha cara falava mais alto.

Até quando eu ia fingir que o odiava?e até quando eu ia conseguir esconder meus sentimentos por ele?

A volta para casa foi em total silêncio como o de costume, na minha mente ainda tinha seu toque em minhas mãos o que eu mais queria era saber o que se passava em sua cabeça. Eu tenho tantas dúvidas sobre ele.

...

Lá estava eu mais um vez com Ino ouvindo ela falar como foi sua primeira vez com Sasori,tive que ouvir cada detalhe até o que eu não queria saber ela me disse, eu tenho é dó dele,mal sabe ele que ela ta contando prós quatro ventos o que eles fizeram.

E só pra constar eu ja havia conhecido ele,bom ele era bem legal como Ino tinha me falado, só não entendi o que ele viu na louca da minha amiga e ele também era bem mistérioso. Nos intervalos da universidade passavamos nós tres,eu ( a vela) e o casal,que não param de trocar carícias.Ja to ficando cansada de ficar de vela,ate mesmo quando ele não ta eu fico de vela, a Ino fala tanto sobre ele que eu ja me considero melhor amiga dele.

Passaram algumas semanas desde o acontecimento do carro, Sasuke parece me ignorar mais e mais,o que me deixava meio intrigada.No começo daquele mês ele foi tão gentil comigo e agora nem olhava pra minha cara,nem parece que moramos na mesma casa.

...

As semanas de provas chegaram e com ela todo o meu bom humor foi junto, as semanas de provas sempre me deixaram muito tensa eu passava horas e horas na frente da escrivaninha,meu curso era medicina minha mãe sempre admirou os médicos ela me falava que eles eram os pequenos anjos que Deus envia para cuidar da gente aqui na terra. Quando mamãe morreu eu tinha meus 18 anos,mal sabe ela o quanto ela me fez e me faz falta,todos os dias lembro do seu sorriso e me lembro de como me ajudou no pior momento da minha vida,sem ela eu provavelmente não estaria mais aqui. Antes de falecer mamãe pediu para que eu realizasse todos os meus sonhos, ela me prometeu que estaria no céu zelando por mim.Hoje fazer medicina é meu objetivo nada nem ninguém vai me fazer mudar de ideia, quando eu vi a medica da mamãe chorando porque que não conseguiu salvar sua vida ,vi que ela não estava ali só por profissão mais sim por amor,e hoje faço medicina por amor jurei para mim honraria meu emprego que nunca mais nunca eu o trataria apenas como uma profissão.

Depois que mamãe se foi tive que aprender a lidar com o mundo sem sua ajuda,conquistei vários dos meus objetivos mais é claro que eu não cheguei até aqui sozinha,tive ajuda de algumas amigas como Ino e Tenten elas foram essenciais na minha vida.

Sim,eu me considero uma pessoa forte e muito forte por sinal,eu tive um passado conturbado tive traumas e ainda perdi minha mãe na minha pior fase quando mais eu precisava dela,tenho certeza que o universo não é muito o meu fã.Apesar de tomar alguns remédios controlados eu consegui ter uma boa vida.Com meus 19 anos fui contratada por uma loja muito famosa de roupas lá eu ganhava bem,como ainda morava na casa da minha mãe,juntei meu salário para conseguir quitar um apartamento, aquela casa não me trazia boas lembranças,na beira dos meus 22 anos consegui meu tão sonhado apartamento, ele era simples ao ver das outras pessoas mais ao meu ver ele era o melhor apartamento daquela cidade.

Depois que vendi a casa da minha mãe e me mudei para o apartamento resolvi parar com o uso dos remédios afinal eu me sentia bem muito bem, para mim eu ja tinha quase tudo o que eu precisava só me faltavam duas coisas... esquecer o passado e receber minha carta de aceitação para ser finalmente uma universitária de medicina, depois de três longos meses de ansiedade para saber se fui aceita ou não,eu finalmente tinha as cartas em minhas mãos.E é claro eu não abriria a carta sem as minhas duas melhores amigas.

-Ino?esta ai?

-Oi testuda,estou sim...

-Você não acredita!

-A carta chegou- falamos justas em meio a risadas

-To com medo de abrir.- suspirei vendo minhas mãos suarem de tanto nervossismo- Porca você pode abrir comigo?

- Calma ai testuda,a carta da Tenten chegou também.Vamos ir ai abrir todas juntas!- Ino desligou o celular empolgada,o curso que Ino iria fazer era de direito,e combina muito com ela ja que a mesma adora mandar nos outros mesmo.

Não demorou muito para que as duas estivesse tocando a campainha.Depois de muitos dramas finalmente abrimos e SIM fomos todas aprovas comemoramos nos três com espumante,era espumante por todo o lado. Estava tudo mil maravilhas até que se demos conta que a universidade de Tenten era no Texas e a minha e da Ino em Nova York,na despedida foi chororou por todos os lados,as vezes ligamos uma para a outra,sinto muito falta dela, porém ela esta feliz la e ela também está namorando com um tal de Neji e morando junto com o mesmo,eu o conheço apenas por internet,nunca o vi pessoalmente.

Sempre que posso mando mensagem para Tenten,ela e Ino foram dois anjos na minha vida, sempre estiveram comigo e nunca contaram para ninguém o que houve comigo então me sinto no dever de sempre agradecer as duas.Sempre soube que uma hora ou outra teríamos que seguir nossos próprios caminhos mais não esperava que seria tão rápido assim.


Notas Finais


Gentee vou começar a liberar os capítulos mais rápido.Comecei a trabalhar e não vou ter muito tempo agora, enfim espero que gostem.beijokas


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...